Consagrado pelo seu boxe, Cigano recebe faixa preta de Jiu-Jítsu antes do UFC155

Consagrado pelo seu boxe, Cigano recebe faixa preta de Jiu-Jítsu antes do UFC155

O campeão dos pesados do UFC, Júnior Cigano, é conhecido pelo seu excelente jogo de boxe - considerado o melhor do MMA - e pelos nocautes sobre o octógono. Mas ele não deixa por menos com seu jogo de chão. Foi no jiu-jítsu que ele entrou no mundo das lutas e, neste sábado, ele viveu um momento especial: ganhou sua faixa preta.

Pupilo de Yuri Carlton no jiu-jítsu - que mais tarde o levou a Luiz Dórea, seu principal técnico atualmente -, o peso pesado era faixa marrom e agora subiu um degrau importante na graduação, uma das mais importantes na arte suave.

A faixa preta vem em bom momento, já que a expectativa mais uma vez é de que Cigano possa ter de mostrar seu talento no chão no UFC. Na edição 155, em 29 de dezembro, ele encara Cain Velásquez. O duelo é uma revanche contra o lutador de quem o catarinense tomou o cinturão dos pesos pesados.

Velásquez é um especialista em wrestling e tem como uma de suas características tentar levar seus rivais para o chão para vencer no ground and pound. Cigano tem um bom jogo de defesa de queda, mas diversas vezes já afirmou que se garante no jiu-jítsu, se precisar.

Fonte: Uol

Veja Mais:

  • Jogadores do Corinthians comemoraram (e muito!) gol de Jadson na Arena do Grêmio

    Paulo Roberto dá show, Cássio pega pênalti, Corinthians vence Grêmio e dispara rumo ao hepta

    ver detalhes
  • Cássio foi eleito o melhor jogador do Corinthians na Arena do Grêmio

    Fiel destaca três corinthianos na vitória contra o Grêmio; Cássio recebe nota incrível

    ver detalhes
  • Mas foi Jadson quem mudou o placar na Arena Grêmio neste domingo

    Jogos de domingo chegam ao fim, e Corinthians abre vantagem impressionante na liderança

    ver detalhes
  • Gremistas empolgados demais antes de jogo contra Corinthians

    'Menos de 3 a 0 nem comemoro': dez gremistas empolgados demais antes de enfrentar o Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes