Como desmanche do Arsenal turbinou Corinthians inglês no mais brasileiro dos futebóis

28 mil visualizações 56 comentários Comunicar erro

Time de futebol de areia do Corinthian-Casuals, o 'co-irmão' inglês do Corinthians

Time de futebol de areia do Corinthian-Casuals, o 'co-irmão' inglês do Corinthians

Arquivo pessoal

Um desmanche no elenco do Arsenal, um dos mais tradicionais clubes do futebol inglês, resultou na transferência de um time inteiro para o Corinthians nesta temporada de 2019. Os jogadores, que estavam classificados à Liga dos Campeões da Europa e agora defendem as cores do Timão, também representam a seleção da Inglaterra em jogos e torneios de nações.

Parece loucura, não é? Mudando um pouquinho alguns elementos dessa história, porém, trata-se de um relato real: o Corinthian-Casuals se beneficiou de um conjunto de dispensas da equipe de futebol de praia do Arsenal, que estava classificada à Copa dos Campeões da Europa da modalidade, e lançou um time com estrelas nacionais recém-dispensadas dos Gunners, dando início a sua trajetória no mais brasileiro dos futebóis: o football praiano.

Da Inglaterra para o Brasil (e vice-versa)

Passado cerca de um século da chegada do futebol da Inglaterra ao Brasil, surgia no mundo o futebol de areia (ou beach soccer) de forma mais profissional na última década de 90, tendo justamente as praias brasileiras como pioneiras na modalidade. A costa litorânea de Portugal também tem registros antigos da prática esportiva, ainda que de forma amadora.

Não à toa, Brasil e Portugal são os maiores campeões da Copa do Mundo de Futebol de Areia, disputada atualmente de dois em dois anos. São 14 títulos brasileiros e três portugueses. Na "era Fifa", os sul-americanos são pentacampeões; os europeus, bi.

A Inglaterra do Corinthian-Casuals, por sua vez, naturalmente tem pouca tradição na modalidade, haja vista o clima chuvoso e de temperatura média anual na casa dos 10ºC. O país tem como melhor resultado na Copa do Mundo um terceiro lugar na edição de 1995.

"Quando qualquer um, até na Inglaterra, pensa em futebol de areia, está pensando no Brasil. O país é sinônimo da modalidade, e os brasileiros serão sempre os reis!", diz Ben Bowra, ex-jogador inglês de futebol profissional de campo e hoje atleta de futebol de areia, em entrevista ao Meu Timão. "O futebol de areia está crescendo na Inglaterra, mas a popularidade do futebol e, claro, o clima do país dificultam a concorrência (pelo gosto popular)", acrescenta.

O beach soccer, como é conhecida a modalidade na terra da Rainha, é mais propício a se fortalecer nas cidades da região sul da ilha, por conta do clima e das praias menos hostis.

"As praias aqui não são as melhores, mas há algumas com areia boa na costa sul, embora na verdade o futebol de areia aqui seja majoritariamente praticado em arenas construídas especificamente para a modalidade, com qualidade muito alta da areia", conta Bowra.

Aos 32 anos, Ben é hoje um dos principais jogadores de futebol de areia da Inglaterra e defende as cores do Corinthian-Casuals, clube considerado "co-irmão" do Sport Club Corinthians Paulista em decorrência da história de fundação da agremiação brasileira: o nome foi inspirado numa excursão que o Corinthian, time inglês do século passado, fazia em terras brasileiras há cerca de 110 anos. Em 1939, um processo de fusão deu origem ao Corinthian-Casuals, remanescente no futebol inglês até os dias atuais.

Ben é também jogador da seleção inglesa de futebol de areia

Ben é também jogador da seleção inglesa de futebol de areia

Arquivo pessoal

Do gigante Arsenal para... o Corinthian-Casuals?!

A pouca tradição da modalidade na Inglaterra é refletida no baixo número de times de lá considerados oficiais pelo beachsoccer.com, principal portal do mundo sobre futebol de areia. Mais forte time do país até o início de 2019, o tradicional Arsenal, conhecido globalmente pelo futebol de campo, tinha a companhia dos compatriotas Silesia St Neots, Eastleight Spitfires, Portsmouth, WKR Santos e Sandown Sociedad – os quatro últimos da região sul.

"Eu e boa parte da seleção inglesa de futebol de areia jogávamos no time do Arsenal. Com aquele time, nos classificamos para a Euro Winners Cup, a Champions League do futebol de areia, ano passado. Mas nosso vínculo com o Arsenal acabou e eles não quiseram a gente participando do torneio por causa de direitos de televisão. Decidimos então que precisaríamos nos filiar a um clube diferente", recorda Bowra.

E haja diferença entre o Arsenal e o Corinthian-Casuals. Apesar da tradição centenária por trás do clube "corinthiano", trata-se de uma agremiação que alterna entre a sétima e a oitava divisões do Campeonato Inglês de futebol de campo – cujo torneio de elite é a famosa Premier League, na qual o Arsenal é rotineiramente candidato a título e/ou pelotão de cima.

"A seleção inglesa tem jogadores de outros times do país, mas muitos de nós jogamos pelo Casuals. O Casuals tem de longe o número mais alto de convocados para a seleção inglesa atualmente", relata Ben.

Mas então o que fez Ben & cia. trocarem o Arsenal pelo Corinthian-Casuals? Basicamente dois motivos: (i) ambas as agremiações são localizadas em Londres; (ii) o ex-zagueiro de futebol de campo entrevistado pelo Meu Timão pendurou as chuteiras defendendo justamente os co-irmãos do Corinthians. "Por já conhecer o clube, achei que seria um casamento perfeito. É interessante para o Casuals ter diversos jogadores de nível de seleção inglesa com as imagens associadas ao clube", argumenta Bowra.

A troca de ares, formalizada no fim de abril, já deu resultados em campo. Ou melhor, na areia. O Corinthian-Casuals ganhou dois troféus em 2019: o torneio Isle of Wight e a Superfinal da Liga Nacional, se tornando campeão inglês em seu primeiro ano na modalidade. Nessa praia, definitivamente, não tem sombra nem água fresca.

Lembranças corinthianas do Mundial de 2012 e do amistoso em Itaquera

Corinthian-Casuals, Arsenal, futebol de areia... Mas e o Corinthians?! O clube do Parque São Jorge, separado de Londres por quase 10 mil quilômetros em linha reta, é de conhecimento de Ben Bowra e de praticamente qualquer jogador que já tenha passado pelo co-irmão inglês.

"Sabia da história do Casuals há muito tempo, desde quando jogava por outros clubes da mesma liga. Quando decidi me mudar para Londres, foi uma escolha fácil tentar assinar com o clube. Treinei numa pré-temporada e consegui o contrato, ficando muito orgulhoso por me aposentar dos gramados com a famosa camisa rosa e marrom", conta Ben, que justamente pela passagem no Corinthian-Casuals teve oportunidade de jogar... na Arena Corinthians!

"Claro que minha melhor memória da passagem pelo clube foi jogar diante daqueles incríveis torcedores na Arena Corinthians", diz o ex-zagueiro, em referência à Fiel no amistoso vencido pelo Timão por 3 a 0 em janeiro de 2015, em Itaquera, com gols de Danilo e Luciano (2).

Pouco mais de dois anos antes daquela partida festiva, porém, o Corinthians também se fazia presente (e novamente como algoz) na vida de Ben Bowra. Torcedor de infância do Chelsea, ele viu o time de coração amargar o vice-campeonato mundial perdendo a final para o Timão.

"Sou torcedor do Chelsea, então claro que meus principais pensamentos sobre o Corinthians Paulista são de quando vocês nos venceram no Mundial de Clubes de 2012. Corinthians é um clube enorme, e até pessoas da Inglaterra que não acompanham o futebol brasileiro conhecem bastante sobre o clube", finaliza Ben Bowra.

Charles Miller, futebol de areia, Corinthians... Vai longe o intercâmbio futebolístico entre Brasil e Inglaterra!

Veja mais em: Corinthian-Casuals e Especiais do Meu Timão.

Veja Mais:

  • Ramiro marcou o gol do Corinthians no empate por 1 a 1 com o Mirassol

    Corinthians joga mal e cede empate ao Mirassol na segunda rodada do Paulistão

    ver detalhes
  • Goleiro Cássio foi eleito o melhor em campo no empate do Corinthians com o Mirassol

    Cássio destoa e é o melhor do Corinthians em noite de avaliações baixas; zagueiro é o pior

    ver detalhes
  • Cássio foi fundamental em Mirassol, com inúmeras boas defesas

    Treinador do Corinthians rasga elogios a Cássio e banca Pedro Henrique: 'Tem a minha confiança'

    ver detalhes
  • Tiago Nunes analisa sua primeira partida oficial pelo Corinthians longe da Arena, em Itaquera

    Tiago Nunes vê Corinthians em 'processo natural de evolução' e diz que vai tirar lições de empate

    ver detalhes
  • Cássio foi o principal destaque do Corinthians neste domingo

    Questões físicas, atuação de Cássio e resultado frustrante: Fiel repercute empate do Corinthians

    ver detalhes
  • Armador Fuller lamenta morte de Kobe Bryant, astro da NBA

    Armador do Corinthians, Fuller lamenta morte de Kobe Bryant: 'É como perder alguém da família'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: