Com 103 mil sócios-torcedores, Timão encosta no Inter e anunciará upgrade

Com 103 mil sócios-torcedores, Timão encosta no Inter e anunciará upgrade

O Internacional que se cuide! Nos próximos meses, a diretoria do Corinthians quer ter o maior número de sócios-torcedores do país. O clube chegou aos 103.760 associados ativos no Fiel Torcedor, menos de três mil a menos do que o Colorado, que se vangloria há anos de ser o primeiro do país.

Para isso, o clube planeja o lançamento até o fim do mês de novembro de um novo modelo de plano, que terá como parceiro a Brahma. A empresa, que também fechou com outros clubes, terá um esquema de desconto no varejo para os torcedores que possuírem cartão fidelidade. A Brahma procura fabricantes e varejistas para negociar descontos que vão de 5% a 10% em produtos parceiros – cervejaria já fechou acordo com a PepsiCo e negocia com outras empresas, como Pão de Açúcar.

Os sócios-torcedores que já fazem parte do Fiel Torcedor também terão essa melhoria em seus atuais planos, podendo utilizar a rede de varejo que terá descontos e promoções. Os detalhes estão sendo tratados para o lançamento, que deve acontecer até próximo mês.

Criado em 2008, o plano de sócio-torcedor do Timão possui mais de 132.487 inscritos, mas o clube considera apenas o número de 103 mil devido à efetivação, ou seja, ao menos um pagamento após adesão. Por meio do programa, o corintiano compra seu bilhete antes da abertura das bilheterias, pela internet, no cartão de crédito ou boleto bancário – um posto de atendimento no Parque São Jorge também é disponibilizado. O preço para se associar é mais um atrativo: R$ 100 por ano (R$ 8,30 por mês).

SÓCIOS-TORCEDORES PELO BRASIL:

Internacional - 106 mil
Corinthians - 103 mil
Grêmio - 72 mil
Santos - 50 mil
São Paulo - 50 mil
Coritiba - 30 mil
Palmeiras - 17 mil
Sport - 12 mil
Flamengo - 10 mil
Cruzeiro - 10 mil
Ponte Preta - 9 mil
Atlético-MG - 5,4 mil
Portuguesa - 1 mil

CLUBE QUER MAIS ASSOCIADOS

Além do número de sócios-torcedores, a diretoria do Corinthians pretende aumentar o número de associados do clube que, além de frequentarem as dependências do Parque São Jorge, ainda têm direito a voto no pleito presidencial.

A primeira medida foi o desconto de 50% para na taxa de reativação de sócios antigos, por R$ 500 (Familiar) e R$ 360 (Individual). A segunda será a divulgação de mensagens na camisa, no espaço dos patrocinadores que o departamento de marketing ainda busca.

A terceira ação envolve o plano do Fiel Torcedor. Para os associados com mais de 12 meses de plano ativo, oferece, até o próximo dia 31 de dezembro, desconto de 50% na aquisição do título. Os valores para os sócios-torcedores são: R$ 400 (individual) e R$ 550 (familiar), que podem ser pagos em até dez vezes.

PRÓXIMOS DOIS JOGOS

Os sócios-torcedores do Corinthians já compraram quase 23 mil ingressos para os próximos dois jogos da equipe como mandante, que acontecem nos dias 10 e 20 de outubro, respectivamente, contra Flamengo (quarta-feira, às 22h) e Bahia (sábado, às 16h). Para o jogo contra os cariocas, 12,5 mil ingressos vendidos e contra o Bahia, outros dez mil. A venda para esses dois jogos segue no fieltorcedor.com.br.

BATE-BOLA: Lúcio Blanco

Gerente de arrecadação do Corinthians

‘Nosso plano já tomou corpo’

O Corinthians tem 132 mil sócios-torcedores inscritos, mas nem todos estão ativos. É isso mesmo?

Isso. São pessoas que fizeram o cadastro, temos na base de dados, mas eles nunca ativaram, nunca fizeram o pagamento para confirmar a adesão. Eles estão no sistema, mas para cadastro, inativos.

Como você analisa o atual estágio do programa do Corinthians?

Eu enxergo que ele já tomou corpo, aprendemos bastante nesse tempo todo (desde 2008). É um projeto que requer rotinas e ajustes diferentes. Eu, particularmente, sobre a minha área, que reflete no dia dos jogos, não penso num numero exorbitante. Objetivo principal é atender bem quem está conosco.

O que evoluiu nos últimos anos em termos de melhoria no FT?

Primeiro definimos como seria o próprio processo, se seria familiar, com um grupo de amigos, etc. O último foi o atendimento no estádio, que acredito que está sendo melhorado, jogo após jogo no Pacaembu.

Como será com o estádio novo? Quando o clube mandar os jogos na arena em Itaquera, mudará algo?

Sobre o estádio novo depende de conversas de várias áreas do clube, mas temos um exemplo legal que é o seguinte: em 2011, a venda de ingresso no Fiel Torcedor, em média, foi de 35%. Em 2012, aumentou para 51%. Isso é gradativo. Já estamos trabalhando no sentido do estádio do novo, de atender bem.

Fonte: lancenet

Veja Mais:

  • Recuperado de lesão, Balbuena volta a compor zaga com Pablo; dupla terá de parar melhor ataque do Paulista

    Defesa x ataque: Corinthians e São Paulo buscam vitória e equilíbrio em clássico no Morumbi

    ver detalhes
  • Auricchio (à dir.) passou a integrar diretoria da base do Corinthians

    Corinthians nomeia ex-diretor de futebol para cargo na base

    ver detalhes
  • Após 1 a 1 na Arena, Timão volta a campo contra São Paulo na tarde deste domingo

    Rival tropeça, e Corinthians pode diminuir distância para primeira colocação geral

    ver detalhes
  • Carille não confirmou a equipe titular que enfrenta o São Paulo

    Rodriguinho não treina e Balbuena volta: veja provável escalação do Corinthians para o Majestoso

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes