Análise: Corinthians mantém padrão do Brasileiro, mas desanima até em vitória

2.6 mil visualizações 97 comentários

Roni teve talvez seu melhor jogo com a camisa do Corinthians

Roni teve talvez seu melhor jogo com a camisa do Corinthians

AssCom Dourado/Divulgação

O Corinthians, como quem lê as análises do Meu Timão está acostumado, é um time de meio de tabela. Na noite desta segunda-feira, diante do Cuiabá, mais um dos adversários que duelam para se livrar do rebaixamento, outra vez ficou provado que mesmo esse time sem reforços é bem superior a quem está nesse bolo. Os corinthianos, porém, conseguiram desanimar o torcedor até em uma vitória.

Em duelo tranquilo, quando poderia golear e atuar com intensidade que nove dias de descanso e treinamento proporcionam, aceitou um modo blasé. Não empurrou o adversário para o fim e conseguiu ter menos que a metade das finalizações de um péssimo Cuiabá. De quebra, sofreu um pouco no fim sem nenhum motivo.

O jogo mostrou um time bem apático para quem teve nove dias de descanso e treinamento visando ao embate contra os cuiabanos, que brigam mais ou menos no setor da tabela em que o Corinthians quer terminar o Brasileiro sem passar perto.

Ainda que tenha produzido 25 minutos de "vários nada", o Corinthians viu o rival aceitar a velocidade baixa até que conseguiu surpreender em escapada com mérito de Roni e Gabriel - consequentemente, de Sylvinho. Roni virou bola rápida para Fagner, saindo da pressão, ainda na lateral da área corinthiana.

Roni iniciou a jogada do primeiro muito próximo à area corinthiana lançando para Fagner

Roni iniciou a jogada do primeiro muito próximo à area corinthiana lançando para Fagner

Reprodução

Depois da inversão, Fagner achou Gabriel em dois toques e o volante, que foi bem na projeção no espaço vazio, cruzou rasteiro. Adson entrou na área, como Sylvinho pede aos pontas, e achou justamente Roni, finalizando um pique 70m com uma bomba rasteira para abrir o placar.

O lance típico do volante que vai de área a área faz bem ao jovem, que deve virar reserva com as contratações da janela, mas mostra ter algo a render quando for escalado. Foi bem também na parte técnica, normalmente onde mais sofre, fazendo corta-luz no gol de Adson e saindo da pressão em situações difíceis na defesa.

Onde Roni terminou a jogada iniciada por ele mesmo

Onde Roni terminou a jogada iniciada por ele mesmo

Reprodução

O 2 a 0 rápido mesmo sem intensidade mostrou que o Corinthians era tão superior ao adversário que poderia lavar a alma em Cuiabá, mas a equipe, incrivelmente, não quis se aproveitar disso. A morosidade seguiu, passes de lado e para trás irritando até os próprios jogadores em alguns momentos.

Sem sofrer atrás, já que o Corinthians conseguiu não chutar a gol em 38 minutos do segundo tempo, o Cuiabá achou um gol bizarro, num misto de falha e desatenção do sistema defensivo, e, assim como todos os outros adversários do Timão com Sylvinho, acabou recolocado no jogo.

A diferença técnica, no entanto, foi tamanha que nem assim os cuiabanos se mostraram capazes de levar perigo. Sylvinho nada conseguiu mudar, nem para fazer o time ficar com a bola, recolocando as substituições como o principal problema do seu trabalho até aqui. Falta muito, porém.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro e Sylvinho.

Veja Mais:

  • Corinthians terá quarteto de reforços disponíveis para uma partida pela primeira vez

    Com presença de quarteto, Corinthians divulga lista de relacionados para duelo contra o América-MG

    ver detalhes
  • Marcelo Robalinho, empresário e advogado de Jadson, ao lado do ex-camisa 10 do Corinthians

    Justiça bloqueia valor da dívida do Corinthians com empresário de Jadson; veja os detalhes

    ver detalhes
  • Róger Guedes e Willian em último treino do Corinthians antes de enfrentar o América-MG

    Corinthians encerra preparação para enfrentar o América-MG; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Paulinho rescindiu contrato com o clube árabe

    Paulinho rescinde contrato com clube árabe; entenda a situação do jogador

    ver detalhes
  • Última foto de Danilo Avelar divulgada pelo Corinthians, no fim de março; jogador treina todos os dias no CT, como manda a legislação, mas o clube não divulga imagens

    Corinthians tem apenas seis dias para realocar Avelar na Série A; poucos países ainda têm janela

    ver detalhes
  • Jogadoras, comissão e estafe do Corinthians feminino doaram 70 cestas básicas neste sábado

    Jogadoras, comissão e estafe do Corinthians feminino doam cestas básicas para população carente

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x