Felipe diz que time do Corinthians 'acabou' com a saída de Willian no ano do rebaixamento

10 mil visualizações 41 comentários

Por Meu Timão

Willian deixou o Corinthians no meio da temporada de 2007

Willian deixou o Corinthians no meio da temporada de 2007

Imago by Getty Images

Rebaixado para a Série B em 2007, a história do Corinthians poderia ter sido diferente. De acordo com o goleiro Felipe, titular na campanha da queda do Timão, o time caiu por conta de diversos fatores, sendo o principal deles a saída de Willian, que foi vendido ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

Felipe chegou depois de se destacar no Campeonato Paulista com o Bragantino. Por conta do bom torneio do time do interior e da crise financeira vivida, o Corinthians contratou o goleiro e mais quatro atletas do clube de Bragança Paulista, como recordou o goleiro.

"O time vivia uma crise financeira e política, o presidente saiu, entraram outras pessoas. A condição financeira era bem limitada, limitada mesmo. Tanto que comigo, do Bragantino, foram cinco. Depois pegaram mais dois de outros clubes para tentar fazer um Campeonato Brasileiro", comentou Felipe ao Charla Podcast, no YouTube.

Com Willian no time, o Corinthians começou bem o campeonato e chegou a ganhar de 3 a 0 do Cruzeiro jogando no Mineirão. Para Felipe, o camisa 10 do Timão era o "time todo" aquele elenco.

"Foi quando surgiu o Willian. Nas seis, sete rodadas iniciais, a gente estava em primeiro, brigando com o Atlético-MG. Na estreia, a gente fez três no Cruzeiro fora de casa. Dos sete primeiros jogos, a gente fez 15, 16 pontos. Estávamos muito bem. Aí, o Willian foi vendido para o Shakhtar. Depois que ele foi vendido, o time caiu", disse o goleiro.

"O técnico no início era o Paulo César Carpegiani. O Willian saiu e nosso time degringolou. Parece que foi aquele negócio: 'O cara é metade do time'. Não. Ele era o time inteiro. Tinha 17, 18 anos e pegava a bola… O ataque era ele, Everton Santos e Finazzi. E o time estava indo, estava jogando para um time sem investimento nenhum. Tinha um catado de quem se destacou no Paulista. Mas a gente foi perdendo uma peça, outra e, quando o Willian saiu, aí acabou", confessou Felipe.

Em um ano difícil, Felipe foi um dos destaques do Timão na campanha. Com defesas importantes, o goleiro foi um dos motivos do Corinthians seguir vivo até a última rodada daquele Brasileirão.

"A gente ficou doze ou treze jogos sem ganhar. E foi no meu ano de chegada. Mas, quando o time não vai bem, a bola vai no gol. E, quando vai no gol, se o goleiro está bem, vai se destacar. Então, a gente perdia de 1 a 0, o jogo que era para perder de cinco", concluiu, de forma sincera, o goleiro.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians e Willian.

Veja Mais:

  • Cássio chegou ao Corinthians em janeiro de 2012; Fagner, que subiu para a equipe profissional em 2006, retornou ao clube em 2014

    Corinthians tem conversas adiantadas para renovações com Cássio e Fagner; veja detalhes

    ver detalhes
  • Corinthians decidirá a final do Paulista Feminino diante da Fiel com casa lotada

    Corinthians confirma ingressos esgotados para a final do Paulista Feminino na Neo Química Arena

    ver detalhes
  • Willian e Renato Augusto foram os principais nomes do Corinthians no empate contra o Grêmio

    Corinthians mantém quarta posição ao fim da 37ª rodada do Brasileirão; veja tabela completa

    ver detalhes
  • Danilo Avelar deve deixar o Corinthians em 2022

    Danilo Avelar recebe propostas e pode deixar o Corinthians em 2022

    ver detalhes
  • É por isso que Willian já assusta os rivais do Corinthians para 2022

    VÍDEO: É por isso que Willian já assusta os rivais do Corinthians para 2022

    ver detalhes
  • Neto afirmou que Sylvinho não tem formado uma equipe competitiva mesmo com os reforços

    Neto critica escolhas de Sylvinho após empate contra o Grêmio e pede saída do técnico do Corinthians

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x