Corinthians tem quase R$ 70 milhões a receber de oito clubes pela cessão de jogadores; veja detalhes

Corinthians tem quase R$ 70 milhões a receber de oito clubes pela cessão de jogadores; veja detalhes

62 mil visualizações 251 comentários Comunicar erro

Martinez, hoje no Independiente, foi cedido ao Boca Juniors há cinco anos; clube não recebeu ainda

Martinez, hoje no Independiente, foi cedido ao Boca Juniors há cinco anos; clube não recebeu ainda

Foto: Rodrigo Coca/Fotoarena

O balanço do Corinthians, que mostrou um déficit de R$ 35 milhões no exercício de 2017, também traz outros detalhes interessantes sobre a situação financeira do clube. Como, por exemplo, a receita que ainda tem para entrar nos cofres pela venda de jogadores.

De acordo com o documento, oito clubes ainda devem R$ 67,8 milhões ao Timão pela aquisição de atletas, seja pela compra dos direitos econômicos, empréstimo de direitos federativos ou até mesmo pelo mecanismo de solidaridade da Fifa, que garante até 5% de futuras transferências ao clube formador.

O valor mais significativo para entrar, sem dúvida, é do Sevilla (ESP) pela aquisição recente do lateral-esquerdo Guilherme Arana: R$ 38,7 milhões. Vale lembrar que esse é o valor total que o clube espanhol terá de repassar ao Corinthians. Porém, não é o valor que ficará com o clube...

O Timão, por contrato, tinha direito a 40% dos direitos econômicos do lateral. Nesse caso, os outros 60% serão repassados posteriormente à empresa do agente Fernando Garcia, que era dono de 60% dos seus direitos econômicos.

O Bordeaux, da França, ainda tem de pagar R$ 11,1 milhões ao Corinthians pela compra dos 15% restantes dos direitos econômicos do atacante Malcom. É o segundo valor mais robusto do montante. Esse montante entrará integralmente ao clube.

Há ainda mecanismo de solidariedade da Fifa de dois jogadores que foram vendidos para a Roma (ITA) num passado recente: Marquinhos (hoje no PSG) e Dodô (hoje no Santos).

Há também valores que o torcedor tinha certeza que não fazia mais parte de uma receita a ser usufruída pelo clube. O caso de Juan Martinez, cedido ao Boca Juniors (ARG) em 2013, é um grande exemplo. Pelo balanço, os argentinos ainda têm de pagar R$ 3,8 milhões - jogador, atualmente, está no Independiente.

Veja abaixo os clubes e os valores que ainda terão de ser repassados ao Corinthians

Luciano (atacante) - Panathinaikos, da Grécia - R$ 370 mil

Marquinhos (zagueiro) e Dodô (lateral-esquerdo) - Roma, da Itália - R$ 3,7 milhões

Martinez (atacante) - Boca Juniors, da Argentina - R$ 3,8 milhões

Uendel (lateral-esquerdo) - Internacional - R$ 800 mil

Felipe (zagueiro) e André (atacante) - Porto e Sporting, de Portugal - R$ 4,8 milhões

Matheus Pereira (meia) - Empoli, da Itália - R$ 4,3 milhões

Guilherme Arana (lateral-esquerdo) - Sevilla, da Espanha - R$ 38,7 milhões

Malcom (atacante) - Bordeaux, da França - R$ 11,1 milhões

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Titular diante do Botafogo, Roger é 'baixa inesperada' para clássico no Morumbi

    Roger sofre entorse e desfalca Corinthians no Majestoso; veja três possibilidades de escalação

    ver detalhes
  • Por que o Morumbi é o Salão de Festas do Corinthians | 68

    VÍDEO: Por que o Morumbi é o Salão de Festas do Corinthians | 68

    ver detalhes
  • Clayson reforça Timão no primeiro clássico pós-Copa do Mundo; Roger está fora

    Sem Roger, Loss relaciona Douglas e ganha retorno de atacante para clássico contra São Paulo

    ver detalhes
  • Douglas foi apresentado na tarde desta sexta-feira no CT

    Apresentado no Corinthians, Douglas se diz 200% curado de doença e já se coloca à disposição

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes