Um ano depois, Jabá detalha saída do Corinthians: 'Não jogava. Só treinando, treinando...'

Um ano depois, Jabá detalha saída do Corinthians: 'Não jogava. Só treinando, treinando...'

Por Meu Timão

5.3 mil visualizações 74 comentários Comunicar erro

Léo Jabá deixou Corinthians com apenas 18 anos de idade

Léo Jabá deixou Corinthians com apenas 18 anos de idade

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Mais de um ano após se transferir do Corinthians ao futebol russo, Léo Jabá admitiu que não estava feliz com a falta de espaço no elenco que viria a se tornar heptacampeão brasileiro em 2017 sob comando de Fábio Carille. Em entrevista concedida ao portal Uol, o hoje atacante do PAOK FC, da Grécia, detalhou sua decisão de, com apenas 18 anos, se mudar para o outro lado do mundo.

"Depois que fiz o gol (contra o Linense, em 30 de março de 2017), não joguei mais, então, achei muito estranho. Chegou a proposta e não era nem do Terek, né, era do Lokomotiv (Moscou), proposta muito boa e estava pronto para ir. Porque os valores eram bons, tudo era excelente e era um novo desafio. A minha mãe ficou meio assim, 18 anos, você sair do Brasil, largar tudo, mas eu não estava feliz porque minha felicidade é jogar futebol e eu não estava jogando. Só treinando, só treinando...", relatou o ainda jovem atleta, que foi integrado ao elenco profissional do Timão ainda em 2015, sob comando de Tite.

Ainda que tenha admitido incômodo com o excesso de partidas na reserva enquanto defendia o Corinthians, Jabá negou ter se frustrado com sua experiência profissional no Timão.

"Não (diria que fiquei frustrado com a falta de chances), acho que, enquanto estive em campo, sempre fiz o meu melhor (pelo Corinthians), sempre procurei trabalhar, sempre chegava antes nos treinos para procurar melhorar em tudo. Sou uma pessoa que gosta de trabalhar muito e sou movido a jogar", explicou.

Chama atenção o fato de Jabá, mesmo agora atuando no futebol europeu, manter o discurso que tinha quando ainda vestia a camisa do Corinthians. Em março do ano passado, ele já havia declarado que não se sentia pressionado em jogar diante de uma Arena, em Itaquera, lotada. Na última semana, repetiu a fala, mas desta vez se referindo a sua estreia na Liga dos Campeões da Uefa - o PAOK FC decide vaga à fase de grupos nesta quarta-feira, em jogo de volta marcado contra o Benfica, em casa, na cidade grega de Salonica.

"Se eu quisesse, poderia continuar lá e recebendo em dia, mas não ia estar fazendo o que eu gosto. Eu acreditei no projeto e foi muito importante. Em um ano, fiquei no top 5 da Rússia, evoluí muito. Como falei, vivi de tudo um pouco, treinar durante a semana e chegar no dia do jogo e você estar na reserva. Então, as coisas fazem você amadurecer. Você é jovem e não está acostumado com isso", finalizou Jabá.

Veja mais em: Léo Jabá e Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Andrés Sanchez retornou ao Brasil após viagem à Europa por reforços

    De volta da Europa, Andrés Sanchez indica reforços e nega possível saída de Pedrinho do Corinthians

    ver detalhes
  • Jogadores reservas foram a campo no treino de hoje no CT

    Com Vital recuperado, Corinthians inicia preparação para partida contra Atlético-PR

    ver detalhes
  • Carlos Augusto em ação pela Seleção Brasileira Sub-20; lateral é esperado em Curitiba nesta quarta

    Corinthians define logística para contar com Carlos Augusto contra o Atlético-PR

    ver detalhes
  • Equipe de Jair Ventura se afastou da zona de rebaixamento e pode respirar mais tranquila

    Chances de rebaixamento do Corinthians beiram zero após vitória decisiva contra o Vasco

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes