Jogada de Gênio da BMG!

Fórum do Corinthians
Tópico Épico Entenda as regras

Daniel #503 @danielmf em 25/01/2019 às 14:58

Cara... Não dá para não tirar o chapéu para a BMG!

Fizeram um contrato de 5 ANOS, como o valor FIXO de 12 milhões, que é bem abaixo do mercado pela camisa do Corinthians...

Se não der certo a divisão do lucro com as contas novas, mesmo assim ele conseguem a maior visibilidade do futebol nacional por uma mixaria...

Não tem risco nenhum para eles!

Só tem risco para o Timão, pois além precisar que a Fiel entre nessa aventura para pelo menos chegar no valor justo pela camisa, já começou devendo 18 MILHÕES, pois foram pagos 30 milhões no ato.

Nossa diretoria é uma piada mesmo! Será que não aprenderam que é necessário planejamentos antes de fazer essas parcerias. Vide o estádio que não tinha plano B e hoje temos dificuldades para pagar!

3.610 visualizações e 135 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Romarino #pqfasiso #2.835 @tobiassousa em 25/01/2019 às 15:30

Extra, extra... Corinthians patrocina Banco!

Lucas Ramos #1.407 @kakau.lucas.ramos em 25/01/2019 às 15:01

Exatamente como falei em outro post, 12 milhões de Master e o resto que vir será dessa 'sociedade' entre banco e clube, que dividirá o lucro gerado pelo próprio torcedor.

Se não der nada, 12 mi pela exposição é baratíssimo. Se der certo, o banco GANHA metade do que os torcedores do clube renderem. Surreal...

Últimas respostas

Rafa Gomes #2.069 @rafael.gomes31 em 28/01/2019 às 14:35

Ainda é precoce qq análise, vai depender de muitos fatores, para dizer quem saiu ganhando nessa, pois é uma parceria, de modo que ambos podem sair vencedores nessa.

Publicidade

Lutércio Reinaldo Padilha #118 @lutercio em 28/01/2019 às 14:35

Tem tudo para dar certo, é só parerem de criticar a ajudar com coisas positivas...esse mi mi mi ai já encheu o saco...VAI CORINTHIANS!

Marcio Nascimento #178 @marcio.valcar em 28/01/2019 às 14:30

Dessa diretoria não duvido nada

Daniel #503 @danielmf em 25/01/2019 às 15:28

" "

Se bobear, eles nem devem ter lido o contrato

Daniel Timão #503 @danielmf em 26/01/2019 às 16:12

Espero que você esteja certo!
Não sei, mas eu achava melhor um fixo maior e uma participação menor. Mas acho que eu sou conservador

Alexandre #10727 @alexandre.inacio1 em 26/01/2019 às 10:57

" "

O valor fixo baixo é natural de uma negociação entre as partes, por exemplo, o Corinthians fala 'Quero 50-50 na operação', então o BMG responde 'tudo bem, mas você abaixa o valor fixo à ser pago assim abraçando o risco do negócio como sócio em igualdade conosco? '.

E o Corinthians está certo! Tem seu histórico de falcatruas e péssimos negócios, mas este não é um desses erros.

É muito melhor ter R$ 12 milhões de mínimo fixado e ter 50-50 na participação dos lucros da operação do que ter R$ 22 milhões de fixo e apenas 40% ou menos na participação dos lucros.

Isto ocorre porque tanto R$ 12 milhões quanto R$ 22 milhões são valores abaixo do potencial da parceria.

A fé na capacidade do empreendimento é tanta que as projeções conservadoras do piso da parceria é de pelo menos R$ 30 milhões para ambas as partes.

Tanto que o adiantamento foi de R$ 30 milhões à vista na primeira semana do negócio.

O acordo realizado prevê o adiantamento de R$ 30 milhões no primeiro ano sem necessidade de reembolso ao BMG, e no mínimo R$ 12 milhões de reais caso não se abra uma conta sequer pelo Meu Corinthians BMG.

A parceria é excelente principalmente pela lisura que uma instituição financeira traz ao projeto e pela seriedade com que é regulado.

O torcedor pode aderir ao projeto, pois esta é a oportunidade que a Fiel sempre pediu de poder contribuir com o fortalecimento do clube.

Douglas Fernando Blanco #2.683 @dougaooo em 26/01/2019 às 15:50

Você só disse verdades. O cara naonquis dizer que o Corinthians vai perder disse que o único que pode perder é o Corinthians é de fato parece mais Patrício do Corinthians ao banco do que o banco ao Corinthians.

Marcelo Rezende #9.326 @marcelo.de.rezende em 26/01/2019 às 13:09

Se foi uma jogada, achei bem estúpida. A parceria depende da participação da torcida, caso a torcida não esteja satisfeita com o negócio (e não estará se o valor for esse de 12 milhões), todo mundo se ferra, inclusive o banco que passará a ser odiado por mais de 30 milhões de pessoas.

Carlos Mg #248 @carlosmg em 26/01/2019 às 13:03

A verdade é que banco não dá nada pra ninguém, esse acordo que fizeram é de vender a alma para o diabo.

Ricardo Kurama #1.987 @zighfryd em 26/01/2019 às 12:50

Seria o mesmo se alguém trabalhasse como vendedor de um grande produto, seu salário fixo seria baixo! Mas o bônus sobre a venda aumentaria em muito seu salário!

Fábio Araújo Pinto @darkking em 26/01/2019 às 12:46

Tá na hora da torcida, e de todos que trabalham divulgando, anunciando e que se importam com o clube de verdade, cobrar por mais transparência dessa gestão que parece mais quadrilha organizada, do que dirigentes profissionais que visam pelo bem do Clube.

Fábio @darkking em 26/01/2019 às 12:34

" "

O engraçado é que a torcida fica eufórico por conta das contratações feita pelo clube, mas como um clube que no ano passado, alegava não ter dinheiro hoje se disponibiliza a repatriar o Guilherme Arana, por um valor tão alto? Na boa, tá difícil torcer para um clube que entra ano, sai ano, e a mentalidade não muda. Um presidente falastrão e um gerente de marketing imbecil. Pior, mente para toda a nação, anunciando um valor de contrato irrisório, bem abaixo do nosso maior rival, fazendo o clube virar chacota da imprensa, adversários, etc. Fora, seus lixos, o Corinthians não precisa de vocês.

Alexandre Kawahara @kwr1976 em 26/01/2019 às 12:43

Excelente análise!

Alexandre #10727 @alexandre.inacio1 em 26/01/2019 às 10:57

" "

O valor fixo baixo é natural de uma negociação entre as partes, por exemplo, o Corinthians fala 'Quero 50-50 na operação', então o BMG responde 'tudo bem, mas você abaixa o valor fixo à ser pago assim abraçando o risco do negócio como sócio em igualdade conosco? '.

E o Corinthians está certo! Tem seu histórico de falcatruas e péssimos negócios, mas este não é um desses erros.

É muito melhor ter R$ 12 milhões de mínimo fixado e ter 50-50 na participação dos lucros da operação do que ter R$ 22 milhões de fixo e apenas 40% ou menos na participação dos lucros.

Isto ocorre porque tanto R$ 12 milhões quanto R$ 22 milhões são valores abaixo do potencial da parceria.

A fé na capacidade do empreendimento é tanta que as projeções conservadoras do piso da parceria é de pelo menos R$ 30 milhões para ambas as partes.

Tanto que o adiantamento foi de R$ 30 milhões à vista na primeira semana do negócio.

O acordo realizado prevê o adiantamento de R$ 30 milhões no primeiro ano sem necessidade de reembolso ao BMG, e no mínimo R$ 12 milhões de reais caso não se abra uma conta sequer pelo Meu Corinthians BMG.

A parceria é excelente principalmente pela lisura que uma instituição financeira traz ao projeto e pela seriedade com que é regulado.

O torcedor pode aderir ao projeto, pois esta é a oportunidade que a Fiel sempre pediu de poder contribuir com o fortalecimento do clube.