Eu odiaria o Corinthians,

Fórum do Corinthians
Tópico Lendário Entenda as regras

Fiel #417 @gilrock7 em 03/09/2015 às 19:33

Fiéis...imaginemos estar do lado contrário ao que estamos por sermos CORINTHIANS...

Éramos um time de torcida monstruosa mas, sem brasileiro, até 1990 vencermos um time dito pela mídia, 10 vezes melhor que o nosso, dentro do estádio deles (p variar).

Não tínhamos estrutura até que a chegada de um tal FENÔMENO, fez os dirigentes entenderem o quanto isso era necessário...hoje somos referência.

Éramos um time de jogo feio e sem atrativos (o que discordo) até que o TIME DA DEMOCRACIA, encantou o país dentro e fora do campo...acontecendo de novo no fim dos anos 90, enrabando os dois times de MG nas finais...

Éramos um time se Libertadores e sem respeito internacional (o que discordo novamente), até que em 2012 fizemos uma das melhores campanhas de times campeões de qualquer campeonato continental do planeta...campeões INVICTOS, e batendo em times 'temidos'...e culminando na surra num tal de Boca JRS...

Éramos um time de estádio alugado (embora pra mim, o PACAEMBÚ era sim nossa casa), e quando de repente, tínhamos um estádio de abertura de copa e hoje, um dos mais modernos desse planeta bola.

Somos um time que na boa nos lambem...ou seja, falam de nós até enjoar, e na ruim nos batem até tentar matar...ou seja, falam de nós até enjoar.

Então a conclusão que chego é simples...todo ódio dos antis é válido...e sabe o que é melhor?

Eu gosto muito de ver esses invejosos se rasgando de raiva por conta da nossa exposição e força, e morrendo de vontade, de serem um pouquinho...ou muito, como nós somos.

1.302 visualizações e 49 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhor resposta

Renan Pereira #659 @renan.pereira13 em 03/09/2015 às 19:43

Para o lado do torcedor não vou negar eu também adoro isso, mas o que me deixa cabrero é apenas o anti-profissionalismo da mídia esportiva de uns anos pra cá.

Tá desgosto assistir programas esportivos.

Últimas respostas

Fiel Caracas #417 @gilrock7 em 05/09/2015 às 12:46

Kkkkkkkkkkkkk

Publicidade

Fiel Caracas #417 @gilrock7 em 04/09/2015 às 16:12

Dr OSMAR batia de frente até com o papa se fosse necessário

S4NTO #4013 @amorimjunior03 em 04/09/2015 às 16:10

" "

Isso depois que o Dr. Osmar se foi... Único que defendia, 'brigava' por nós torcedores.

Maria Das Graças #2 @gracinhado.timao em 04/09/2015 às 16:11

Sim não suporte outros sites cheio de antis desesperados se rasgando com piadinhas idiotas.

FIEL #417 @gilrock7 em 04/09/2015 às 16:09

" "

Com certeza ganha muito mais com isso

Maria Das Graças #2 @gracinhado.timao em 04/09/2015 às 16:10

Sim.

FIEL #417 @gilrock7 em 04/09/2015 às 16:09

" "

Muitas coisas...

Fiel Caracas #417 @gilrock7 em 04/09/2015 às 16:10

Eu vou a forra nas zueiras também...sem dó kkkkk

Camila #19 @camistimao em 04/09/2015 às 16:00

" "

Corinthiano é insuportavel.. Eu sei porque eu sou insuportavel falando do corinthiansss... E VAIII CORINTHIANSSSS...

S4nto Cristo #4.013 @amorimjunior03 em 04/09/2015 às 16:10

Isso depois que o Dr. Osmar se foi... Único que defendia, 'brigava' por nós torcedores.

Renan #659 @renan.pereira13 em 03/09/2015 às 19:43

" "

Para o lado do torcedor não vou negar eu também adoro isso, mas o que me deixa cabrero é apenas o anti-profissionalismo da mídia esportiva de uns anos pra cá.

Tá desgosto assistir programas esportivos.

Fiel Caracas #417 @gilrock7 em 04/09/2015 às 16:09

Muitas coisas...

Maria #2 @gracinhado.timao em 04/09/2015 às 16:00

" "

Kkkkkkkkkkk, Amor e ódio, dá um tema para alguma coisa.

Fiel Caracas #417 @gilrock7 em 04/09/2015 às 16:09

Com certeza ganha muito mais com isso

Maria #2 @gracinhado.timao em 04/09/2015 às 16:02

" "

Eu só fico por aqui no Meu Timão.

Fiel Caracas #417 @gilrock7 em 04/09/2015 às 16:08

Você entendeu errado FIE, não disse que não éramos quase nada até 19190...

'Éramos um time de torcida monstruosa mas, sem brasileiro, até 1990 vencermos um time dito pela mídia, 10 vezes melhor que o nosso, dentro do estádio deles (p variar). '

Mas vlw pela lista de conquistas

aresilva #714 @adelcio em 04/09/2015 às 16:04

" " gostei do seu post, mas não concordo quando diz que o Timão não era quase nada até 1990, então resolvi enumerar as conquistas do Timão, porque ele já era invejado desde o principio Principais Conquistas

Mundial de Clubes FIFA: 2000 e 2012

Taça Libertadores da América: 2012

Recopa Sul-Americana: 2013

Campeonato Brasileiro: 1990,1998,1999,2005 e 2011

Copa do Brasil 1995,2002 e 2009

Supercampeonato Brasileiro: 1991

Camp. Brasileiro Série B: 2008

Torneio Rio-São Paulo: 1950,1953,1954,1966,2002

Campeonato Paulista: 1914,1916,1922,1923,1924,1928,1929,1930,1937,1938,1939,1941,1951,1952,1954,1977,1979,1982,1983,1988,1995,1997,1999,2001,2003,2009 e 2013

Taça Competencia: 1922,1923,1924

Taça Cidade de São Paulo: 1922,1942,1943,1947,1948 e 1952

Torneio início do Paulista: 1919,1920,1921,1929,1936,1938,1941,1944,1955

Torneios Internacionais

Taça Cittá de Firenze (ITA): 1929 (ao empório Toscano, Sudan Ovais e Prof. Caputto)

Pequena Taça do Mundo: 1953 (Copa Pres. Marcos Perez Gimenez)

Copa Cidade de Turim (ITA): 1966 e 1969

Torneio Costa do Sol (ESP): 1969

Trofeu Apolo V (EUA): 1969 (Torneio de New York)

Copa da Feira de Hidalgo (MEX): 1981

Troféu Ramón de Carranza (ESP): 1996

Torneio Internacional Charles Muller (BRA): 1955

Copa do Atlântico: 1956

Copa São Paulo (BRA): 1975

Copa das Nações (EUA): 1985

Torneio de Verão Cidade de Santos (BRA): 1986 e 1987 (venceu os dois primeiros torneios)

Copa dos Campeões: 1986

Torneios Nacionais/Estaduais

Torneio Quinela de Ouro: 1942 (Taça Supremacia)

Campeão do IV Centenário: 1954

Taça São Paulo: 1962

Torneio Laudo Natel: 1973

Centenário da Independência: 1922

Copa Bandeirantes: 1994

Taça do Povo: 1971

Taça Governador do Estado de São Paulo: 1977

Taça Cidade de Porto Alegre (RS): 1983

Torneio de Brasilia (DF): 1958

Pentagonal de Recife (pé): 1965

Triangular de Goiania (GO): 1967

Taça Ballor: 1923,1924 e 1928

Taça Fasanello: 1938

Taça Henrique Mundel: 1938 (Festival do São Paulo FC)

Taça Pref. Munic. De São Paulo: 1953

Taça Charles Muller: 1954 e 1958

Torneio das Missões: 1953 (Taça Tibiriça)

Taça Piratininga: 1968

Outros Campeonatos/Taças

Taça São Paulo de Juniores: 1969,1970,1995,1999,2004,2005,2009 e 2012

Taça dos Invictos: 1956,1957,1990 e 2009

Dallas Cup (Juniores): 1999 e 2000

Copa Nike (Juniores): 2003

Mundial de Clubes Sub 18: 2010Outras Taças e Troféus

Nacionais

Taça Mais Querido do Brasil (1955)

Troféu Osmar Santos (2005)

Interestaduais

Char de lá Victoire e Taça Vada (1928)

Taça Apea (1930)

Taça Aliança da Bahia (1936)

Taça Prefeitura de Salvador (1936)

Taça Linha Circular (1938)

Taça de Campeões Rio-São Paulo (1941)

Títulos Honorificos

Galo da Várzea (1910,1913)

Campeão do Centenário (1922)

Campeão dos Campeões do Brasil (1929)

Tri tricampeão paulista

Campeão Honorário do Brasil: Torneio Rio-São Paulo (1950)

Fita Azul do Futebol Brasileiro (1952)

Campeão Internacional dos Invictos(1954)

Campeão dos Centenários (1922 e 1954)

Campeão Paulista do Século XXEstaduais

Taça The São Paulo Tranway Light Power Co. 1914;

Taça Beneficência Espanhola (1915,1916);

Taça Cronistas Esportivos (1916);

Taça oferecida pelo dr. Alcântara Machado (1916);

Taça oferecida pelo sr. Celinho Ambrósio (1917);

Taça Amílcar Barbuy (1919);

Taça União Brasil (1919);

Taça 47 (1919);

Taça Neco (1920);

Taça Doutor Arnaldo Vieira de Carvalho (1920);

Taça Prefeitura Municipal de Guaratinguetá (1920);

Taça Ida (1921);

Taça Antarctica (1921);

Taça ao Preço Fixo (1921);

Taça Sacadura Cabral e Gago Coutinho (1922);

Taça Cântara Portugália (1922);

Taça Ballor (1923,1924 e 1928);

Taça Joalheria Castro (1925);

Taça Guido Giacominelli (1925);

Taça Agência Ford (1925);

Taça Studebaker (1925);

Taça Lacta (1926);

Taça Centenário do Uruguai (1926);

Taça Guanará Espumante (1926);

Taça Francisco Rei (1926);

Taça Apea (1926);

Taça De Callis (1926);

Taça Elixir de Cabo Verde Composto (1926);

Taça Adamastor (1926);

Taça Fábrica de Gelo Vila Mathias (1927);

Taça Sarmento Beires (1927);

Taça Ribeiro de Barros (1927);

Taça Tipografia Carvalho (1927);

Taça O Comerciário (1927);

Taça Almirante Sousa e Silva (1929);

Troféu Washington Luís (1930);

Taça Ministro do Chile (1928,1931);

Troféu Liga Paulista (1939);

Taça Duque de Caxias (1941);

Taça Manoel Domingos Corrêa (1942);

Troféu Bandeirante (1954);

Troféu Lourenço Fló Júnior (1962)

Taça da Solidariedade (1994)

Aresilva Silva #714 @adelcio em 04/09/2015 às 16:04

gostei do seu post, mas não concordo quando diz que o Timão não era quase nada até 1990, então resolvi enumerar as conquistas do Timão, porque ele já era invejado desde o principio Principais Conquistas

Mundial de Clubes FIFA: 2000 e 2012

Taça Libertadores da América: 2012

Recopa Sul-Americana: 2013

Campeonato Brasileiro: 1990,1998,1999,2005 e 2011

Copa do Brasil 1995,2002 e 2009

Supercampeonato Brasileiro: 1991

Camp. Brasileiro Série B: 2008

Torneio Rio-São Paulo: 1950,1953,1954,1966,2002

Campeonato Paulista: 1914,1916,1922,1923,1924,1928,1929,1930,1937,1938,1939,1941,1951,1952,1954,1977,1979,1982,1983,1988,1995,1997,1999,2001,2003,2009 e 2013

Taça Competencia: 1922,1923,1924

Taça Cidade de São Paulo: 1922,1942,1943,1947,1948 e 1952

Torneio início do Paulista: 1919,1920,1921,1929,1936,1938,1941,1944,1955

Torneios Internacionais

Taça Cittá de Firenze (ITA): 1929 (ao empório Toscano, Sudan Ovais e Prof. Caputto)

Pequena Taça do Mundo: 1953 (Copa Pres. Marcos Perez Gimenez)

Copa Cidade de Turim (ITA): 1966 e 1969

Torneio Costa do Sol (ESP): 1969

Trofeu Apolo V (EUA): 1969 (Torneio de New York)

Copa da Feira de Hidalgo (MEX): 1981

Troféu Ramón de Carranza (ESP): 1996

Torneio Internacional Charles Muller (BRA): 1955

Copa do Atlântico: 1956

Copa São Paulo (BRA): 1975

Copa das Nações (EUA): 1985

Torneio de Verão Cidade de Santos (BRA): 1986 e 1987 (venceu os dois primeiros torneios)

Copa dos Campeões: 1986

Torneios Nacionais/Estaduais

Torneio Quinela de Ouro: 1942 (Taça Supremacia)

Campeão do IV Centenário: 1954

Taça São Paulo: 1962

Torneio Laudo Natel: 1973

Centenário da Independência: 1922

Copa Bandeirantes: 1994

Taça do Povo: 1971

Taça Governador do Estado de São Paulo: 1977

Taça Cidade de Porto Alegre (RS): 1983

Torneio de Brasilia (DF): 1958

Pentagonal de Recife (pé): 1965

Triangular de Goiania (GO): 1967

Taça Ballor: 1923,1924 e 1928

Taça Fasanello: 1938

Taça Henrique Mundel: 1938 (Festival do São Paulo FC)

Taça Pref. Munic. De São Paulo: 1953

Taça Charles Muller: 1954 e 1958

Torneio das Missões: 1953 (Taça Tibiriça)

Taça Piratininga: 1968

Outros Campeonatos/Taças

Taça São Paulo de Juniores: 1969,1970,1995,1999,2004,2005,2009 e 2012

Taça dos Invictos: 1956,1957,1990 e 2009

Dallas Cup (Juniores): 1999 e 2000

Copa Nike (Juniores): 2003

Mundial de Clubes Sub 18: 2010Outras Taças e Troféus

Nacionais

Taça Mais Querido do Brasil (1955)

Troféu Osmar Santos (2005)

Interestaduais

Char de lá Victoire e Taça Vada (1928)

Taça Apea (1930)

Taça Aliança da Bahia (1936)

Taça Prefeitura de Salvador (1936)

Taça Linha Circular (1938)

Taça de Campeões Rio-São Paulo (1941)

Títulos Honorificos

Galo da Várzea (1910,1913)

Campeão do Centenário (1922)

Campeão dos Campeões do Brasil (1929)

Tri tricampeão paulista

Campeão Honorário do Brasil: Torneio Rio-São Paulo (1950)

Fita Azul do Futebol Brasileiro (1952)

Campeão Internacional dos Invictos(1954)

Campeão dos Centenários (1922 e 1954)

Campeão Paulista do Século XXEstaduais

Taça The São Paulo Tranway Light Power Co. 1914;

Taça Beneficência Espanhola (1915,1916);

Taça Cronistas Esportivos (1916);

Taça oferecida pelo dr. Alcântara Machado (1916);

Taça oferecida pelo sr. Celinho Ambrósio (1917);

Taça Amílcar Barbuy (1919);

Taça União Brasil (1919);

Taça 47 (1919);

Taça Neco (1920);

Taça Doutor Arnaldo Vieira de Carvalho (1920);

Taça Prefeitura Municipal de Guaratinguetá (1920);

Taça Ida (1921);

Taça Antarctica (1921);

Taça ao Preço Fixo (1921);

Taça Sacadura Cabral e Gago Coutinho (1922);

Taça Cântara Portugália (1922);

Taça Ballor (1923,1924 e 1928);

Taça Joalheria Castro (1925);

Taça Guido Giacominelli (1925);

Taça Agência Ford (1925);

Taça Studebaker (1925);

Taça Lacta (1926);

Taça Centenário do Uruguai (1926);

Taça Guanará Espumante (1926);

Taça Francisco Rei (1926);

Taça Apea (1926);

Taça De Callis (1926);

Taça Elixir de Cabo Verde Composto (1926);

Taça Adamastor (1926);

Taça Fábrica de Gelo Vila Mathias (1927);

Taça Sarmento Beires (1927);

Taça Ribeiro de Barros (1927);

Taça Tipografia Carvalho (1927);

Taça O Comerciário (1927);

Taça Almirante Sousa e Silva (1929);

Troféu Washington Luís (1930);

Taça Ministro do Chile (1928,1931);

Troféu Liga Paulista (1939);

Taça Duque de Caxias (1941);

Taça Manoel Domingos Corrêa (1942);

Troféu Bandeirante (1954);

Troféu Lourenço Fló Júnior (1962)

Taça da Solidariedade (1994)