O problema do Corinthians na reação ao gol feito!

Fórum do Corinthians
Tópico Épico Entenda as regras

Felipe #8.988 @felipe.mazmanian em 15/09/2017 às 16:36

Um dos problemas flagrados na queda de rendimento do líder. Corinthians é o time que mais abandona o ímpeto ofensivo 15 minutos depois de fazer 1 gol no BR17 e o que mais precisa aumentar suas finalizações 15 minuitos depois de sofrer 1 gol.

Além da grande queda proporcional, a média de 0,72 finalizações feitas nos 15 min posteriores ao gol marcado, é também a menor entre todos os times da Série A. Ninguém finaliza menos que o Corinthians depois de fazer 1 gol.

Após sofrer 1 gol, o time é o que mais aumenta o número de finalizações em porcentagem. O poder de reação, entretanto, não tem sido convertido em gols. O Corinthians é um dos times que ainda não conseguiu nenhuma virada no BR17.

A postura da equipe de Carille se compactar ao máximo estando à frente do placar para buscar matar os jogos nos contra-ataques acompanha o Corinthians desde o começo da temporada. Tanto no título Paulista, quanto na eliminação da Copa do Brasil e na ótima campanha no Campeonato Brasileiro.

Com a dificuldade em vencer as últimas partidas, a proposta fica mais evidenciada e, por muitos, criticada. Fato é que esse padrão de jogo proporcionou até então uma temporada muito além do esperado por todos no começo da temporada.

E agora? Permanecer com o mesmo estilo de jogo ou buscar alternativas?

Para saber todas as estáticas do seu time e dos adversários baixe a ferramenta de análise profissional Footstats Premium. Link em nossa Bio.

#Corinthians #Timao #FeAlvinegra #SCCP #ArenaCorinthians #CasaDoPovo #SulAmericana #SulAmericana2017 #CONMEBOLSudamerica #CampeonatoBrasileiro #Brasileirao2017 #Brasileirao #SerieA #FutebolBrasileiro #Futebol #Estatística #Footstats #FootstatsPremium

2.405 visualizações e 22 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhor resposta

Edson Rodrigues #7.150 @edsonrodrigues em 15/09/2017 às 18:41

Em suma: Falta de equilíbrio emocional, perda da concentração, desobediência tática. Está na hora do Carille (que já fez mais do que se esperava) perder o medo e exigir mais do elenco.

Últimas respostas

Sandra Lima #1 @sandra.lima4 em 18/09/2017 às 13:56

Carlos.

Que rodada perfeita para o Timão.

CARLOS #456 @zeruela em 15/09/2017 às 19:39

" "

Também acho..ou vence..ou vai correr o risco de perder a vantagem e o título!

Publicidade

Matheus Santos Almeida #4.647 @matheuscayres em 16/09/2017 às 02:08

Percebe-se claramente o deselequilibrio em alguns jogadores, tipo Rodriguinho tentando driblar todo mundo como se fosse Messi, Fagner e Maycon querendo chutar de qualquer lugar, Jô sai da área pra buscar bola, Romero desespera, Jadson vive querendo dar balão na área.

All Colatra #80 @all.colatra em 15/09/2017 às 23:52

É a forma que o Corinthians joga e vem dando certo até aqui, penso que estatística é legal mas é complicado interpretar, como estamos falando de finalizações como são elas? São de chances claras ou lá de longe? Ou de bola parada? Qual a efetividade dos finalizadores? E também para recuar e segurar o resultado é necessário ter uma defesa segura coisa que o Corinthians tem, então nem sempre é o que parece, penso que seria mais interessante ver diferença nas estatísticas gerais de quando ganhava e agora que esta com dificuldades, acredito que isso possa mostrar um pouco mais onde o time esta errando.

Henrique Silva #9.452 @hsilva em 15/09/2017 às 22:50

Exato. Eu diria que as finalizações aumentam depois de tomar gol, mas a qualidade dessas finalizações cai.

Peterson #14981 @jdzukic em 15/09/2017 às 21:34

" "

O problema é a afobação. Todo time que propõe o jogo precisa ter muito paciência além de qualidade. O nosso time acelera o jogo de uma forma desorganizada e completamente equivocada depois que toma um gol, principalmente em casa.

Lucas 023 #345 @lucas.schoba em 15/09/2017 às 22:40

Se contenta com pouco. Se fez 1 então faz 2, e se fez 2 faz 3 e mata o jogo logo!

Vagner Silva #66 @vagner.silva13 em 15/09/2017 às 22:03

Tá na hora de Carille dar uma guinada no elenco, fazer algo semelhante ou próximo do que Tite fez em 2015

Peterson Alves #14.981 @jdzukic em 15/09/2017 às 21:34

O problema é a afobação. Todo time que propõe o jogo precisa ter muito paciência além de qualidade. O nosso time acelera o jogo de uma forma desorganizada e completamente equivocada depois que toma um gol, principalmente em casa.

Sandro Chaves Rossi #2.112 @sandro.chaves.rossi em 15/09/2017 às 21:22

Temos que levar em consideração também que foram pouquíssimas vezes que ficamos atrás no placar esse ano, isso influencia demais. Acredito que o problema dessa falta de reação é o excesso de vontade de alguns jogadores quererem resolver o jogo sozinhos quando estamos atrás do placar. Rodriguinho está cada vez menos coletivista, quando o time sai atrás no placar isso piora, o mesmo vale para o Jadson que às vezes insiste demais em ser armador, acaba desperdiçando muitas bolas alçadas na área e lançamentos longos quando não há condição pra isso.

Mas em relação a essa questão de reação (e também efetividade), eu tenho uma indagação: nós temos excelentes batedores e estamos batendo muito pouco de fora da área, parece que o time tem a necessidade de ficar tocando a bola até alguém ficar de cara a cara com o goleiro, isso dificulta demais as coisas. Temos o Jadson e o Maycon no meio que batem muito bem na bola e fazem isso muito pouco, preferem infiltrar quando não dá ou tentar algum passe. O mesmo vale para o Fagner e o Arana, ambos pegam muito bem na bola, mas muitas vezes preferem uma jogada em profundidade pra conseguir um cruzamento. Parece óbvio, mas só vamos marcar gol quando finalizarmos.

Anderson Bp #124 @mazzafiel em 15/09/2017 às 21:03

Excelente tópico, que desmarcar a muita coisa do elenco, aliás, evidência os pontos a serem melhorados imediatamente!

Gustavo Pinheiro #6.754 @gustavo.pinheiro3 em 15/09/2017 às 19:42

Eu sei das limitações do time e tudo mais porém, se os cones não resolvem nada melhor do que apostar na base. Carlinhos tem que ter mais oportunidade, o mesmo para o Pedrinho (quando se recuperar da lesão), tem o garoto Rodrigo Figueiredo (meia-ofensivo), o próprio Clayson que teve uma pequena sequência de jogos e jogou bem em alguns, enfim...

Acho que só não podemos ficar refém da mesma tática, dos mesmos jogadores que não rendem. Isso prejudica não só o Corinthians mas a confiança de todos, inclusive dos que não estão rendendo (Rodriguinho, Jadson, etc...)

CARLOS #456 @zeruela em 15/09/2017 às 19:38

" "

Mas não temos atacantes..só o JÔ..perdido no meio de 3 zagueiros..fica difícil...e Jadson E Rodriguinho..acerrtam 1 chute fraco por jogo no gol fazendo o nome de qualquer goleiro! Como atacar..sem atacantes? / ROMERO;;é marcador de laterais..e contra o Santos E RACING..nem isto fez..quando joga o CLAYSON..time fica ofensivo..mas Carille prefere o Romero (que só sai do time quando está perdendo ou empatando..e depois dos 35 minutos do segundo tempo )...dificil hein?