Acionado na Justiça, Corinthians faz acordo, mas não quita a última parcela e volta a ser cobrado

31 mil visualizações 171 comentários

Revelado pelas categorias de base do Corinthians, Léo Jabá foi vendido para a Rússia em 2017

Revelado pelas categorias de base do Corinthians, Léo Jabá foi vendido para a Rússia em 2017

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Departamento Jurídico do Corinthians segue tendo muito trabalho. Nas últimas horas, os advogados alvinegros receberam mais uma cobrança não honrada pelo clube. Trata-se da última parcela de um acordo firmado com a Unick Football Consultoria e Marketing Esportivo Ltda.

Tudo começou quando a empresa acionou o Corinthians após não receber R$ 364.820,00, referentes a 5% da venda de Léo Jabá ao FC Akhmat, da Rússia, em 2017. Na ocasião, o clube tentou contestar sob alegação de que, apesar de o percentual ter sido acordado em 2014, a lei de repasse a terceiros foi alterada no ano seguinte.

Na sequência, o Jurídico do clube resolveu assumir a dívida e fez um acordo para quitação em 10 vezes de R$ 37 mil. Após honrar nove parcelas, o Corinthians não quitou a última e, agora, novamente, está sendo acionado na Justiça. O valor pendente, com juros, virou R$ 44.867,65.

Em tempo: vale lembrar que esses R$ 364.820,00 que foram acionados pela Unick não fazia parte da lista de quase 50 ações que foram levantadas pela reportagem Meu Timão há cerca de dez dias, na qual totalizava cerca de R$ 142 milhões de pedidos dos reclamantes - Jadson, que acionou o clube recentemente, também não faz parte dessa lista.

A venda de Jabá

Em julho de 2017, Léo Jabá foi vendido pelo Corinthians ao Akhmat, da Rússsia, por € 2 milhões (R$ 7.239.800,00, na época)

Em julho de 2017, Léo Jabá foi vendido pelo Corinthians ao Akhmat, da Rússsia, por € 2 milhões (R$ 7.239.800,00, na época)

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Em julho de 2017, Léo Jabá foi vendido pelo Corinthians ao Akhmat, da Rússsia, por € 2 milhões (R$ 7.239.800,00, na época), com pagamento realizado em duas parcelas: € 1.200.000,00 e € 790.000,00, respectivamente, R$ 4.370.520,00 e R$ 2.869.280,00.

O Corinthians era dono de 75% dos direitos econômicos do jogador, enquanto o pai Sr. Silvan Gonçalves Lima detinha 20% e a Unick Football Consultoria e Marketing Esportivo Ltda tinha posse de outros 5%.

Quando liberou o jogador ao Akhmat, da Rússsia, o Timão vendeu apenas 55% dos direitos econômicos. Posteriormente, Léo Jabá foi vendido ao PAOK, da Grécia. Na ocasião, os 20% restantes dos diretos renderam ao Corinthians mais R$ 5 milhões.

Em tempo: com base na petição inicial da defesa do jurídico corinthiano, foi possível saber ainda que, do valor total da primeira negociação para a Rússia (R$ 7.239.800,00), a Elenko Sports Ltda teve direito a receber R$ 338.986,20 já que o "o Corinthians contratou os serviços de assessoria da empresa, mediante ao pagamento da quantia de € 100 mil conforme contrato de intermediação",

Veja mais em: Léo Jabá, Diretoria do Corinthians e Processos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians e Sport se enfrentam na noite desta quinta-feira

    Saiba como assistir ao jogo entre Corinthians e Sport nesta quinta-feira

    ver detalhes
  • Cássio e Vagner Mancini tentam achar respostas para a equipe voltar a vencer nesta quinta

    Corinthians recebe o Sport na Neo Química Arena para recuperar moral no Brasileiro; veja detalhes

    ver detalhes
  • Renan Lima e Danilo falaram com o elenco pela primeira vez

    Danilo se apresenta ao elenco Sub-23 do Corinthians ao lado de novo preparador físico da categoria

    ver detalhes
  • Depois de ser goleado pelo Flamengo, Corinthians venceu o Vasco

    Corinthians reagiu bem a últimas goleadas sofridas e soma bons números após grandes derrotas

    ver detalhes
  • Corinthians é o favorito em casas de apostas para o duelo desta quinta-feira

    [Publi] Em busca de recuperação, Corinthians enfrenta o Sport como favorito

    ver detalhes
  • Fixo chega para se juntar a outros dez jogadores que ficaram no clube

    Corinthians anuncia fixo experiente como reforço para time de futsal: 'Sonho de criança'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: