Alexandre Pato não terá bônus, mas lucro futuro

Alexandre Pato não terá bônus, mas lucro futuro

Se fosse um bem, a cotação de Alexandre Pato mostraria perdas de mais de R$ 50 milhões nos últimos cinco anos. Mas o jogador aposta em si: se o Corinthians vendê-lo, ele receberá 40% dos lucros.

Em 2007, o Inter o vendeu ao Milan por € 22 milhões (R$ 62 milhões em valores da época). Ontem, o Milan negociou o jogador com o Corinthians por € 15 milhões (R$ 40 milhões). Atualizando os valores, o prejuízo do clube italiano foi de R$ 54 milhões.

Corinthians e Pato entraram em acordo antes do embarque para o Mundial de Clubes. O clube estava disposto a desembolsar os R$ 40 milhões ao Milan e convenceu Pato a abrir mão de suas luvas. A solução foi repassar 40% dos direitos federativos ao próprio jogador. Se ele for vendido, 40% do total é dele.

"Ele deixou de ganhar dinheiro para deixar o Milan e fechar com o Corinthians", disse o diretor-adjunto de futebol do clube, Duílio Monteiro Alves, ontem pela manhã, horas antes do acerto.

Na verdade, Pato abriu mão de receber dinheiro agora para um eventual lucro futuro. E pensou na seleção.

Uma das principais motivações do atacante é a Copa do Mundo no Brasil, no ano que vem. O técnico Luiz Felipe Scolari disse a Robinho que quer contar com atletas que joguem no futebol brasileiro, pois eles teriam identificação maior com a torcida.

A expectativa dos corintianos em relação a Pato passa por seu histórico de lesões. Em 2012, ele jogou apenas 13 vezes. Sua última partida foi em 21 de novembro. Pato passou a maior parte da carreira profissional na Europa.

"Ele tem 23 anos, uma qualidade indiscutível e muito talento. Teve muitas lesões, a gente sabe disso e acompanha há algum tempo. A gente não vê problemas pelo histórico de tudo o que levantamos", disse Duílio. "Ele não tem lesão nenhuma, ele está bem. Estamos muito tranquilos em relação a isso."

Segundo a nota oficial do clube, Pato ainda passará por exames médicos antes de assinar o contrato, que valerá por quatro anos. Em julho, foi avaliado pelo fisiologista Turíbio Leite Neto, que descartou lesões crônicas.

A chegada de Pato fará o técnico Tite quebrar a cabeça para montar o novo time.

Seus principais colegas de posição, Emerson e Guerrero têm o histórico de gols importantes --o primeiro marcou na final da Libertadores contra o Boca Juniors, e o segundo, nas duas partidas do Mundial de Clubes.

Fonte: Folha de São Paulo

Veja Mais:

  • Jogadores do Corinthians comemoraram (e muito!) gol de Jadson na Arena do Grêmio

    Paulo Roberto dá show, Cássio pega pênalti, Corinthians vence Grêmio e dispara rumo ao hepta

    ver detalhes
  • Comemoração do pênalti defendido pelo Cássio

    Na redação da Band, Neto comemora pênalti defendido por Cássio: 'AQUI É CORINTHIANS P...'

    ver detalhes
  • Cássio foi eleito o melhor jogador do Corinthians na Arena do Grêmio

    Fiel destaca três corinthianos na vitória contra o Grêmio; Cássio recebe nota incrível

    ver detalhes
  • Mas foi Jadson quem mudou o placar na Arena Grêmio neste domingo

    Jogos de domingo chegam ao fim, e Corinthians abre vantagem impressionante na liderança

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes