Thélio

Thélio Caudinski

Torcedor do site número: 501.145, cadastrado desde 18/09/2015

Aqui é Corinthians

male

Estatísticas no Meu Timão

Última atividade no site em 18/04/2019 às 12h57

Ranking do Fórum

5.736º lugar

Ver Ranking

0 Comentários

190 Posts

91% de aprovação

52 Tópicos

39.872 Visualizações

2.658 Views por tópico

Atividades do Thélio no Meu Timão

Última interação no site em 18/04/2019 às 11h50

  • Thélio

    Thélio postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "O que aconteceu com o Carille?"

    há 6 dias

    Não gosto de aumentar a fogueira de crises. Para muita gente, se a gente for campeão nos pênaltis, no domingo, estará tudo bem. Mas desde o primeiro jogo contra o Santos não marcamos um mísero gol, e pior: o nosso treinador se revelou, no atual momento, uma pessoa completamente diferente da pessoa que foi campeã em 2017.

    Carille arranjou confusão com a imprensa, não foi de peito aberto, ficou de c* doce. Se tivesse nomes, deveria barbarizar, ou ao menos promover uma reunião fechada no CT e esclarecer tudo. Agiu da pior maneira possível.

    Em 2017 Carille não esperava o barco afundar. Se alguém fizesse um jogo horrível era rapidamente trocado. Todos tinham chances, e não inventava a bola de novo. Agora é um show de jogador fora de posição: Sornoza recuado já tendo Urso e Ralf, Pedrinho fora de posição, Vital fora de posição, Love fora de posição. Conseguiu queimar duas grandes joias do futebol local: Pedrinho e Vital.

    Podemos discutir sobre melhores modos de jogar, mas a questão é que o Corinthians sequer executa bem a função de marcar, pois marca com 11 atrás da linha da bola. Assim qualquer treinador sabe se defender.

    Não é um time como o de 2017, ou do próprio Spurs no dia de ontem que, bem postado, sai rapidamente rumo ao gol, e quando tem a bola, poucos passes criam chances precisas, assim, não tendo grandes números de posse de bola, mas sendo ofensivo e mortal.

    Carille se afoga em soberba, teimosia e filosofias bizarras. Não tem nada a ver com o Carille campeão, não tem nada a ver com a nossa torcida que é, antes de tudo, humilde.

    Não peço a sua cabeça, apenas que repense. Ainda dá tempo!

    Se ganharmos o Paulista, provavelmente isto enganará muita gente...

    #VaiCorinthians

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Análise dos jogos, no tópico "Apenas passamos a jogar de outra maneira da qual estávamos ganhando"

    há 2 anos

    Mas nós não somos obrigados a aceitar a bola. E ainda que assim o fosse, ontem o Corinthians criou algumas chances de contra-ataque, mas se revelou a desorganização, como na jogada do Gabriel que carregou e demorou para dar o passe.

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Análise dos jogos, no tópico "Apenas passamos a jogar de outra maneira da qual estávamos ganhando"

    há 2 anos

    Simples, a mudança fundamental que nos levou a esta sequência de derrotas é porque simplesmente mudamos a forma que estávamos jogando. Talvez pelas críticas insistentes de que o Corinthians era um time retranqueiro e não sabia jogar na frente, o Carille deve ter mudado o foco dos treinamentos. Eu não acredito que seja exatamente por pressões externas que o Carille tenha feito estas alterações, mas o fato é que mudou, deixamos de marcar forte e fechar os espaços para tentar ser um time com mais posse de bola.

    O Santos e todos os demais times que perdemos fizeram o que fazíamos antes: fechava os espaços e não deixava escapar uma oportunidade de contra-ataque. Quando subíamos ao contra-ataque era com seis jogadores no mínimo, hoje sobem com mais, mas sem a organização e a verticalidade que tínhamos.

    Essa nova opção de forma de jogar evidencia alguns problemas de elenco, como alguém que faça o papel de segundo atacante. Como não há esta função no time, o Jô fica isolado e seu pivô sem sentido. Acabamos por forçar as jogadas nas laterais e não há a infiltração do volante.

    Precisamos apenas fazer o que fazíamos antes: marcar forte, fechar os espaços e partir no contra-ataque para fazer o primeiro gol. Éramos isso e dava certo. Mourinho é um técnico campeão desta maneira e ninguém o crítica, e acham lindo seu ônibus.

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Off: Flamengo e Palmeiras estragam o futebol brasileiro, entendam"

    há 2 anos

    Claro que eles tem total liberdade para essa política, mas é uma política de mercado que não dá efeitos positivos para eles nem para o restante, tanto que se revela agora: gastaram, gastaram, e estão tomando pau do Corinthians que vai bem porque tem uma equipe técnica competente. Adiantou fazer isso? Não, pois estão mal nas competições que estão.

    É isso que quero dizer, não é bom pra ninguém.

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Off: Flamengo e Palmeiras estragam o futebol brasileiro, entendam"

    há 2 anos

    Já sabemos o quanto a mídia chupa bolas dos Mulambos e dos Sem Mundial, pelo dinheiro, pelos nomes, os tais 'melhores elencos do país' (um que depende do Massaraujo), e assim por diante. Não podemos negar que no elenco deles há alguns nomes bons, no entanto, isso não é suficiente.

    Não importa o nome do atleta, o seu currículo, importa a ideia de time que vai montar. Hoje o que acontece: surge um grande nome com disponibilidade do mercado, vão os times com dinheiro e compram este cara, mas sem pensar se acaso as características dele atendem a real necessidade do time, se o que o treinador planeja se encaixa no jogador que vem.

    O Corinthians é um bom exemplo: só contrata gente que encaixa no seu esquema tático que é quase o mesmo desde 2009, um jeito de jogar muito parecido. Então isso facilita para encontrar jogadores, e não depende de nomes caros. Não contrata a torto e a direito. Diferentemente do Flamengo e Palmeiras que contratam qualquer um nome que seja bom, mas não pensam se vai encaixar no time, se é realmente o que o técnico quer, contrata pelo o Status. E o Palmeiras é pior. No caso do Keno e Rafael Veiga, bons jogadores, que tinham outros clubes interessados, mas o Mattos foi lá e contratou apenas para estes dois não irem para outro clube, até com o Dudu foi assim.

    Isso, de certo modo, #[email protected]% com um futebol brasileiro como um todo. O Keno ou o Veiga, como citei, poderiam estar em alto nível em outros clubes, quem sabe até como opções para a seleção (não vem ao caso aqui se eles tem futebol pra isso, é só um exemplo), mas ficam escondidos no Palmeiras.

    O Felipe Melo é outra. Pode ser que talvez foi uma jogada de marketing também, no entanto é um motivo muito pequeno para todos os problemas que a contratação dele poderia causar, e como causou. Não precisava desta peça no elenco, tanto que contratou o Bruno Henrique, e ainda não funcionou marketing e ainda #[email protected]% o elenco. Simplesmente foram displicentes, contrataram só por contratar.

    Quem sabe havia outro clube interessado no Felipe Melo, e que lá poderia ter dado certo, mas por essa política errada, o clube além de ter estragado o seu elenco e queimado dinheiro, estragou os planos de outro clube, e isso em um todo faz mal para todo mundo, impactando no nível do campeonato e etc. Flamengo a mesma coisa com o Conca e ai por diante.

    O Corinthians felizmente, seja pelas atuais condições, seja por consciência, não entra nesse rolo. Mas alguma coisa precisa ser feita neste sentido. Flamengo e Palmeiras estão fodendo o futebol brasileiro com isso.

    Vai Corinthians!

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Maycon tem dado uma sumida nos jogos"

    há 2 anos

    Então, são questões de ajustes. Talvez o Carille pede para guardar mais a posição pois ainda não tem confiança no time em uma postura mais ofensiva. Mas isso pode mudar caso a marcação suba. Se o time jogar um pouco mais em cima o Maycon fica mais próximo do ataque e mais fácil para infiltrar.

    Aliás, esses passes errados do time ofensivamente, vejo que é falta da presença ofensiva do Maycon. Sem ele as opções são menores, com opção menor o passe sai mais forçado pois tem mais gente marcando.

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Maycon tem dado uma sumida nos jogos"

    há 2 anos

    Isso é sinal de falta de rodagem, apenas.

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Maycon tem dado uma sumida nos jogos"

    há 2 anos

    Ele não está jogando mal, só não está fazendo aquilo que ele pode fazer melhor: infiltrar no ataque, ser mais ofensivo. Ultimamente ele tem guardado muito a posição, e do mesmo modo tem caído com facilidade de marcação. E isso reflete no time quando não conseguimos manter posse de bola ofensiva é por falta desta presença do Maycon.

    Mas isto não é suficiente para preferir a entrada de outros. É algo que pode ser corrigido nos treinos e nos jogos. No entanto, se necessário, gostaria de ver o Marciel ou o Camacho nesta posição. O último já sabemos como joga. Já o Marciel creio que daria mais poder de fogo na frente. E outra coisa, aliás, quando puder, testar Maycon e Marciel juntos, creio que daria uma bela dupla.

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Marquinhos Gabriel"

    há 2 anos

    Clube grande que deu calote no Coritiba, o Corinthians é grande, mas as finanças por culpa da diretoria, de grande, só o rombo.

    Tudo bem, você acha assim, mas jogador só sai se mostrar a cara.

    detalhes do post
  • Thélio

    Thélio postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Marquinhos Gabriel"

    há 2 anos

    Mas este impasse todo mundo já conhece. O que eu proponho é que deveriam escalar ele mais vezes para definir: jogou tantos jogos e não produziu, ou seu produziu seguir jogando, assim já se define o que ele quer com o cara. O que não dá é encostar todo esse dinheiro no banco e esperar que um milagre da China, da Arábia, aconteça.

    detalhes do post
`