Alguns números animadores

Fórum do Corinthians
Tópico Épico Entenda as regras

William #3.970 @goomes em 21/10/2017 às 17:21

Faltando apenas nove rodadas para o término do Campeonato Brasileiro, o Corinthians tem uma vantagem significativa de nove pontos sobre Grêmio, Palmeiras e Santos, times mais próximos do Timão na tabela de classificação.

Além disso, o retrospecto dos campeões nas últimas nove rodadas do Brasileirão desde 2006 – ano que o Campeonato Brasileiro passou a contar com 20 clubes e disputado no sistema de pontos corridos, como a atuação edição, também indicam que o Corinthians tem tudo para conquistar o título.

Confira ano a ano o número de pontos ganhos pelos campeões nas últimas nove rodadas.

2006 – São Paulo – 19 pontos

2007 – São Paulo – 14 pontos

2008 – São Paulo – 23 pontos

2009 – Flamengo – 22 pontos

2010 – Fluminense – 19 pontos

2011 – Corinthians – 20 pontos

2012 – Fluminense – 12 pontos

2013 – Cruzeiro – 14 pontos

2014 – Cruzeiro – 21 pontos

2015 – Corinthians – 20 pontos

2016 – Palmeiras – 20 pontos

Com esses números, se o atual Corinthians conseguir a média dos campeões fará 18 pontos – na verdade a média é 18,5, mas usaremos 18 - aproveitamento de 67%. Assim, com os 59 pontos atuais, o Corinthians fecharia o torneio com 77 pontos e só poderia perder o torneio se um dos três times que começam a 30ª rodada com 50 pontos ganhassem todas as partidas até o final para somar também 77 pontos. Lembrando também que, desde 2006, apenas em três oportunidades, o campeão fez menos de 18 pontos nos últimos nove jogos – 2007,12 e 13.

Se o time de Fábio Carille tiver o mesmo desempenho do Fluminense, que só ganhou 12 pontos (44% de aproveitamento) nas últimas nove rodadas da edição de 2012, ele chegará ao final da 38ª rodada com 71 pontos. Para que o trio Palmeiras, Grêmio e Santos conquistasse o título, sem os critérios de desempate, seria necessário que um dos clubes conseguisse somar 22 pontos nas últimas nove jornadas – na lista dos campeões isso só aconteceu em duas oportunidades – 2008 e 09.

Vamos usar outro parâmetro para os cálculos. Usaremos o mínimo de pontos que um time campeão fez em nove rodadas seguidas, nas suas campanhas vitoriosas. Assim temos:

2006 – São Paulo – 14 pontos

2007 – São Paulo – 14 pontos

2008 – São Paulo – 13 pontos

2009 – Flamengo – 10 pontos

2010 – Fluminense – 10 pontos

2011 – Corinthians – 10 pontos

2012 – Fluminense – 12 pontos

2013 – Cruzeiro – 14 pontos

2014 – Cruzeiro – 12 pontos

2015 – Corinthians – 14 pontos

2016 – Palmeiras – 14 pontos

Aqui teríamos a média de 12 pontos levando em conta as piores sequências de nove jogos dos campeões desde 2006. Esse caso já foi explicado, com o Corinthians terminando com 71 pontos.

Agora, se Timão somar 10 pontos (37% de aproveitamento), ele chegará a 69 pontos e perderá o título se algum concorrente 20 pontos, o que já aconteceu em seis oportunidades – 2008,09,11,14,15 e 16 -, de um campeão conseguir esse número de pontos ou mais nas últimas nove partidas disputadas.

Por fim, vamos pegar todos os times que começaram a 30ª rodada como líderes, como acontece com o Corinthians agora.

2006 – São Paulo

2007 – São Paulo

2008 – Grêmio

2009 – Palmeiras

2010 – Cruzeiro

2011 – Corinthians

2012 – Fluminense

2013 – Cruzeiro

2014 – Cruzeiro

2015 – Corinthians

2016 – Palmeiras

Das onze edições do Brasileiro com 20 clubes, em apenas três, a equipe que ficou com a taça não liderava quando teve início a 30ª rodada – desde 2010 isso nunca mais acontece.

Nos três casos, nenhum clube tirou a diferença de nove pontos nas últimas nove rodadas. Em 2008, ao começar a 30ª rodada, a diferença o do líder Grêmio para o São Paulo era quatro pontos. Em 2009, o Flamengo, campeão daquele ano, começou a 30ª jornada com sete pontos atrás do líder Palmeiras. Já em 2010, o Fluminense, que deu volta olímpica, tinha um ponto a menos do que o Cruzeiro, que liderava quando faltavam nove rodadas para o final.

A história mostra que só despencando o Corinthians perde o atual Brasileiro. Mas ela também prova que líderes despencam, mas não os campeões - principalmente na reta final.

3.145 visualizações e 48 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Lucas 023 #285 @lucas.schoba em 21/10/2017 às 18:18

Corinthians tem que voltar a jogar bola, se apegar a números Não adianta nada.

Tivemos um futebol covarde contra o Grêmio, sem ao menos levar perigo.

Ederson Silva #937 @eder2016 em 21/10/2017 às 18:34

De todos esses títulos, o único líder que está querendo administrar é o Corinthians.

Vamos jogar bola...

Últimas respostas

Freddy Krueger "mito" #2 @kruege em 22/10/2017 às 19:54

Concordo mano... Mas o problema é se o Corinthians vacilar a vantagem pode cair de uma hora pra outra.
Se acontecer o desastre de empatar dois jogos, lá se vão 4 pontos. Se perder então compluca ainda mais
Quem tá em segundo e terceiro lugar, vem subindo na tabela no segundo turno
Isso significa que melhoraram bastante com relacao ao primeiro turno
Não pode vacilar

Itamar #164 @sr.fulano em 21/10/2017 às 20:56

" "

Significa sim algo bom.

Mas muitos analisam errado.

Eles vão pelo número e não seu significado perante o campeonato.

Como você disse, a vitória vale 3 pontos.

Então o ideal é transformar em rodadas, quanto esses pontos da de vantagem em rodadas.

Então os 9 pontos só te garante em 3 rodadas, isso dependendo do critério de desempante.

Por exemplo:

O Corinthians tem 17 vitórias e o Grêmio e Palmeiras tem 15, enquanto o Santos tem 13

Então o Corinthians tem 2 rodadas de vantagem para o Grêmio e Palmeiras, por que se vencerem e empatarem em número de pontos com o Corinthians eles passariam a ter 18 vitórias contra 17 do Corinthians.

Já o Santos só poderia chegar a 16 vitórias. Então a vantagem para o Santos é de 3 rodadas.

A NÃO SER QUE Palmeiras E GRÊMIO SE APROXIME COM EMPATES E NÃO COM VITÓRIAS, AI TERIAM MENOS VITÓRIAS.

Mas faltando 9 rodadas se aproximar com empate é muito difícil.

ENTÃO NÃO DA PRA SE GARANTIR MUITO NESSES 9 PONTOS, A NÃO SER QUE MELHORE O DESEMPENHO, AI SIM MUDA O SENTIDO E TEM MAIS PESO.

Valeu amigo.

Publicidade

Wilson Saad #402 @wsaad em 22/10/2017 às 11:49

Números ilustram...mas o que vale é a bola, que tá pequena devido a teimosia do comandante

Amadeu Geraldo Colombo #275 @colombo em 22/10/2017 às 11:49

Se o Renato Gaúcho esta desdenhando o jogo contra o Palmeiras, hoje já teremos dois adversários com 6 pontos atrás de nós, pois o Atlético Goianenense não ganha de ninguém, só do Corinthians. Por isso se não ganhar amanhã, já viu né? E faltarão 8 rodadas. Vai Corinthians...

Luciano Almeida Campos #4.789 @luciano.almeida.camp em 22/10/2017 às 11:28

Muito bom o post...deixaria o PVC de boca aberta.

Mas melhor que isso é o time mostrar em campo...que nos momentos em que menos acreditavam no time...ele se superou e surpreendeu os críticos.

Olha meus amigos...se tivemos feito 4 pontos contra Atlético Go e vitória...em casa...hj jogariamos por um empate...mas...

Pescador De Sardinhas #1.290 @pescador em 22/10/2017 às 11:26

O Corinthians não pode vacilar porque, embora estejam todos lá atrás, um deles com certeza conseguirá fazer uma boa campanha até o fim do campeonato. E basta um nos passar pra perdermos o caneco. Por isso, foco nos jogos.

Mario Ayres #180 @marioayres em 22/10/2017 às 11:12

Acredito que entre 12 e 14 pontos chegaremos lá.

Jorge Gonçalves De Souza #4.750 @jorge.goncalves.de.s em 22/10/2017 às 10:25

Não sei no que tantos números podem mudar o rendimento em campo!

Acho que os únicos números que interessam são :

!) Números de Passes Certos

2) Números de Chutes a Gol

3) Números de Gols

A ai sim teremos Grandes chances de sermos Campeões!

Indio Campaner #2.186 @indio.campaner em 22/10/2017 às 09:03

Cara
Não aguento ver vocês arrumando desculpas e comparando essa [email protected] de time com o time de 2015!

Marcelo Chaves Ladeira #3.531 @msccp em 22/10/2017 às 08:49

Anisio... Essa é a grande preocupação. Fazer gols. O time criava mais e era o que precisava de menos chances para transformar em gol no 1.turno.

Veja que o Clayson se tornou a válvula de escape do time (fato novo).

Continuo a afirmar... A chave são os laterais. Concentração total nessas duas peças. Eles melhorando o time melhora. Desafoga o meio campo fazendo crescer o desempenho dos demais jogadores.

Não temos mais outras competições e teremos tempo suficiente para treinos.

Temos que ganhar do Avaí, Fluminense e Atlético-MG em casa. E do Botafogo ou Ponte fora. Dois empates - Palmeiras e Atlético-PR.

Acredito no Hepta. Mas temos que ter concentração total nessas últimas nove partidas.

Marcelo #3531 @msccp em 21/10/2017 às 23:30

" "

14 pontos.. é isso o que falta. Com 73 pontos seremos campeões. 4V, 2E em 9 partidas.

O time tem que se doar mais e alguns jogadores tem que se concentrar e voltar a ter um desempenho razoável. Arana, por exemplo, que era um dos melhores do time não está jogando nada. Os laterais estão sobrecarregando o meio tanto na marcação quanto na criação... E o time parou de funcionar.

Acredito numa melhora. Temos 4J em casa e 5F. Ganhando 3 em casa e empatando um, basta ganhar 1 e empatar 1 fora... Talvez dê para fazer até mais se o time voltar a funcionar um pouco melhor.

O 2.turno está muito equilibrado. E nosso time entrou nesse bolo.

Heptasemfax O Primeiro #48 @anderson.kullowisky. em 22/10/2017 às 05:16

Ótima avaliação!