Técnico do Corinthians justifica decisão por fechar treino e diz como foi trabalho pré-Colo-Colo

Técnico do Corinthians justifica decisão por fechar treino e diz como foi trabalho pré-Colo-Colo

Por Vinícius Souza e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

1.7 mil visualizações 27 comentários Comunicar erro

Loss exigiu privacidade no último treino do Timão antes do Colo-Colo

Loss exigiu privacidade no último treino do Timão antes do Colo-Colo

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Ao contrário do esperado, o treinamento do Corinthians desta terça-feira, o último da equipe antes da decisão com o Colo-Colo (CHL), foi fechado para a imprensa. Os jornalistas puderam acompanhar somente os primeiros 15 minutos do trabalho no CT Joaquim Grava – mero aquecimento dos atletas. Em seguida, todos foram confinados em local anexo à sala de coletivas.

Em entrevista logo após o expediente, Loss explicou que solicitou que a atividade fosse reservada aos jogadores para que ele pudesse repetir trabalhos estratégicos com privacidade. Ele mostrou ao elenco pontos fortes do Colo-Colo e soluções para que o Timão saia de campo classificado às quartas de final da Copa Libertadores da América.

“A gente trabalhou aspectos ofensivos e defensivos. Tentamos mostrar alguns caminhos como esperamos que o Colo-Colo nos marque, e mostramos algumas soluções do que observamos de quatro ou cinco jogos deles, inclusive o nosso. Tem caminhos que podem ser melhor explorados. O jogo mostra a fragilidade do adversário”, explicou Loss, antes de listar exemplos aos jornalistas:

“Citei o Brasil na Copa, o gol do Paulinho de infiltração contra a Sérvia. Foram sete ações iguais até que a bola saísse no momento certo. A gente precisa insistir. O jogo dá alguns caminhos. Jogo do Fluminense, a gente tinha um caminho no lado esquerdo do ataque e fizemos duas jogadas, tinha que ter feito 15 vezes. Jádson que marcava o Avelar dava espaço. E fizemos treino defensivo, situações do Paredes e Barrios, algumas situações dos alas. Foram alguns dos aspectos trabalhados”.

Leia também:
Loss explica situação de Cássio e confirma apenas volta de Romero contra Colo-Colo
Corinthians embarca em meme, e 'Tio Mosqueteiro' convoca Fiel para decisão na Arena

Fato é que, desde que havia assumido o posto deixado por Fábio Carille, em meados de maio, Loss jamais havia fechado um único treino no Corinthians. Cristóvão Borges e Oswaldo de Oliveira, antecessores de Carille e que não tiveram longa duração no clube, costumavam comandar atividades sem a presença da imprensa.

Corinthians e Colo-Colo medem forças nesta quarta-feira, às 21h45, na Arena, em Itaquera, pela volta das oitavas da Libertadores. Como perdeu por 1 a 0 em Santiago, a equipe de Carille necessita vencer por dois ou mais gols para avançar de fase no tempo normal. Haverá disputa de pênaltis caso o Timão triunfe pelo mesmo placar da ida.

Sincero, Loss pediu à torcida corinthiana que apoie assim como na noite do último sábado, na vitória por 1 a 0 sobre o Paraná Clube. “Espero que o comportamento seja o mesmo do Paraná no sábado: apoio irrestrito e incondicional. Que nos ajudem, nos empurrem, deem força na dificuldade do jogo e que tenham paciência para que, juntos, a gente consiga construir o resultado. Nem sempre as coisas serão perfeitas, mas com eles seremos mais fortes”, completou.

Veja mais em: Osmar Loss, Oswaldo de Oliveira, Fábio Carille, CT Joaquim Grava, Treino do Corinthians e Libertadores da América.

Veja Mais:

  • Timão divulga primeira relação de atletas inscritos no Estadual; lista ganhará novos jogadores

    Paulistão: Corinthians inscreve 19 nomes e reserva vagas a reforços; veja relação

    ver detalhes
  • Agora em definitivo: Boselli é esperado no Brasil nesta sexta-feira

    Boselli inicia viagem para se reapresentar ao Corinthians

    ver detalhes
  • Thiaguinho (à esq.) pode ganhar vaga caso Ramiro se torne desfalque

    Com Sornoza e sem Ramiro, Carille ensaia escalação do Corinthians para estreia no Paulistão

    ver detalhes
  • Guilherme Arana pode voltar ao Corinthians em 2019

    Corinthians faz proposta para compra de Guilherme Arana; Flamengo tenta atravessar

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes