Ricardo

44 anos , de Santo André - SP

Ricardo Ferreira

Torcedor do site número: 554.756, cadastrado desde 04/01/2017

Aqui é Corinthians

male

Estatísticas no Meu Timão

Última atividade no site em 16/03/2018 às 03h18

Ranking do Fórum

12.677º lugar

Ver Ranking

Ranking de comentários

Faltam 49 comentários para o Ricardo entrar no Ranking

Ver Ranking

1 Comentário

100% de aprovação

25 Posts

80% de aprovação

7 Tópicos

9.530 Visualizações

3.177 Views por tópico

Atividades do Ricardo no Meu Timão

Última interação no site em 29/05/2017 às 20h31

  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Qual dos 6 grandes times brasileiros têm melhor desempenho contra os grandes europeus?"

    há 1 ano

    A equipe com melhor desempenho nesses jogos é o Corinthians. Apesar de ter feito apenas 13 jogos, o time paulista tem 79,5% de aproveitamento contra os europeus, já que nunca perdeu. São nove vitórias e quatro empates contra Barcelona, Bayern, Benfica, Internazionale, Milan, Porto, Milan e Real Madrid.

    Mas como definir quais são os grandes europeus, quando a definição dos brasileiros já é discutível? Levamos em conta os times da Europa com ao menos duas conquistas na Liga dos Campeões da Europa, com exceção do Nottingham Forest, que já foi um clube de expressão, mas hoje habita as divisões inferiores da Inglaterra. Assim, entraram na lista Ajax-HOL, Barcelona-ESP, Bayern de Munique-ALE, Benfica-POR, Internazionale-ITA, Juventus-ITA, Liverpool-ING, Manchester United-ING, Milan-ITA, Porto-POR e Real Madrid-ESP. Ficaram de fora clubes como Arsenal-ING, Chelsea-ING, PSG-ING e Borussia Dortmund-ALE.

    Veja o desempenho de cada time:

    1° – Corinthians (13J, 9V, 4E, 0D, 28GP, 15GC) – 79,5% de aproveitamento (7 adversários)

    18/07/1953 – Corinthians 3 x 2 Barcelona-ESP

    26/07/1953 – Corinthians 1 x 0 Barcelona-ESP

    10/07/1955 – Benfica-POR 1 x 2 Corinthians

    22/06/1956 – Porto-POR 2 x 5 Corinthians

    25/05/1959 – Bayern de Munique-ALE 2 x 3 Corinthians

    04/06/1959 – Benfica-POR 0 x 0 Corinthians

    07/06/1959 – Porto-POR 0 x 1 Corinthians

    24/06/1959 – Barcelona-ESP 3 x 5 Corinthians

    29/05/1966 – Internazionale-ITA 1 x 3 Corinthians

    03/09/1966 – Real Madrid-ESP 1 x 1 Corinthians

    17/08/1969 – Barcelona-ESP 1 x 2 Corinthians

    04/08/1997 – Corinthians 0 x 0 Milan-ITA

    07/01/2000 – Corinthians 2 x 2 Real Madrid-ESP

    2° – São Paulo (26J, 16V, 5E, 5D, 43GP, 24GC) – 67,9% de aproveitamento (8 adversários)

    21/07/1955 – São Paulo 0 x 0 Benfica-POR

    26/07/1955 – São Paulo 4 x 2 Benfica-POR

    27/06/1956 – São Paulo 2 x 0 Porto-POR

    21/08/1963 – São Paulo 2 x 1 Porto-POR

    23/08/1963 – São Paulo 2 x 1 Real Madrid-ESP

    28/06/1963 – São Paulo 0 x 0 Real Madrid-ESP

    24/06/1964 – Milan-ITA 0 x 1 São Paulo

    25/01/1968 – São Paulo 3 x 2 Benfica-POR

    24/08/1969 – Real Madrid-ESP 1 x 2 São Paulo

    27/08/1969 – Real Madrid-ESP 1 x 2 São Paulo

    30/08/1969 – Barcelona-ESP 2 x 0 São Paulo

    25/01/1970 – São Paulo 1 x 1 Porto-POR

    21/05/1981 – Milan-ITA 1 x 2 São Paulo

    10/08/1986 – Real Madrid-ESP 1 x 1 São Paulo

    15/08/1992 – Barcelona-ESP 1 x 4 São Paulo

    29/08/1992 – Real Madrid-ESP 0 x 4 São Paulo

    13/12/1992 – Barcelona-ESP 1 x 2 São Paulo

    14/08/1993 – Barcelona-ESP 1 x 0 São Paulo

    12/12/1993 – São Paulo 3 x 2 Milan-ITA

    14/06/1996 – São Paulo 3 x 0 Real Madrid-ESP

    10/06/1997 – São Paulo 1 x 1 Ajax-HOL

    18/12/2005 – São Paulo 1 x 0 Liverpool-ING

    01/07/2007 – Bayern de Munique-ALE 2 x 1 São Paulo

    31/07/2013 – Bayern de Munique-ALE 2 x 0 São Paulo

    01/08/2013 – Milan-ITA 1 x 0 São Paulo

    03/08/2013 – Benfica-POR 0 x 2 São Paulo

    3° – Grêmio (11J, 5V, 5E, 1D, 15GP, 12GC) – 60,6% de aproveitamento (5 adversários)

    24/05/1961 – Real Madrid-ESP 4 x 1 Grêmio

    15/08/1984 – Bayern de Munique-ALE 0 x 1 Grêmio

    04/08/1985 – Bayern de Munique-ALE 1 x 2 Grêmio

    10/08/1985 – Barcelona-ESP 0 x 1 Grêmio

    19/08/1986 – Ajax-HOL 0 x 2 Grêmio

    29/07/1987 – Benfica-POR 1 x 2 Grêmio

    11/08/1988 – Grêmio 2 x 2 Benfica-POR

    09/01/1994 – Ajax-HOL 2 x 2 Grêmio

    28/11/1995 – Grêmio 0 x 0 Ajax-HOL

    15/08/1997 – Ajax-HOL 1 x 1 Grêmio

    03/08/2002 – Benfica-POR 1 x 1 Grêmio

    4° – Flamengo (30J, 16V, 6E, 8D, 35GP, 33GC) – 60% de aproveitamento (10 adversários)

    19/06/1955 – Flamengo 1 x 0 Benfica-POR

    24/06/1956 – Benfica-POR 1 x 2 Flamengo

    06/07/1957 – Flamengo 1 x 1 Benfica-POR

    13/07/1957 – Flamengo 0 x 0 Benfica-POR

    09/06/1958 – Benfica-POR 1 x 1 Flamengo

    30/04/1962 – Barcelona-ESP 0 x 2 Flamengo

    06/07/1962 – Milan-ITA 3 x 0 Flamengo

    10/06/1964 – Milan-ITA 1 x 1 Flamengo

    26/06/1967 – Barcelona-ESP 0 x 1 Flamengo

    22/08/1968 – Barcelona-ESP 5 x 4 Flamengo

    15/01/1972 – Flamengo 1 x 0 Benfica-POR

    05/07/1975 – Flamengo 2 x 1 Juventus-ITA

    13/08/1978 – Real Madrid-ESP 2 x 0 Flamengo

    19/08/1978 – Real Madrid-ESP 1 x 2 Flamengo

    26/08/1978 – Milan-ITA 1 x 0 Flamengo

    25/08/1979 – Barcelona-ESP 1 x 2 Flamengo

    10/08/1980 – Porto-POR 4 x 1 Flamengo

    13/12/1981 – Flamengo 3 x 0 Liverpool-ING

    24/06/1983 – Internazionale-ITA 1 x 2 Flamengo

    28/06/1983 – Milan-ITA 1 x 1 Flamengo

    02/07/1983 – Juventus-ITA 2 x 1 Flamengo

    06/06/1987 – Porto-POR 1 x 0 Flamengo

    05/08/1988 – Ajax-HOL 0 x 1 Flamengo

    07/08/1988 – Benfica-POR 0 x 2 Flamengo

    03/08/1993 – Milan-ITA 0 x 0 Flamengo

    19/08/1993 – Internazionale-ITA 2 x 1 Flamengo

    23/07/1994 – Flamengo 3 x 1 Bayern de Munique-ALE

    19/08/1995 – Benfica-POR 1 x 2 Flamengo

    05/08/1997 – Flamengo 5 x 2 Benfica-POR

    15/08/1997 – Real Madrid-ESP 0 x 3 Flamengo

    5° – Palmeiras (19J, 8V, 6E, 5D, 28GP, 26GC) – 52,6% de aproveitamento (8 adversários)

    27/11/1949 – Palmeiras 2 x 2 Barcelona-ESP

    08/07/1951 – Palmeiras 0 x 4 Juventus-ITA

    18/07/1951 – Palmeiras 1 x 0 Juventus-ITA

    22/07/1951 – Palmeiras 2 x 2 Juventus-ITA

    28/06/1955 – Palmeiras 1 x 2 Benfica-POR

    25/07/1957 – Palmeiras 0 x 3 Benfica-POR

    01/07/1962 – Palmeiras 4 x 4 Milan-ITA

    13/06/1963 – Internazionale-ITA 1 x 1 Palmeiras

    31/08/1969 – Real Madrid-ESP 0 x 2 Palmeiras

    06/09/1969 – Barcelona-ESP 1 x 2 Palmeiras

    16/05/1970 – Internazionale-ITA 1 x 1 Palmeiras

    13/01/1971 – Palmeiras 1 x 1 Benfica-POR

    17/06/1972 – Palmeiras 1 x 0 Milan-ITA

    31/08/1974 – Barcelona-ESP 0 x 2 Palmeiras

    03/07/1975 – Palmeiras 2 x 0 Juventus-ITA

    31/08/1975 – Real Madrid-ESP 1 x 3 Palmeiras

    31/08/1994 – Real Madrid-ESP 3 x 2 Palmeiras

    30/11/1999 – Manchester United-ING 1 x 0 Palmeiras

    14/01/2012 – Palmeiras 1 x 0 Ajax-HOL

    6° – Santos (41J, 20V, 4E, 17D, 91GP, 85GC) – 52% de aproveitamento (8 adversários)

    23/07/1957 – Santos 3 x 2 Benfica-POR

    05/06/1959 – Internazionale-ITA 3 x 2 Santos

    17/06/1959 – Real Madrid-ESP 5 x 3 Santos

    26/06/1959 – Internazionale-ITA 1 x 7 Santos

    28/06/1959 – Barcelona-ESP 1 x 5 Santos

    03/07/1960 – Barcelona-ESP 4 x 3 Santos

    16/05/1961 – Bayern de Munique-ALE 2 x 3 Santos

    15/06/1961 – Benfica-POR 3 x 6 Santos

    18/06/1961 – Juventus-ITA 0 x 2 Santos

    24/06/1961 – Internazionale-ITA 1 x 4 Santos

    19/09/1962 – Santos 3 x 2 Benfica-POR

    11/10/1962 – Benfica-POR 2 x 5 Santos

    12/06/1963 – Barcelona-ESP 2 x 0 Santos

    19/06/1963 – Internazionale-ITA 2 x 0 Santos

    22/06/1963 – Milan-ITA 4 x 0 Santos

    26/06/1963 – Juventus-ITA 5 x 3 Santos

    16/10/1963 – Milan-ITA 4 x 2 Santos

    14/11/1963 – Santos 4 x 2 Milan-ITA

    16/11/1963 – Santos 1 x 0 Milan-ITA

    11/06/1965 – Santos 1 x 1 Milan-ITA

    03/07/1965 – Santos 0 x 1 Milan-ITA

    21/08/1966 – Santos 4 x 0 Benfica-POR

    05/09/1966 – Santos 4 x 1 Internazionale-ITA

    26/08/1967 – Santos 0 x 1 Internazionale-ITA

    18/08/1968 – Santos 4 x 2 Benfica-POR

    01/09/1968 – Santos 3 x 3 Benfica-POR

    24/06/1969 – Internazionale-ITA 0 x 1 Santos

    29/05/1970 – Santos 0 x 1 Internazionale-ITA

    06/06/1970 – Santos 3 x 1 Internazionale-ITA

    09/06/1970 – Santos 0 x 0 Milan-ITA

    17/06/1970 – Santos 1 x 0 Milan-ITA

    01/09/1974 – Barcelona-ESP 4 x 1 Santos

    23/06/1981 – Milan-ITA 1 x 2 Santos

    26/06/1981 – Internazionale-ITA 4 x 1 Santos

    15/08/1985 – Internazionale-ITA 3 x 2 Santos

    20/06/1996 – Santos 2 x 0 Real Madrid-ESP

    25/08/1998 – Barcelona-ESP 2 x 2 Santos

    31/07/1999 – Ajax-HOL 1 x 4 Santos

    05/09/2000 – Real Madrid-ESP 2 x 0 Santos

    18/12/2011 – Santos 0 x 4 Barcelona-ESP

    02/08/2013 – Barcelona-ESP 8 x 0 Santos

    FONTE : REVISTA PLACAR

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Flórida Cup! Campeões sem ganhar nehum jogo e sem fazer nenhum gol!"

    há 2 anos

    Flórida Cup, que regulamento é esse! Depois os portugueses que são burros!

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Copa Sulamericana (único título que falta na nossa sala de trófeus)"

    há 2 anos

    A que o Corinthians ganhou contra o São Paulo em 2013 é a Recopa Sul-americana.

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Copa Sulamericana (único título que falta na nossa sala de trófeus)"

    há 2 anos

    O nome correto do torneio disputado pelo (vencedor da Copa Sulamericana x vencedor Liga Europa) se chama Supercopa Euroamericana, disputada desde 2015 em meados de junho/julho.

    - 2015 - River Plate 1 X 0 Sevilla (River campeão)

    - 2016 - Sevilla 2 X 1 Indepenedente Santa Fé (Sevilla campeão)

    - 2017 - Chapecoense x a definir

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Corinthians nunca perdeu para um gigante europeu"

    há 2 anos

    Não amigo está sendo considerado adversários de primeira linha (que tenha sido campeões da Champions League por exemplo), somente gigantes europeus.

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Corinthians nunca perdeu para um gigante europeu"

    há 2 anos

    Mais 2 confrontos para serem lembrados, Sevilla Top 3 espanhol:

    Corinthians 2×0 Sevilla - Pacaembu, Copa Morumbi (19/6/1957)

    Corinthians 4×3 Sevilla - Ramón Sánchez Pizjuán, Amistoso (17/6/1959)

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Copa Sulamericana (único título que falta na nossa sala de trófeus)"

    há 2 anos

    Lembrando que se levarmos em conta os últimos anos tem sido frequente nossa participacão na Libertadores, talvez demoraremos para ter outra chance para disputar a sulamericana.

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Copa Sulamericana (único título que falta na nossa sala de trófeus)"

    há 2 anos

    Bom, na atual conjuntura, já que que não vamos disputar a Libertadores, podemos terminar o ano com um certo estilo ainda, ganhando a copa sulamericana (único troféu que nos falta).

    De quebra, tentar o bi da supercopa e ainda participar do copa Euroamericana (vencedor da Sulamericana x vencedor da liga Europa) fora a Copa Suruga.

    Vai Corinthians! Campeão de tudo! Já que não tem jeito mesmo.

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Corinthians nunca perdeu para um gigante europeu"

    há 2 anos

    Bom, discussões a parte, a verdade é o seguinte quando o jogo é contra algum gigante europeu o Corinthians não brinca em serviço não. Ao contrário de alguns que além de serem massacrados, envergonharam o tão tradicional e respeitado futebol brasileiro que digam o Santos contra o Barcelona, o São Paulo na Copa Audi serviu de saco de pancadas e o Palmeiras que tiveram uma única chance contra o Manchester United e borrou a cueca, lembrando que nós últimos 10 anos do mundial da Fifa de clubes o Corinthians foi o único que salvou a honra do tradicional futebol sulamericano.

    detalhes do post
  • Ricardo

    Ricardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Corinthians nunca perdeu para um gigante europeu"

    há 2 anos

    Pode ser grande então, gigante não, sem ganhar sequer um dos principais títulos europeus em 131 anos de história fica difícil.

    Gigante é Gigante.

    detalhes do post
`