Diretoria do Palmeiras será cobrada pelo prejuízo no Pacaembu

Diretoria do Palmeiras será cobrada pelo prejuízo no Pacaembu

Mais do que a amarga posição na tabela do Brasileirão, a derrota para o Corinthians, domingo, pode custar caro ao cofre do Palmeiras. Isso porque ainda nesta terça-feira o administrador do estádio do Pacaembu, Mauro Castro, deverá notificar e cobrar o clube pelas cadeiras que foram quebradas no clássico.

Responsáveis pela manutenção do Municipal ainda estão avaliando o tamanho do estrago para poder enviar ao Palmeiras, que como mandante, deve assumir os gastos.

– O pessoal da manutenção está vendo isso e amanhã (hoje) o Mauro Castro, diretor do Pacaembu, passará mais informações. A conta vai para o Palmeiras – afirmou Daniela, uma das atendentes.

Pouco antes de a partida terminar, torcedores de uniformizadas, que estavam nas arquibancadas, invadiram o setor das numeradas e tentaram invadir o camarotes, onde estava o presidente Arnaldo Tirone e o vice Roberto Frizzo.

Até a noite da última segunda-feira, a CBF ainda não havia divulgado a súmula da partida. A tendência é que o árbitro Marcelo Aparecido tenha relato a confusão. Com a venda de ingressos, o Palmeiras obteve a renda de quase R$ 500 mil no domingo.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Universidade Brasil firmou acordo com Corinthians para primeiro jogo da final estadual

    Corinthians anuncia patrocínio pontual para final do Paulistão; veja como fica a camiseta

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não volta ao Corinthians em 2017

    Corinthians empresta Alan Mineiro para quarto clube diferente em menos de um ano

    ver detalhes
  • Corinthians encerrou preparação contra a Ponte Preta

    Clima bom, susto de Pablo e escalação do Corinthians: o último treino antes da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Casuals foi derrotado nos pênaltis neste sábado; próxima temporada só em agosto

    Nos pênaltis, Corinthian-Casuals perde final e adia sonho de subir de divisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes