Loss aponta principal 'inimigo' do Corinthians em derrota e mantém esperança viva no Brasileirão

Loss aponta principal 'inimigo' do Corinthians em derrota e mantém esperança viva no Brasileirão

Por Meu Timão

10 mil visualizações 377 comentários Comunicar erro

Loss viu o Corinthians sofrer uma virada e ser derrotado pela Chapecoense neste domingo

Loss viu o Corinthians sofrer uma virada e ser derrotado pela Chapecoense neste domingo

O Corinthians perdeu uma chance de ouro na disputa do Campeonato Brasileiro neste domingo. A equipe foi derrotada pela Chapecoense por 2 a 1, na Arena Condá, e viu a chance de encostar no bloco de cima da tabela ficar um pouco mais longe. O técnico Osmar Loss lamentou o tropeço alvinegro, que acabou concretizado com uma virada dos catarinenses.

Contando com uma escalação mista, com oito jogadores considerados reservas em campo, o Timão teve um início arrasador na Arena Condá. Marquinhos Gabriel abriu o placar nos primeiros cinco minutos de jogo, e a vitória se manteve até a segunda etapa do duelo. Porém, a equipe demonstrou uma concentração mais baixa, e a Chapecoense soube se aproveitar disso. Os catarinenses empataram o placar aos 24 minutos e viraram já nos acréscimos.

"A gente falou (no vestiário) que o nosso maior inimigo de hoje éramos nós mesmos. Relaxar, perder as linhas de jogo. Infelizmente, o futebol tem dessas "traiçoreirices". A Chapecoense tem o mérito de ter feito um jogo que deu certo. No banco, a gente fica aflito, tenta buscar alternativas. Mas, infelizmente, saímos coma derrota e não só com o empate", analisou Loss.

Mesmo com o revés, o treinador reservou elogios ao Timão. O meia Ángelo Araos, titular pela primeira vez neste domingo, recebeu um deles, assim como todo o início de jogo da equipe. "O Araos fez uma partida brilhante, assim como toda a equipe no primeiro tempo. Um jogo de posse de bola com presença ofensiva. Na primeira etapa tivemos tudo isso e temos que buscar essa referência", completou.

Leia também:
Corinthiano Clayson acerta torcedora com água na Arena Condá e recebe críticas; veja repercussão
Vital exalta início do Corinthians e 'culpa' falta de concentração por derrota contra Chapecoense

A derrota em Chapecó deixou o Corinthians estacionado na sétima colocação do Brasileiro, com 26 pontos. O líder São Paulo está a 12 pontos de distância neste momento. Ainda assim, para Osmar Loss, há esperança para o Timão na disputa do Nacional.

"Acho que estamos no primeiro turno. Claro que com uma distância maior (para o líder, 12 pontos), realmente fica mais distante. Temos um turno todo para jogar e temos intenção de terminar no bloco de cima", afirmou.

O Corinthians volta a campo já nesta quarta-feira, diante da mesma Chapecoense, na Arena Condá. A partida é válida pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. O Corinthians venceu os catarinenses por 1 a 0 no duelo de ida, em Itaquera. Loss garantiu que a derrota deste domingo não deve exercer nenhuma influência na decisão.

"Já tiramos isso (peso) nos vestiários. São campeonatos distintos, jogadores distintos, decisões e tamanhos completamente diferentes. Vamos com um ambiente sólido para tentar a classificação", finalizou o treinador.

Veja mais em: Osmar Loss e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Ramiro está confirmado na equipe titular do técnico Fábio Carille

    Com seis reforços, Corinthians relaciona 21 jogadores para estreia no Paulistão; veja lista

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians terá que comprar ingressos para assistir à semifinal da Copinha em 2019

    Jogo do Corinthians pela semifinal da Copinha terá venda de ingressos; veja como comprar

    ver detalhes
  • Diretoria do Corinthians vem anunciando novidades na camisa alvinegra neste mês de janeiro

    Corinthians fecha patrocínio de dois anos para barra traseira da camisa

    ver detalhes
  • Oya já soma sete gols na atual edição da Copinha; é o artilheiro do Corinthians no torneio

    Artilheiro e própria Fiel ganham repercussão entre corinthianos após nova vitória na Copinha

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes