Dia de Dérbi é diferente

Vitor Chicarolli

Jornalista formado pela Universidade Anhembi Morumbi, tem 22 anos e trabalhou no Diário Lance!. Atualmente, setorista do clube de coração. Com o Corinthians em qualquer lugar.

ver detalhes

Dia de Dérbi é diferente

Coluna do Vitor Chicarolli

Opinião de Vitor Chicarolli

1.9 mil visualizações 30 comentários Comunicar erro

Dia de Dérbi é diferente

Corinthians e Palmeiras se enfrentam neste domingo, em Itaquera, pela 13ª rodada do Brasileirão

Foto: Reprodução/Instagram

Hoje é dia de Dérbi!

Corinthians e Palmeiras se enfrentam às 19h, na Arena, em Itaquera, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

E não é uma data comum.

É uma partida que envolve muito mais do que técnica, habilidade ou destaques individuais. Envolve paixão. Torcedores dos dois clubes acordam com ansiedade, contando as horas para o árbitro apitar o pontapé inicial.

Além disso, amantes de futebol espalhados pelo Brasil também param para acompanhar um dos maiores clássicos do país - se não o maior.

Para corinthianos e palmeirenses, a semana de Dérbi é diferente. Desde a segunda-feira o pensamento é apenas neste confronto. Não existe Copa Sul-Americana, Libertadores ou qualquer outra competição.

Corinthians e Palmeiras é um campeonato à parte.

E tal sentimento em relação a este clássico voltou a se intensificar nos últimos anos. Os dois times passaram a ser protagonistas no futebol nacional e acirraram, novamente, uma rivalidade que dura há mais de 100 anos.

Um triunfo neste domingo é fundamental para a sequência do campeonato. Embalado por boas atuações pós-Copa América, o Timão tem a chance de se aproximar ainda mais do pelotão de cima do Brasileiro.

Fábio Carille já provou que sua equipe cresce em momentos decisivos.

Isso proporciona uma confiança maior aos alvinegros que vão até a Zona Leste da capital paulista e também para aqueles que irão se reunir com amigos e acompanhar o jogo em casa ou em bares espalhados pela cidade neste domingo.

Será o segundo embate entre as equipes nesta temporada. No dia 2 de fevereiro, o lateral-esquerdo Danilo Avelar balançou as redes e garantiu o triunfo alvinegro em pleno estádio rival, pela fase de grupos do Paulistão.

É sangue no olho, é tapa na orelha. É o jogo da vida, é dia de Corinthians e Palmeiras!

Veja mais em: Dérbi.

Coluna do Vitor Chicarolli

Por Vitor Chicarolli

Jornalista formado pela Universidade Anhembi Morumbi, tem 22 anos e trabalhou no Diário Lance!. Atualmente, setorista do clube de coração. Com o Corinthians em qualquer lugar.

O que você achou do post do Vitor Chicarolli?