Martínez e Guerrero do Corinthians rejeitam perder de propósito

Martínez e Guerrero do Corinthians rejeitam perder de propósito

Como o Corinthians já está garantindo na Libertadores do ano que vem, pensa apenas no Mundial e já não corre mais risco de cair para a Série B, o placar do jogo deste sábado, contra o Bahia, não muda nada para o clube alvinegro. Já para os baianos a vitória é fundamental para se afastar da zona de rebaixamento, uma vez que o time é o 16.º colocado.


A vitória baiana também seria um péssimo resultado para o Palmeiras, arquirrival do Corinthians, que usa o Bahia como parâmetro para medir a sua distância para deixar a zona de rebaixamento. Por isso, a possibilidade de o time alvinegro 'facilitar' a vida do adversário deste sábado está na boca do torcedor. Os jogadores, porém, negam essa possibilidade.

Para não entrar nessa discussão, Tite sequer apareceu para conceder a tradicional entrevista coletiva de sexta-feira. Falaram os estrangeiros Martínez e Guerrero e ambos, que pouco conhecem da rivalidade entre Corinthians e Palmeiras, se mostraram contra a possibilidade de entrega.

'Na Argentina, isso nunca aconteceu, mesmo com Boca e River, todos pensam em ganhar. Não podemos entregar em entregar o jogo. Sempre penso em ganhar e fazer o melhor para o Corinthians. Não penso em ajudar ou não p Palmeiras, penso no Corinthians', disse o argentino Martínez.

O peruano Guerrero preferiu falar da importância da vitória para a equipe. 'Acho que para o Corinthians é um jogo importante, apesar de estarmos na metade da tabela. O que a gente pensa é ganhar amanhã (sábado) para manter ritmo. Temos que ganhar os três pontos', avaliou.

Os dois também desviaram de responder se acreditam que o Palmeiras vai cair para a Série B. 'Todos os times tem possibilidades matemáticas (de escapar). Não penso na situação do Palmeiras', comentou Martínez. 'O Palmeiras tem um bom time, ninguém sabe o que vai passar, agora está difícil para todos os times que estão embaixo', completou Guerrero.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Auricchio (à dir.) passou a integrar diretoria da base do Corinthians

    Corinthians nomeia ex-diretor de futebol para cargo na base

    ver detalhes
  • Após 1 a 1 na Arena, Timão volta a campo contra São Paulo na tarde deste domingo

    Rival tropeça, e Corinthians pode diminuir distância para primeira colocação geral

    ver detalhes
  • Carille não confirmou a equipe titular que enfrenta o São Paulo

    Rodriguinho não treina e Balbuena volta: veja provável escalação do Corinthians para o Majestoso

    ver detalhes
  • Em rede social, Kazim responde Gabriel: 'Pra cima dos bambis'

    Em rede social, Kazim provoca São Paulo antes de clássico: 'Pra cima dos bambis'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes