Vampeta se diz confiante em título e aposta: 'Vamos meter uns dois hoje'

Vampeta se diz confiante em título e aposta: 'Vamos meter uns dois hoje'

Pentacampeão do mundo pela seleção brasileira e grande ídolo de uma geração vitoriosa do Corinthians, Vampeta mostrou bastante tranquilidade para falar sobre a decisão da Libertadores contra o Boca Juniores, na noite desta quarta-feira. O ex-jogador, que esteve nas eliminações do clube paulista na competição em 1999, 2000 e 2003 está confiante na conquista do título inédito e, principalmente, na força do elenco corintiano para garantir a vitória.

“Eu acordei tranquilo hoje. Acho que o Corinthians ganha o jogo e ganha bem. Esse grupo é muito bom, tenho certeza que eles não vão deixar esse título escapar, não vão abrir mão de deixar o nome deles na história do clube”, disse o ex-jogador, em entrevista à RÁDIO ESTADÃO ESPN.

Em 13 jogos na Libertadores, o Corinthians manteve a eficiência, mas apostou sempre na qualidade da defesa, garantindo vitórias quase sempre ‘no sufoco’. O time conseguiu marcar dois gols ou mais apenas em quatro oportunidades – na fase final, o Corinthians só conseguiu o feito no jogo de volta contra o Emelec pelas oitavas.

E para a decisão no Pacaembu, o técnico Tite novamente prometeu um time defensivo ‘esperando’ o Boca atacar. Ainda assim, Vampeta acredita em uma final “tranquila”, sem tanto desespero para o “corintiano sofredor”.

“Estou tão confiante, que acho que o Corinthians vai meter uns dois hoje”, brincou.

Vampeta também comentou as eliminações de 1999 e 2000, quando os corintianos caíram para o Palmeiras nas quartas e semifinais da Libertadores, respectivamente. Para ele, a derrota só não foi mais dolorida porque os rivais alviverdes também tinham um grande time à época.

“O que deixa a gente mais confortável é que perdemos uma semifinal de Libertadores para Alex, César Sampaio, e outros grandes jogadores. Aquele time do Palmeiras era tão bom quanto o nosso, a gente sabe para quem perdeu. Nós éramos um pouco melhores entre os titulares, mas eles tinham mais banco”, explicou.

Nesta quarta-feira, desde as primeiras horas da manhã, a ESPN já começou uma supercobertura para o dia histórico – tanto para a torcida corintiana quanto para os rivais. A programação dos canais está toda especial, e a Rádio Estadão ESPN também terá um dia diferente para acompanhar tudo o que acontece antes, durante e depois da decisão. No ESPN.com.br, o fã do esporte também poderá acompanhar reportagens especiais e todos os lances do jogo em tempo real.

Fonte: espn

Veja Mais:

  • No último mês de janeiro, Timão foi decacampeão da Copinha

    128 equipes, 32 grupos, um campeão: Corinthians conhece sede e adversários da Copinha 2018

    ver detalhes
  • Titular, Zeca foi campeão olímpico pela Seleção Brasileira, em 2016

    Corinthians estuda oferta ao lateral Zeca, diz portal

    ver detalhes
  • Fagner é titular absoluto da lateral direita no Corinthians

    Fagner anuncia renovação com Corinthians: 'Não estou na idade de ficar arriscando'

    ver detalhes
  • Romero e Danilo participaram do treino desta quarta-feira no CT Joaquim Grava

    Curinga suspenso, pacotão de baixas e escalações alternativas: a reapresentação do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes