ALEXANDRE
ALEXANDRE

ALEXANDRE SANTIN


46 anos, de São PAULO

Torcedor do site número: 500.077

cadastrado desde 09/09/2015

Aqui é Corinthians

male

Acessos no Meu Timão

Último acesso em 23/06/2021

Atividade de Alexandre Santin no Meu Timão

Ranking do Fórum

Faltam 8 posts para o ALEXANDRE entrar no ranking do Fórum

Ver Ranking

Ranking de comentários

Faltam 43 comentários para o ALEXANDRE entrar no ranking

Ver Ranking

7 Comentários

100% de aprovação

12 Posts

75% de aprovação

6 Tópicos

2.677 Visualizações

1.339 Views por tópico

Última atividade no site em 23/06/2021 às 18h04

Alexandre Santin avalia 98.25% como positivo

Posts e comentários do ALEXANDRE

Última interação no site em 20/01/2020 às 13h46

  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Jogo comemorativo 20 Anos Mundial"

    há 1 ano

    Alguém SABE SE ESSE JOGO VAI ACONTECER MESMO NA QUINTA AGORA?

    https://www.meutimao.com.br/noticias-do-corinthians/338421/corinthians-organiza-jogo-festivo-na-arena-pelos-20-anos-do-titulo-mundial-saiba-detalhes Corinthians organiza jogo festivo na Arena pelos 20 anos do título mundial; saiba detalhes Corinthians organiza jogo festivo na Arena pelos 20 anos do título mundial; saiba detalhes O departamento de marketing do Corinthians e os responsáveis pela Arena Corinthians organizam um jogo festivo para enaltecer e lembrar o aniversário de 20... meutimao.com.br meutimao.com.br

    VAI CORINTHIANS!

    detalhes do post
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "A Muralha de 77 precisa de ajuda"

    há 3 anos

    Boa Victor.

    Na reportagem tem o link criado pela família para arrecadar fundos.

    Forte abraço

    detalhes do post
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "A Muralha de 77 precisa de ajuda"

    há 3 anos

    Tomei conhecimento através de uma reportagem do uol de hoje que o nosso goleiro jairo, passa por um problema raro e precisa de ajuda financeira para o remédio.

    Antes de qualquer coisa, na minha opinião, o clube deveria arcar com o custo, tendo em vista que o tratamento leva um ano e é o mínimo de agradecimento pela gloriosa passagem do goleiro pelo coringão.

    Segue a reportagem com os dados, para quem decidir ajudar.

    https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2018/12/18/recordista-e-idolo-de-timao-e-coxa-goleiro-jairo-pede-ajuda-contra-cancer.htm Ídolo de Corinthians e Coxa, goleiro Jairo pede ajuda contra câncer raro - Futebol - UOL Esporte Ídolo de Corinthians e Coxa, goleiro Jairo pede ajuda contra câncer raro - Futebol - UOL Esporte No gol, Jairo era uma muralha. Não à toa as torcidas de Corinthians e Coritiba o cultuam até hoje, como recordista nacional de invencibilidade pelo time al... esporte.uol.com.br esporte.uol.com.br

    Forte abraço a todos.

    detalhes do post
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Off topic, no tópico "fiel me tirem uma dúvida"

    há 3 anos

    Normalmente, se for tudo vendido no fiel, não vai nada para bilheteria.

    Abraço

    detalhes do post
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Tour Arena Corinthians"

    há 4 anos

    POR CONTA DO EVENTO MONSTER JAM, A VISITA ESTARÁ SUSPENSA ESSA SEMANA.

    https://www.meutimao.com.br/noticia/271162/tour-da-arena-corinthians-bate-recorde-paralisacao-programada-para-semana-do-monster-jam Tour da Arena Corinthians bate recorde; paralisação programada para semana do Monster Jam Tour da Arena Corinthians bate recorde; paralisação programada para semana do Monster Jam Inaugurado no último mês de maio, o tour da Arena Corinthians bateu um recorde neste início de dezembro meutimao.com.br meutimao.com.br

    detalhes do post
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "E ai Metro? Vamos colaborar?"

    há 4 anos

    Dr, quando disse refém, é porque infelizmente, não podemos ter outro credor a não ser somente a Globo. Qualquer tentativa de fazer com que outras emissoras tentassem pagar pelo produto futebol, foram 'barradas' pela força que a emissora tem, inclusive com clausulas nos contratos vigentes, que mesmo diante de qualquer oferta, é a Globo que dá a palavra final, podendo aceitar ou não, mesmo pagando menos. Isso pra mim é, de certa forma ser refém, não acha?


    Na minha opinião, com a força que o nome Corinthians tem, se fosse sério, o clube deveria fazer a transmissão e vender a quem bem entendesse, visando o melhor para o clube.

    Vai Corinthians!

    detalhes do post
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "E ai Metro? Vamos colaborar?"

    há 4 anos

    Se deus quiser, na quarta temos a chance de comemorar mais um título brasileiro.

    Primeiro que um jogo nestas condições, em um feriado, não ocorrer mais cedo, já é zuado, ai o metro vem e fecha as 00:15?

    E ai diretoria? A globo já manda no horário, bem que vocês poderiam entrar em contato com o metro para que eles estendam o horário ao menos até a 01:00, em caso de título.

    Vai Corinthians!

    detalhes do post
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE comentou na notícia: "Tour da Arena tem novo prazo, mas atraso já representa perda milionária ao Corinthians"

    há 4 anos

    Mais uma vez, devemos agradecer ao Sr Andrés Sanchez que fechou um contrato sensacional para a arena.

    Como a bilheteria não vem nem um centavo dos mais de 50 milhões de reais arrecadados por ano para o clube, com certeza o modelo deve ser o mesmo para o tour. Tudo que for negociado com relação à arena, fica com o fundo para pagamento das obras. Camarotes, loja, restaurantes, tour, reposições, etc.

    Por isso não há interesse do clube em começar o tour. Não adianta arrecadar milhões se tudo vai para o fundo e o clube fica a ver navios.

    Grande negociante o Dr Andrés. Parabéns diretoria medíocre.

    detalhes do comentário
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Notícias, no tópico "Carta do arquiteto da arena ao nosso presidente"

    há 5 anos

    FOI DIVULGADA UMA CARTA ENVIADA PELO ARQUITETO DA ARENA AO NOSSO GRANDE PRESIDENTE, NO ANO PASSADO. É ISSO QUE NOS ESPERA NA MÃO DESSA DIRETORIA MAMBEMBE...

    São Paulo, 14 de agosto de 2015.

    Ao
    Sport Club Corinthians Paulista
    Att.: Sr. Presidente Roberto Andrade

    Nesta

    Caro Senhor Presidente,

    Como parte de nossas obrigações contratuais, encaminhamos relatório de acompanhamento da obra do estádio “Arena Corinthians”, referente ao mês de Julho de 2015. Em função da gravidade e relevância do observado, estamos enviando este relatório de maneira diversa das anteriores, em função da situação de iminente saída da obra por parte da construtora, conforme fartamente veiculado na mídia, sob a alcunha de “término da obra”.

    Abaixo, relatamos de forma concisa a situação corrente.

    1) Em 6/02/15 – já sem conseguir realizar em sua plenitude o correto acompanhamento da construção, visto que a construtora já havia esgotado o prazo estabelecido em contrato – a CDC solicitou à Odebrecht o envio de novo cronograma e listagem de serviços para execução dos itens constantes do Anexo I, do Quinto Aditivo ao Contrato de Engenharia, Fornecimento e Construção, celebrado entre o Sport Club Corinthians Paulista e a Construtora Norberto Odebrecht.

    Nunca obtivemos sequer resposta à correspondência, apesar de várias vezes reiterada a solicitação, inclusive via Corinthians.

    2) O novo cronograma e listagem de serviços só veio a ser efetivamente enviado ao Corinthians em 23 de Março de 2015, e não contemplava uma quantidade considerável de itens constantes do Anexo I acima citado, donde somente se pode concluir que jamais houve intenção por parte da construtora de executá-los.

    3) O cronograma original previa a execução total de todos os itens até o mês de Dezembro de 2014. Como era de natureza físico-financeira, também, da mesma forma, indicava o fluxo de recursos a se empregar mensalmente.

    4) Como, para modificá-lo, de acordo com o Contrato, havia a necessidade de um conjunto de procedimentos a serem seguidos e a construtora não os fez, tais alterações foram executadas à revelia do Corinthians, não tendo a sua autorização para as postergações, cortes ou alterações.

    5) Tais alterações atingiram cirurgicamente TODOS os centros de geração de receitas do estádio, não permitindo à operação e à comercialização meios de implementar qualquer pacote comercial, visto que grande parte dos seus itens não se encontram completos até a presente data.

    6) Estes prejuízos atingiram principalmente as propriedades de direitos de nomeação, desde o nome do estádio, das áreas VIP, dos camarotes de festas, etc, as quais, progressivamente têm menos valor, tal o desgaste provocado pelo excessivo tempo de obra, especulações de prazo, valores e serviços, gerando um aspecto geral de obra permanente, inacabada e com nenhum horizonte de término.

    7) Como um importante exemplo dos prejuízos diretos, observe-se o aspecto geral do prédio oeste, principalmente, que, sem que tenha sido implementada a grande parte de sua programação visual, sua iluminação externa, passeios, áreas de ativação de patrocinadores internas e externas, deixa o mais importante setor do estádio com um aspecto hospitalar, asséptico, sem clima de jogo, dificultando todas as propriedades a comercializar e as ações de marketing a realizar.

    8) Para agravar a situação, a implementação das obras segue um roteiro caótico e randômico, onde nenhuma frente ou conjunto são terminados por completo, sem seguir ou sequer acertar uma estratégia comercial com a operação, acentuando o aspecto de obra sem-fim e acelerando o desgaste de imagem.

    9) Se fossemos seguir um plano de destruição da imagem do estádio, de impossibilidade de concluir o empacotamento das propriedades, sejam elas quais forem, não poderia ter sido feito de forma mais contundente e bem executada.

    10) Como efeitos complementares deste atraso, as verbas sujeitas a teto máximo mantêm o mesmo valor, muitas delas ficaram sujeitas a variação cambial ou acréscimo dos impostos, pois deveriam ter sido compradas pré-Copa, forçando a enorme perda na qualidade e/ou quantidade,

    Visto que a verba é fixa, mas o serviço ou produto a adquirir segue variando, seja pela inflação, câmbio ou os impostos acima referidos, destacando-se que ao cliente não podem ser imputadas estas responsabilidades.

    11) Não é preciso fazer um grande esforço para calcular mais de um ano de prejuízo na comercialização de propriedades, sejam camarotes, cadeiras, camarotes de festas, áreas VIPS, eventos, tais como casamentos, reuniões corporativas, festas, treinamentos empresariais, feiras, receitas de estacionamento, alimentação, tours pelo estádio, etc. Como executar uma operação ou comercialização em meio a um canteiro de obras, sem previsão de término? Em meio a quedas de energia, elevadores parados, ou dedicados a transporte de carga, com o estádio frequentemente sem tempo hábil para uma limpeza adequada, sem poder executar uma estratégia de fluxo, pois nunca se sabe o que vai estar interditado, por exemplo, dentre muitos outros.

    12) Este atraso, longe de ser uma situação normal, é profundamente irregular do ponto de vista contratual, um prejuízo ao cliente e um desrespeito a todos os envolvidos – SCCP, Fundo, Caixa Econômica, Operador, prestadores de serviços, concessionários internos, opinião pública e, principalmente, aos torcedores e frequentadores do estádio.

    13) Com a divulgação de solicitação de extensão de prazo de carência para pagamento, veiculada com frequência pela imprensa, causada diretamente pelos efeitos dos atrasos relatados acima, somar-se-á aos prejuízos já brutalmente causados, a adição dos juros de mais este período, sem que o Corinthians tenha nenhuma responsabilidade sobre este montante.

    14) Desta maneira, dentro de nossas responsabilidades, delegadas pelo Corinthians, de acompanhamento da execução da obra, solicitamos a imediata apuração das responsabilidades pelos fatos acima descritos, sob pena de omissão absoluta diante deste quadro de tal descalabro e desrespeito ao contrato de Construção – EPCpage3image15672

    15) Acompanham, em anexo:

    A) Quadro Comparativo entre Cronograma com serviços contratados e Cronograma recebido da CNO em 23/03/15

    B) Cronograma recebido da CNO em 23/03/15

    C) Cronograma Físico-Financeiro constante do Quinto Aditivo

    Contratual

    D) Relatório de acompanhamento e status de obra, pormenorizado e detalhado, com fotografias

    Recomendamos, ainda, que, em virtude do aqui constatado, além deste relatório que enfoca apenas as questões arquitetônicas e as a ela afetas, verifique-se e audite-se as demais disciplinas de projetos complementares e a execução destes, tais como, mas não se limitando a, instalações elétricas e hidráulicas, instalações de ar condicionado e exaustão, tecnologia da informação, estruturas de concreto e metálica, etc.

    É o que nos cabe até o momento, visando a orientação do nosso cliente Sport Club Corinthians Paulista, para que se tenha os elementos iniciais na busca de se evitar prejuízos maiores, assim como, possíveis ressarcimentos de perdas e gastos adicionais, já causados a este, além da verificação efetiva e comparativa do contratado em relação ao executado/entregue pela construtora e seus aspectos econômicos em favor do Clube.

    Atenciosamente,

    Anibal Coutinho

    detalhes do post
  • ALEXANDRE

    ALEXANDRE postou em Notícias, no tópico ""A S" Será?"

    há 5 anos

    Está circulando na internet, uma suposta cópia de e-mail, divulgada pela polícia federal, citando algo relacionado ao nosso estádio.


    segundo as reportagens, é citado um tal de 'as', o que eles atribuem a Andrés Sanchez. Será?

    detalhes do post
`
x