Duílio afirma que volante 'cumpriu meta' e será comprado pelo Red Bull Bragantino; conheça cláusula

20 mil visualizações 88 comentários

Matheus Jesus foi contratado no ano passado pelo Corinthians, mas teve poucas chances de atuar

Matheus Jesus foi contratado no ano passado pelo Corinthians, mas teve poucas chances de atuar

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Candidato à presidência do Corinthians e diretor de futebol do clube até a decisão de concorrer ao cargo máximo, Duílio Monteiro Alves participou de uma entrevista ao GloboEsporte.com na última quinta-feira. Dentre as respostas, afirmou que o volante Matheus Jesus, atualmente emprestado ao Red Bull Bragantino, será comprado pelo clube do interior.

"A gente fez um contrato nos mesmos moldes com o Red Bull, empréstimo com obrigação de compra. É um jogador que acabou até sendo vendido, vai ser executado o contrato no término do campeonato, tinha um número de jogos que ele já cumpriu", assegurou o dirigente.

Segundo apurou a reportagem do Meu Timão, porém, ainda que a compra de Matheus Jesus pelo Red Bull Bragantino seja uma possibilidade considerada, o jogador ainda não cumpriu o número mínimo de jogos que ativaria a cláusula: 30 partidas. Até agora, o meio-campista atuou em 20 jogos no ano, marcando três gols.

Jesus é bastante elogiado pela qualidade no clube do interior e visto como um atleta de potencial acima da média, mas não consegue se firmar por problemas extra-campo. Ele foi quase devolvido ao Timão há cerca de duas semanas, mas acabou permanecendo.

Seu vínculo atual vai até 31 de dezembro deste ano, mas pode ser estendido caso haja acordo entre as partes até o final do Brasileiro. Seria a única forma de ele chegar aos 30 jogos acertados em contrato para ativar a cláusula de contratação obrigatória.

Questionado especificamente sobre a chegada desse atleta, Duílio lembrou que o jogador foi um pedido do técnico Fábio Carille e, por isso, acabou sendo adquirido exatamente na mesma operação da sua possível saída.

"Depende muito do negócio. A vontade do treinador vocês acompanharam, era o Carille na época, ele comparava até ao Paulinho, era artilheiro do Paulista, era uma vontade muito grande dele. Fizemos o negócio, ele acabou nem usando o jogador", continuou Duílio.

Veja mais em: Matheus Jesus e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Fábio Santos, Gabriel e Jô comemorando o gol do lateral contra o Coritiba, pelo Brasileirão

    Fábio Santos marca, Corinthians vence Coritiba e respira no Campeonato Brasileiro

    ver detalhes
  • Fábio Santos no duelo com o Coritiba, pelo Brasileirão, no Couto Pereira

    Fiel elege Fábio Santos como melhor em campo na vitória do Corinthians; reserva é o pior

    ver detalhes
  • Walter no duelo contra o Coritiba, pelo Brasileirão, no Couto Pereira

    Vagner Mancini diz que Cássio não está lesionado e que fez 'opção segura' por Walter

    ver detalhes
  • Jogadores comemoram gol de Fábio Santos, contra o Coritiba, no Couto Pereira

    Torcida do Corinthians se anima com primeiro tempo e exalta Mancini; veja repercussão após vitória

    ver detalhes
  • Lucas Piton no duelo contra o Coritiba, pelo Brasileirão, no Couto Pereira

    Análise: Corinthians descobre um ponta canhoto e joga para ganhar; time mostra que pode mais

    ver detalhes
  • Arqueiro Cássio na derrota para o Atlético Mineiro, na Neo Química Arena, pelo Brasileirão

    Cássio e Bruno Méndez são denunciados no STJD e vão a julgamento na segunda-feira

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: