Amaral destaca Dérbi como divisor de águas para Sylvinho no Corinthians

1.3 mil visualizações 31 comentários

Por Meu Timão

Amaral avaliou trabalho de Sylvinho e reconheceu pressão pela saída do treinador

Amaral avaliou trabalho de Sylvinho e reconheceu pressão pela saída do treinador

Reprodução/TV Cultura

O ex-volante Amaral, que defendeu o Corinthians entre 1998 e 1999, avaliou a pressão da torcida sobre o trabalho de Sylvinho. Segundo o ex-jogador, o clássico contra o Palmeiras no fim de semana será decisivo para a continuidade do trabalho do treinador.

"O Corinthians vai entrar com a corda no pescoço. O Sylvinho vai ter todos os jogadores à disposição e ele vai ter que colocá-los para jogar. Se ele conseguir um resultado positivo, vai dar praticamente um mês de trabalho mais tranquilo. Agora, se houver um tropeço, as coisas vão se complicar ainda mais", comentou Amaral, em participação no podcast UOL Corinthians.

A permanência de Sylvinho a frente do Timão é alvo de muitos questionamentos por parte da torcida nas redes sociais. Para Amaral, o papel da diretoria é fundamental na preservação do técnico, bem como o apoio do elenco.

"Se eu fosse presidente do Corinthians, a partir do momento em que eu contrato um treinador, confio no trabalho dele. Ele veio tentar apagar um fogo e não conseguiu ainda. Quem o banca hoje é a diretoria. Os jogadores também têm que ver quem é o Sylvinho como pessoa. Ele não consegue reverter isso sozinho", afirmou.

Mesmo com a pressão, o ex-volante acredita que a chegada dos reforços pode ser um ponto de virada no trabalho de Sylvinho. Para ele, ainda há espaço para a melhora do desempenho da equipe e o torcedor precisa ter paciência.

"Quando ele aceitou o convite do Corinthians, sabia da pressão que iria encontrar. Agora que o clube está trazendo jogadores para dar aquele balanço, os torcedores têm que ter paciência. Com o que está acontecendo agora, empatando com times pequenos dentro de casa, fica um ponto de interrogação no trabalho do Sylvinho. Mas se ele conseguir um bom resultado contra o Palmeiras, as pessoas o verão com outros olhos", ressaltou Amaral.

"Se você colocar no papel, o Corinthians está no mesmo nível de Flamengo, Palmeiras e Atlético-MG. Às vezes, está mais acima do Atlético-MG. A partir do momento em que começar a alcançar os resultados, pode ver que vão colocar o Corinthians como a quarta força do Brasileiro", completou o ex-jogador.

Veja mais em: Sylvinho e Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians não viveu boa noite diante do São Paulo

    Corinthians volta a jogar mal fora de casa e é superado pelo São Paulo no Brasileirão

    ver detalhes
  • Sylvinho foi bastante contestado pela torcida nas redes sociais

    Derrota do Corinthians faz chegar ao fim paciência da torcida com Sylvinho; veja tweets

    ver detalhes
  • Corinthians foi derrotado pelo São Paulo e não conseguiu subir na tabela

    Corinthians perde chance de colar no G4 após derrota para o São Paulo; veja classificação

    ver detalhes
  • João Victor foi advertido ainda no primeiro tempo em confusão com Liziero

    João Victor desfalca o Corinthians na partida contra o Internacional

    ver detalhes
  • Mauro Boselli deixou o Corinthians em dezembro de 2020

    Corinthians é condenado pela Fifa a pagar dívida ao atacante Boselli

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade (à direita) afirmou que fan token ajuda Corinthians com contratações e que clube deve tentar falar com Paulinho já no próximo mês

    Diretor do Corinthians destaca fan token em contratações e diz quando deve conversar com Paulinho

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x