Corinthians lembra primeiro título da Libertadores Feminina 14 dias antes de iniciar busca pelo tri

1.0 mil visualizações 18 comentários

Corinthians conquistou primeira Libertadores Feminina há quatro anos; equipe busca tricampeonato em novembro de 2021

Corinthians conquistou primeira Libertadores Feminina há quatro anos; equipe busca tricampeonato em novembro de 2021

AFP/Divulgação Corinthians

O dia 21 de outubro entrou para a história do futebol feminino do Corinthians de uma forma especial. Há quatro anos, em 2017, a equipe do Parque São Jorge conquistou sua primeira Libertadores Feminina, de forma invicta.

Na época, o Corinthians ainda estava em parceria com o Osasco/Audax, que foi interrompida apenas em 2018. A disputa foi realizada no Paraguai, país sede do torneio naquela temporada, e o Timão chegou para brigar pelo título após um vice-campeonato brasileiro e uma queda na semifinal do paulista.

Nas rede sociais, o clube registrou o aniversário do título. "Há exatos quatro anos, o Corinthians Feminino, ainda em parceria com o Audax, se consagrou pela primeira vez campeão da Libertadores! As patroas venceram o Colo-Colo nos pênaltis!", escreveu o clube, que ainda compartilhou a disputa nas penalidades - veja vídeo abaixo.

Vale lembrar que, atualmente, o Corinthians é bicampeão da Libertadores Feminina. A equipe do Parque São Jorge busca o tricampeonato da competição em 2021. A disputa acontece entre os dias 3 e 18 de novembro, também no Paraguai (país sede da primeira conquista). Já a final está marcada para o dia 21 do mesmo mês, porém em Montevidéu, no Uruguai.

Campanha

O Corinthians fez sua estreia na fase de grupo diante do, até então, Sportivo Limpeño, que hoje tem o nome de Libertad/Limpeño. O Timão dominou a partida e venceu as donas da casa por 2 a 0. Na segunda rodada, a equipe alvinegra aplicou uma goleada por 6 a 1 diante do Deportivo Ita, da Bolívia.

O último jogo da fase classificatória era decisivo já que definia a classificação para a semifinal. A equipe do Parque São Jorge venceu o Independiente Santa Fé, da Colômbia, por 2 a 1 assegurando a vaga na fase seguinte.

Já nas eliminatórias, as corinthianas não decepcionaram e venceram bem o Cerro Porteño. O triunfo por 3 a 0 deu ainda mais moral para que o Corinthians chegasse na sua primeira final continental logo na primeira vez em que disputava a competição.

Final

A decisão foi com emoção. O Corinthians foi a campo com: Lelê; Paulinha, Pardal, Mimi e Yasmim; Patricia Llanos, Daiane, Monique Peçanha e Kerolin; Grazi e Raquel - Ana Vitoria e Cacau entraram no decorrer da partida.

O Timão não conseguiu sair do zero a zero no tempo regulamentar do confronto contra o Colo-Colo. A equipe alvinegra ainda teve problemas com a arbitragem: além de dois pênaltis claros não marcados, o Timão ainda viu Raquel ser expulsa depois da goleira adversária simular uma agressão da atleta corinthiana.

Nas penalidades, o Corinthians não teve vida fácil. Logo na primeira cobrança, a atacante Cacau acabou mandando para fora. Depois, Daiane e Kerolin marcaram para a equipe de Arthur Elias, enquanto Villamayor, Karen e Quezada converteram os gols do Colo-Colo.

Foi aí que a estrela da goleira Lelê, hoje no Benfica, começou a brilhar. Na quarta batida das adversárias, a arqueira corinthiana defendeu a cobrança de Claudia Soto, principal atleta do Colo-Colo. Na sequência, a zagueira Pardal deixou tudo igual para o Corinthians. Guerrero e Byanca Brasil não desperdiçaram e levaram as cobranças para as alternadas.

Logo na primeira batida, Yasmim acabou perdendo para o Corinthians e deixando o Colo-Colo a um gol do título. Mas o Timão tinha Lelê no gol e, na cobrança de Camila Saez, a arqueira corinthiana defendeu e deu uma nova chance para o Timão sonhar.

Na cobrança seguinte, Ana Vitória converteu para o Corinthians ao colocar a bola no ângulo. Pelo Colo-Colo, Soto bateu e acertou as placas de publicidade atrás do canto direito do gol, e confirmou o título para o time do Parque São Jorge.

A trajetória do Corinthians na Copa Libertadores Feminina de 2017 foi transformada em um documentário, nomeado “loucas por ti, América”. Ele está disponível no Facebook oficial do Timão e pode ser assistido gratuitamente - clique aqui para conferir.

Confira as cobranças de pênalti do Corinthians na final da Libertadores Feminina de 2017

Veja mais em: Libertadores da América, Corinthians Feminino, Corinthians x Colo-Colo e Títulos do Corinthians Feminino.

Veja Mais:

  • Comissão técnica e diretoria entendem que alguns jogadores estão no limite físico, sobretudo aqueles que mais atuaram no ano de 2021

    Corinthians pode antecipar férias de alguns atletas em caso de êxito do último objetivo de 2021

    ver detalhes
  • Corinthians trouxe Avelar por empréstimo em julho de 2018. Ao término desse vínculo provisório, em julho de 2019, o Timão adquiriu 100% dos direitos econômicos por € 1,5 milhão

    Corinthians é acionado na Fifa por dívida da compra de Danilo Avelar do Torino; clube recorre

    ver detalhes
  • Róger Guedes passou a tarde desta terça-feira interagindo com a torcida no Instagram

    Róger Guedes interage com torcida, elege seu gol mais bonito pelo Corinthians e fala de Libertadores

    ver detalhes
  • 'Fora Sylvinho e veteranos do Corinthians' | Conversamos com o autor da faixa

    VÍDEO: 'Fora Sylvinho e veteranos do Corinthians' | Conversamos com o autor da faixa

    ver detalhes
  • Titular no último jogo, Gabriel está suspenso para duelo contra o Grêmio

    Quem você escalaria no lugar de Gabriel para enfrentar o Grêmio? Vote em enquete do Meu Timão

    ver detalhes
  • Luan Lino fechou com o Corinthians

    Novo atacante do Sub-20 chega ao Corinthians após disputa com o RB Bragantino e negociação sem custo

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x