Técnico do São Paulo aposta em clássico imprevisível contra Corinthians

Técnico do São Paulo aposta em clássico imprevisível contra Corinthians

O empate por 1 a 1 entre São Paulo e Comercial, na noite da última quinta-feira, no Morumbi, acabou deixando a equipe são-paulina empatada com Palmeiras e Corinthians na liderança do Campeonato Paulista. Os três times entrarão na sétima rodada da competição com 14 pontos e o fato foi destacado pelo técnico Emerson Leão, que já espera por um duelo imprevisível diante dos corintianos no clássico deste domingo, às 17 horas, no Pacaembu.


'Tem coisa mais bonita que o Trio de Ferro estar nas primeiras colocações? São grandes que querem ser ainda mais. Apesar da dificuldade que enfrenta, ainda é grande. No domingo tudo pode acontecer. Para quem perder, não será um prejudicado, pois é líder', disse o comandante, minimizando o peso que o empate diante do Comercial teve para a sua equipe.

Os jogadores do São Paulo, porém, não deixaram de lamentar o empate no confronto desta quinta, pois uma vitória colocaria o time na liderança isolada do Paulistão. 'Tivemos uma desatenção contra o Comercial e sofremos o gol. Faltou um pouco de atenção no lance, mas agora é levantar a cabeça para o próximo jogo, que será muito importante', afirmou o zagueiro Paulo Miranda.

O defensor João Filipe, que atuou improvisado na lateral direita diante do Comercial, também já projetou o clássico e admitiu que espera por um jogo difícil diante do Corinthians. 'Fico feliz por poder ajudar o time, mas no domingo temos um jogo super complicado. Vamos trabalhar para conquistar um resultado positivo neste jogo', disse.

Já o atacante Willian, autor do gol são-paulino no empate com o Comercial, comemorou o fato de ter marcado pelo terceiro jogo consecutivo, sendo que balançou as redes duas vezes no confronto anterior - vitória por 3 a 1 sobre a Ponte Preta, em e deixou a sua marca no empate por 1 a 1 com o Guarani.

Diante do Comercial, Willian mostrou categoria ao dominar a bola no peito após lançamento de Cícero e tocar na saída do goleiro para fazer o gol são-paulino. 'Vi o zagueiro afastado e pedi a bola para o Cícero, que foi feliz no lançamento. É sempre bom o atacante estar fazendo gols, ainda mais nesta sequência que o Luis (Fabiano) está fora. Estou muito feliz e espero dar alegrias aos torcedores', ressaltou o atacante, lembrando que o titular não está atuando por causa de uma lesão.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Zagueiro tem 29 jogos pelo Corinthians: 14 vitórias, dez empates e apenas cinco derrotas

    Novo titular, Pedro Henrique 'perdoa' Guerrero e fala grosso: 'Corinthians briga para ser campeão'

    ver detalhes
  • Copa Sul-Americana terá 32 classificados na segunda fase

    Copa Sul-Americana chega a 21 classificados; torneio pode ter até sete campeões da Libertadores

    ver detalhes
  • Léo Santos (à dir.) deixou atividade mais cedo por conta de bolhas nos pés; Paulo Roberto foi testado na zaga

    Zagueiro deixa treino e faz Carille improvisar nesta quinta-feira; veja escalação do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes