Everaldo relembra infância e explica homenagem ao pai em comemoração de gol do Corinthians

Everaldo relembra infância e explica homenagem ao pai em comemoração de gol do Corinthians

Por Vitor Chicarolli e Lucas Faraldo

3.0 mil visualizações 31 comentários Comunicar erro

Comemoração de Everaldo em homenagem ao pai, após gol do Corinthians

Comemoração de Everaldo em homenagem ao pai, após gol do Corinthians

Danilo Fernandes/Meu Timão

Embalado por boas atuações pós-Copa América, o Corinthians fez uma grande partida e venceu o Botafogo por 2 a 0, sábado, na Arena, em Itaquera, pelo Campeonato Brasileiro. Titular, o atacante Everaldo se destacou e marcou seu primeiro gol com a camisa do Timão.

Logo depois de balançar as redes, Everaldo comemorou de uma forma que chamou atenção do público. O jogador sentou e simulou uma "bicicletinha", em homenagem ao seu pai, que carrega o mesmo nome e nunca mediu esforços para levá-lo aos treinos quando ainda era uma criança em Olinda, Pernambuco.

"Meu pai começou a me levar para os treinos eu tinha de oito a nove anos, na escolinha do Santa Cruz. Isso até os 19, quando saí do América de Pernambuco para jogar no Boa Esporte, em Minas. Ele parou de me acompanhar, comecei a rodar, graças a Deus deu tudo certo. São Bento, Fluminense e agora posso dizer que sou um cara realizado por vestir a camisa do Corinthians e dar orgulho para meu pai, para minha família", disse o corinthiano em entrevista concedida nesta segunda-feira, no CT Joaquim Grava.

"Era uma bicicleta. Inclusive era eu e meu irmão que meu pai levava, dava em torno de 40 minutos para ir e 40 para voltar. Era apenas uma (bicicleta). Eu não sei como se fala aqui, lá em Pernambuco se fala bagageiro. Meu pai ia pedalando", acrescentou.

Leia também:
Em alta, Boselli se torna terceiro artilheiro do Corinthians em 2019; centroavantes lideram a lista
Corinthians abre venda geral de ingressos pela internet para duelo com Fluminense pela Sul-Americana
Corinthiano Júnior Urso sofre assalto a mão armada em Taboão da Serra

Contratado junto ao Fluminense no último mês de maio, Everaldo disputou oito partidas pelo Corinthians e já tinha admitido uma certa ansiedade por marcar seu primeiro gol pelo clube. Antes disso, porém, ele defendeu as cores de São Bento e Velo Clube na temporada passada.

"Às vezes quando chego para treinar, ou à Arena para os jogos, aí é que cai a ficha, né? As coisas aconteceram muito rápido, há um ano e meio eu estava no São Bento, antes no Velo Clube. Nem eu esperava que as coisas fossem acontecer tão rápido", concluiu.

Fora da disputa da Copa Sul-Americana, Everaldo volta a ficar à disposição de Fábio Carille no domingo, contra o Avaí, às 19h, na Ressacada, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja mais em: Everaldo.

Veja Mais:

  • Gaviões da Fiel marcará presença no CT Joaquim Grava nesta sexta-feira

    Gaviões da Fiel convoca protesto nessa sexta-feira no CT do Corinthians

    ver detalhes
  • Michel Macedo pegou dois jogos de suspensão

    Michel Macedo é punido pelo STJD por expulsão contra o Avaí e será desfalque no Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians se reapresentou ao CT Joaquim Grava na tarde desta quinta-feira

    Corinthians se reapresenta de olho no Brasileirão e time deve ter mudanças contra o Bahia

    ver detalhes
  • Atleta tem passagem pelo Huelva, no futebol espanhol

    Corinthians Feminino fecha contratação de ex-lateral do Palmeiras

    ver detalhes

Comente a notícia: