Corinthians chega a três Brasileiros fora dos sete primeiros e iguala pior série da história

14 mil visualizações 269 comentários

Reunião entre diretoria e elenco no começo do mandato de Duilio Monteiro Alves, que tenta reverter o cenário em seu mandato

Reunião entre diretoria e elenco no começo do mandato de Duilio Monteiro Alves, que tenta reverter o cenário em seu mandato

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

O Corinthians vai ficar pela terceira vez consecutiva fora dos sete primeiros colocados do Campeonato Brasileiro, uma série que iguala outras duras e se perpetua entre as piores da história do clube na competição. Entre 2018 e 2020, o Timão igualou seu pior nível de falta de protagonismo a nível nacional.

Depois de brigar para não cair em 2018, o Timão terminou na 13ª colocação do torneio naquela ocasião, um ano depois de se sagrar campeão brasileiro pela sétima vez na sua história. No ano passado, ficou na oitava colocação do torneio e, neste ano, o máximo que conseguirá será repetir esse posicionamento. Protagonismo zero.

Essa ausência entre os clubes que brigam pelo principal título nacional só tem dois precedentes na história do clube desde 1967, quando o Timão disputou a sua primeira edição do Roberto Gomes Pedrosa - posteriormente reconhecido como um título brasileiro pela Confederação Brasileira de Futebol.

A primeira foi em 1995, 1996 e 1997, quando o Corinthians emplacou uma série de Brasileiros abaixo da décima colocação. No último, por sinal, até brigou para não cair, mas se salvou com vitórias sobre Flamengo e Goiás.

A segunda foi na trinca formada por 2006, 2007 e 2009, justamente a série que envolveu o rebaixamento da equipe para a segunda divisão nacional. Em ambas essas ocasiões, porém, o time teve atenuantes.

Na primeira, o Corinthians teve excelentes oito meses em 95, sendo campeão paulista e da sua primeira Copa do Brasil e negligenciando o Brasileiro. Em 1997, foi campeão paulista e semifinalista da Copa do Brasil antes do Brasileiro abaixo da média.

Já na segunda, o Timão lembra com muito carinho de 2009, quando foi campeão brasileiro e da Copa do Brasil, mas viu o time ter um segundo semestre basicamente de preparação para o ano do centenário. Ou seja, todas as outras séries tiveram ao menos um título nacional.

A atual, assim como as outras, tem nas conquistas estaduais (2018 e 2019) os atenuantes, mas o único momento de razoável protagonismo foi a final da Copa do Brasil contra o Cruzeiro, perdida em plena Neo Química Arena.

Veja as campanhas do Corinthians no Brasileiro

1967 - Quadrangular final - 3º colocado
1968 - 5º colocado
1969 - Quadrangular final - 3º colocado
1970 - 9º lugar
1971 - 3º lugar (melhor campanha da 1ª fase)
1972 - Semifinalista (4º lugar)
1973 - 12º lugar
1974 - 15º lugar
1975 - 3ª fase - 6º lugar
1976 - Vice-campeão
1977 - 3ª fase - 8º lugar
1978 - 12º lugar
1979 - Não participou*
1980 - 5º lugar (melhor campanha da 1ª fase)
1981 - 26º lugar
1982 - Semifinalista
1983 - 10º lugar
1984 - Semifinalista
1985 - 16º lugar
1986 - Quadrifinalista (7º lugar geral)
1987 - 16º lugar
1988 - 15º lugar
1989 - 6º lugar (melhor campanha da primeira fase)
1990 - Campeão
1991 - 5º lugar (fora das semis no saldo de gols)
1992 - 6º lugar (caiu na segunda fase)
1993 - 3º lugar (caiu na fase final)
1994 - Vice-campeão
1995 - 14º lugar
1996 - 12º lugar
1997 - 17º lugar
1998 - Campeão
1999 - Campeão

2000 - 28º lugar
2001 - 18º lugar
2002 - Vice-campeão
2003 - 15º lugar
2004 - 5 lugar
2005 - Campeão
2006 - 9º lugar
2007 - 17º lugar
2008 - Jogou a Série B
2009 - 10º lugar
2010 - 3º lugar
2011 - Campeão
2012 - 6º lugar
2013 - 10º lugar
2014 - 4º lugar
2015 - Campeão
2016 - 7º lugar
2017 - Campeão
2018 - 13º lugar
2019 - 8º lugar
2020 - A definir

*em 1979, quatro times paulistas não concordaram com a inclusão de Palmeiras e Guarani na terceira fase do Brasileiro e deles em fases anterior. Por isso, Corinthians, Santos, São Paulo e Portuguesa optaram por jogar apenas o Estadual.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro, Títulos do Corinthians e Retrospecto do Corinthians.

Veja Mais:

  • Elenco do Corinthians durante jogo contra o Red Bull Bragantino, pelo Campeonato Paulista 2021

    Desfalcado, Corinthians recebe Palmeiras em primeiro clássico do Paulistão; saiba tudo

    ver detalhes
  • Volante Gabriel na partida contra o Vasco, na Neo Química Arena, pelo Campeonato Brasileiro

    Corinthians recebeu sondagens por Gabriel e Mancini liberou possível negócio com o volante

    ver detalhes
  • Mateus Davó fez dois gols no time profissional, perdeu espaço e foi afastado de vez porque não quis jogar no sub-23

    Recusa a atuar pelo Sub-23 pesou em afastamento de Davó no Corinthians

    ver detalhes
  • Matheus Donelli briga por uma vaga no gol e pode fazer sua estreia pelo Corinthians

    Corinthians relaciona 23 jogadores e pode ter quatro estreias no profissional; veja lista

    ver detalhes
  • Corinthians finaliza preparação para enfrentar o Palmeiras nesta quarta-feira

    Com nove desfalques, Corinthians finaliza preparação para clássico com Palmeiras; veja provável time

    ver detalhes
  • Caíque França passa a ser o substituto imediato de Cássio

    Corinthians inscreve mais dois jogadores na Lista A do Campeonato Paulista; veja nomes

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x