Corinthians sofre, mas vence no tie break pelas quartas de final do Paulista de Vôlei

Corinthians sofre, mas vence no tie break pelas quartas de final do Paulista de Vôlei

Por João Pedro Izzo

4.8 mil visualizações 39 comentários Comunicar erro

Corinthians não teve vida fácil, mas venceu o Vôlei Ribeirão por 3 sets a 2

Corinthians não teve vida fácil, mas venceu o Vôlei Ribeirão por 3 sets a 2

Marcos Ribolli/Vôlei Renata

A equipe masculina de voleibol do Corinthians fez seu dever de casa diante do Vôlei Ribeirão ao ganhar por 3 sets a 2 na noite desta terça-feira. Em duelo disputado no Ginásio da Ponte Grande, em Guarulhos (SP), o Timão sofreu, mas obteve a vitória.

"Agora é outra fase, outro momento. Agora é decisivo. Vamos (tentar sair) com a vantagem para jogar em Ribeirão. Essa é a ideia (atacar mais). Vamos sacar forte, nossa virada de bola tem que ser forte. O ataque tem que prevalecer hoje", disse o treinador Gersinho antes da partida ao canal SporTV.

E o ataque do Corinthians realmente prevaleceu. Neste duelo, válido pelo Campeonato Paulista de Vôlei, o triunfo do Corinthians veio com parciais de 25/22, 26/24, 18/25, 21/25 e 15/9.

Com a vitória no jogo de ida das quartas de final, apenas a vitória no jogo de volta garante a classificação direta para as semifinais. Em caso de triunfo do oponente, haverá o Golden Set.

Leia também: Copa do Brasil, treino aberto e decisão no feminino: a semana de compromissos do Corinthians

Escalação

A escalação inicial do Corinthians frente ao Vôlei Ribeirão foi formada por: Serginho (líbero), Diogo, Sidão, Marcelinho, Riad e Gabriel. No banco de reservas, estavam: Cris, Matheus, Mariano, Erick, Vitão, Nicolas, Fábio e Luan.

Rivaldo foi desfalque por conta de duas lesões no ombro, o que deixará o atleta fora de combate por aproximadamente seis meses.

Sobre o jogo

Com diversos erros de saques no início do primeiro set, Corinthians e Vôlei Ribeirão fizeram começo equilibrado, sem que nenhum time conseguisse abrir vantagem. Destaque para bela diagonal em ponto de Gabriel quando o placar apontava 8 a 7 para o Timão. As duas equipes continuavam errando muitos saques. Desta forma, os dois times seguiam errando no fundamento e não abriam vantagem. Fábio deu lindo bloqueio quando fez o placar sinalizar 14 a 12: seria a primeira superioridade com mais de um ponto.

Entretanto, o adversário seguia fazendo jogo parelho e não dava trégua para o time corinthiano. O inusitado foi quando o Timão fez dois pontos de maneira seguida, mas que levantaram dúvidas para as equipes e a arbitragem, a qual tratou de frear a reclamação do rival. Com a vantagem sendo estabelecida e a continuidade de erros por parte do Vôlei Ribeirão, o primeiro set terminou a favor do Corinthians: 25 a 22.

O segundo set começou com o primeiro ponto por parte do adversário, que começou abrindo 2 a 0 a partir do primeiro ponto com ace. O Timão tratou de esfriar os ânimos e logo virou, também com ace de Riad. Diogo era o destaque alvinegro, com precisão em grande parte dos lances. Mas foi Riad que fez com que o Corinthians virasse a partida para 17 a 16. Contudo, o equilíbrio entre as equipes continuava gritante.

Todavia, após dois erros seguidos do Vôlei Ribeirão, com um saque forçado e uma pancada direto para fora, o Timão assumiu vantagem em 22 a 20. O adversário encostou, mas com um bloqueio magistral de Riad, mais um set fechado: 26 a 24 para o Corinthians.

O terceiro set foi iniciado com acertos seguidos do saque do Vôlei Ribeirão, que abriu 4 a 2 na pontuação, porém, os comandados de Gersinho estavam ligados e logo empataram. A posse de bola não ficava do lado do Corinthians, que viu três pontos serem abertos em favor ao rival.

Com seguidas reclamações do experiente Riad, o camisa 15 do Timão foi expulso do duelo. Os ânimos exaltados desconcentraram a equipe corinthiana, que viu o rival fazer 17 a 12. Com diversos erros, o Corinthians sucumbiu no terceiro set, perdendo por 25 a 18.

Embalado pela vitória no terceiro set, o quarto período também começou com o domínio do Vôlei Ribeirão, o que fez o técnico Gersinho pedir calma para os seus atletas. Apesar do início ruim, Riad fez grande ace e tratou de diminuir a desvantagem para um ponto. O bom momento do Ribeirão, entretanto, continuava firme.

Mais ligada após novo "puxão de orelha" de Gersinho, o Corinthians encostou, diminuindo novamente para 14 a 15. Giovanni, do Ribeirão, continuava a pontuar a partir dos saques, dificultando demais a vida do líbero Serginho. O garoto Gabriel era o protagonista do Timão no quarto set, mas ele não conseguiu impedir nova derrota no set: 25 a 21 para o Vôlei Ribeirão.

No tie break, o Timão começou muito bem, abrindo logo três pontos de vantagem. Todavia, Giovanni não dava brechas e continuava acertando saques. Com isso, o rival empatou a partida. Disputado ponto a ponto, o Corinthians conseguiu abrir vantagem, sobretudo com a experiência de Marcelinho, chegando a 10 a 6. O ritmo seguiu forte e o time de Gersinho fechou o jogo em 15 a 9.

E a tabela, Meu Timão?

Depois de terminar a primeira fase do Campeonato Paulista de Vôlei com quatro vitórias e quatro derrotas em oito jogos, o Corinthians ficou em quinto na fase de classificação, somando 13 pontos. Agora, nas quartas de final, enfrenta o quarto colocado, o Vôlei Ribeirão, que teve um ponto a mais. Vale lembrar que, para as semifinais, o vencedor do confronto encara quem se classificar de Santo André ou SESI-SP.

Outro ponto que é válido destacar é o Golden Set: caso haja empate no placar agregado, as equipes se enfrentam em um tempo extra no jogo de volta para ver quem se classifica à fase seguinte.

Confira as chaves do campeonato estadual:

  • Corinthians/Guarulhos x Vôlei Ribeirão
  • Santo André x SESI-SP
  • São José dos Campos x Vôlei Renata
  • Vôlei Itapetininga x Taubaté

Agora é fora de casa!

O próximo compromisso de Gersinho & cia. está marcado para esta semana. O vôlei do Corinthians volta a jogar no próximo sábado, dia 29, no jogo de volta das quartas de final diante do Vôlei Ribeirão. O embate ocorrerá às 16h no Ginásio Cava do Bosque, em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo.

Veja mais em: Vôlei do Corinthians.

Veja Mais:

  • Fiel aprova negociações com trio que pode chegar ao Timão para o ano que vem

    Fiel opina sobre jogadores que ainda podem chegar ao Corinthians para 2019

    ver detalhes
  • Em 2017, Timão caiu nas oitavas da Sul-Americana para mesmo o Racing

    Conmebol sorteia primeira fase da Copa Sul-Americana, e Corinthians revê Racing

    ver detalhes
  • Medina faturou seu segundo título mundial de surfe

    Corinthiano Gabriel Medina é bicampeão mundial de surfe

    ver detalhes
  • Luidy nunca atuou oficialmente com a camisa do Timão

    Ainda sem estrear pelo Corinthians, atacante Luidy deve ser emprestado pela quarta vez

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes