Gabriel detalha lance de pênalti contra Corinthians diante do Atlético-MG: 'Muito difícil'

Gabriel detalha lance de pênalti contra Corinthians diante do Atlético-MG: 'Muito difícil'

Por Thaina Barros e Rodrigo Vessoni, na Arena Corinthians

10 mil visualizações 47 comentários Comunicar erro

Gabriel protagonizou pênalti sinalizado contra o Corinthians diante do Atlético-MG

Gabriel protagonizou pênalti sinalizado contra o Corinthians diante do Atlético-MG

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Capitão do Corinthians, Gabriel foi um dos protagonistas do empate de 1 a 1 contra o Atlético-MG deste sábado - mas não do jeito que ele esperava. No jogo que marcou a celebração dos 108 anos do clube, o volante acabou responsável por um toque de mão na área que rendeu um pênalti a favor do adversário. O lance garantiu a igualdade na Arena em Itaquera. O camisa 5 detalhou sua visão do lance e lamentou o resultado.

"No primeiro lance eu estou muito perto, com a mão grudada ao corpo, ela (bola) bate na minha barriga, ele (árbitro) deu mão. O lance do pênalti foi um lance em que o cara foi na frente, ele desviou uma bola que é difícil você estar atrás... Ela estava numa trajetória mas mudou e veio em direção à mão. São lances que aconteceram na Copa do Mundo. Realmente é muito rápido, então não tem como. O lance da falta não foi... agora é seguir em frente, como eu disse, um ponto hoje, somamos, e agora buscar os três pontos fora”, disse o volante.

Leia também:
Pedrinho brilha, e Marllon volta a surpreender: as notas corinthianas do empate na Arena
Vaiado na Arena Corinthians, Loss lembra série de desfalques e pede compreensão da torcida

Até a penalidade sinalizada pelo árbitro Wagner Nascimento Magalhães, ainda no primeiro tempo, o Corinthians vencia com um gol marcado por Pedrinho. O camisa 38 bateu bem na intermediária e abriu o placar em Itaquera. Momentos depois, o Atlético-MG teve a chance do empate com a falta dentro da área, e o ex-corinthiano Fábio Santos não desperdiçou.

"Muito difícil, o cara realmente não tem o que fazer, impossível de ser evitado. É preciso ter atenção para não deixar o cara correr e antecipar. Era um jogo em que poderíamos vencer, mas foi muito truncado para as duas equipes. O Atlético-MG não conseguiu criar chances de gol. Agora é buscar os três pontos contra o Ceará fora para tentar reverter essa situação", completou Gabriel.

Leia também: Roger vê pênalti bem marcado contra Corinthians, mas questiona critérios da arbitragem

Com o empate, o Timão subiu uma posição na tabela e é o sétimo colocado. Foram 30 pontos somados até aqui, sendo oito vitórias, seis empates e oito derrotas. A equipe de Osmar Loss volta a disputar o Nacional na próxima quarta-feira, diante do Ceará, no Estádio Castelão.

"A torcida queria a vitória (sobre o Atlético-MG) e nós também. Fizemos de tudo pra vencer. Jogo é isso ai, difícil também... enfrentamos uma equipe forte, de qualidade. Conseguimos sair na frente, tomamos o empate. Acho que, se nós tivéssemos caprichado mais no último passe, talvez teríamos criado mais chances de gols, mas não foi possível. Agora é buscar os três pontos fora contra o Ceará, os três pontos que não vieram hoje em casa, pra poder subir um pouco mais na tabela e encostar na galera de cima", encerrou o camisa 5.

Veja os melhores momentos de Corinthians x Atlético-MG

Veja mais em: Gabriel e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Thiaguinho deve ser titular do Corinthians neste sábado

    Sem Jadson, provável escalação do Corinthians tem três mudanças para encarar Vasco

    ver detalhes
  • Cerca de 300 torcedores na porta do CT Joaquim Grava na tarde desta sexta-feira

    Organizada do Corinthians grita contra Andrés e se reúne com jogadores, diretoria e Jair

    ver detalhes
  • Jadson está relacionado para o jogo deste sábado contra o Vasco

    Corinthians relaciona Jadson e outros 22 jogadores contra o Vasco; veja a lista

    ver detalhes
  • Teu passado é uma bandeira. Não aprenderam a lição?

    [Lucas Faraldo] Teu passado é uma bandeira. Não aprenderam a lição?

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes