Voadora de Leandro Donizete em Chicão vira processo no tribunal

Voadora de Leandro Donizete em Chicão vira processo no tribunal

1.6 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

Leandro Donizete merecia pegar uma suspensão maior

Leandro Donizete merecia pegar uma suspensão maior

Um lance que passou despercebido pelo árbitro na partida entre Coritiba e Corinthians levará o volante Leandro Donizete, da equipe paranaense, e próprio árbitro da partida, Wilson Pereira Sampaio, ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Os dois foram denunciados e estarão na pauta da Terceira Comissão Disciplinar, em julgamento que acontece na próxima quarta-feira, dia 21 de setembro, a partir das 18h.

Em uma disputa de bola no campo de ataque do Coritiba, Leandro Donizete levantou em excesso a perna e acabou acertando o rosto do zagueiro Chicão, do Corinthians, com a chuteira. O árbitro estava próximo ao lance e acabou não aplicando cartão ao jogador do time da casa. Vale destacar que caso Wilson Pereira Sampaio mostrasse o amarelo para Leandro Donizete, ele seria expulso, pois já havia levado o primeiro amarelo anteriormente.

A Procuradoria do STJD analisou o lance através de prova de vídeo e denunciou Leandro Donizete pela agressão, e Wilson Pereira Sampaio por omissão. O atleta responderá ao artigo 254 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), por “praticar jogada violenta, desferir chutes ou pontapés, desvinculados da disputa de jogo”, podendo receber uma suspensão de uma a seis partidas de gancho.

Já Wilson Pereira de Sampaio vai ser julgado no artigo 259 (deixar de observar as regras da modalidade) do CBJD, podendo receber uma suspensão de 15 a 120 dias, além de uma multa que varia entre R$ 100 e R$ 1 mil.

Corinthians responderá por atraso

Outro incidente na partida levará o Corinthians ao STJD. Wilson Pereira Sampaio relatou na súmula que o Timão entrou em campo com dois minutos de atraso para a segunda etapa.

Com isso, o líder do Brasileirão responderá ao artigo 206 (deixar de apresentar sua equipe em campo até a hora marcada para o início ou reinício da partida) do CBJD, podendo ser multado entre R$ 100 e R$ 1 mil para cada minuto atrasado. Portanto, o clube paulista, se punido de forma máxima, pagará R$ 2 mil.

Fonte: Justica Desportiva

Enviado por: Gustavo Gomes Pacheco

Veja Mais:

  • Contra o Fluminense, Leste Superior ficou longe de estar cheia. Oeste então...

    Corinthians tenta valorizar Fiel Torcedor, aumenta valor dos ingressos e público na Arena diminui

    ver detalhes
  • Inicialmente exposta no Memorial, a estátua de Sócrates está na Arena Corinthians

    Conheça o escultor Laércio Alves, que homenageou Sócrates em estátua exposta na Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade, atual e ex-presidentes do Corinthians

    Corinthians registra déficit de R$ 35 milhões em 2017; veja números do balanço financeiro

    ver detalhes
  • Técnico do Timão chega a São Paulo como líder isolado do Grupo 7 da Libertadores

    Torcedor pede Roger no Corinthians e Carille brinca: 'Já? Ele está gordo'

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes