Ronaldo, ex-atacante do Corinthians, está prestes a se tornar bilionário

Ronaldo, ex-atacante do Corinthians, está prestes a se tornar bilionário

Ronaldo comemora o segundo gol do Corinthians contra o São Paulo

Ronaldo comemora o segundo gol do Corinthians contra o São Paulo

Foto: Marcos Ribolli

Ronaldo pendurou as chuteiras em 2011, mas não deixou de bater um bolão: desta vez, no campo dos negócios. Empresário de sucesso, ele é patrocinado por várias empresas, agencia ídolos e tem grande influencia nos bastidores do esporte. Bem assessorado e poupando até 80% de sua grana, o Fenômeno está a caminho de se tornar o novo bilionário do Brasil! O craque é dono de academias, clínicas, um prédio inteiro que abriga universidade, imóveis no Rio, São Paulo, Paris, Espanha e até uma... ilha.

Veja a relação de empresas que engorda o bolso do Fenômeno:

9ine: a empresa de marketing esportivo de Ronaldo é responsável por cuidar da imagem de grandes ídolos do esporte como Anderson Silva, Neymar e Falcão. Com investimento inicial de R$ 5 milhões, a empresa não para de crescer e deve faturar dez vezes mais até 2014.

Somente a 9ine deve faturar R$ 50 milhões até 2014, segundo um porta-voz do WPP, grupo de comunicação que possui 45% das ações da empresa (Ronaldo detém outros 45%). A recente contratação do cantor Naldo mostra que a empresa está com fôlego nos investimentos.

Patrocinadores: Ronaldo é um lucrativo garoto-propaganda desde o início da carreira. Os patrocinadores mais antigos são Ambev e Nike, com ele desde 1993. Com a gigante esportiva, o contrato é para o resto da vida. A grana cai todo mês! Para isso, entretanto, o craque deve se manter comportado e ser visto com peças da marca (que ganha de presente, lotes com todos os lançamentos!).

Ao lado da Ambev (Brahma) e da Nike, Claro, Extra, Fiat, Duracell e Hypermarcas fazem parte do time de patrocinadores de Ronaldo. Segundo dados da Forbes, a grana que o ex-jogador recebe deles por ano é de cerca de R$ 30 milhões. Apesar de alguns tropeços, ele investe em fundos de renda fixa e variável (bolsa de valores), o que potencializou seus ganhos ao longo dos anos. Especialistas especulam que seu patrimônio está próximo a R$ 1 bilhão.

Neste ano, o craque ganhou patrocínio de um dos maiores sites de pôquer do mundo, o Pokerstars. Ele pretende ser uma espécie de embaixador do esporte no País. São apostas como essa que devem colocar Ronaldo na lista de bilionários do Brasil, privilégio que o apresentador Silvio Santos só conseguiu este ano. Ronaldo, porém, não é embaixador apenas do pôquer. Lembra-se do seu último time como jogador?

Corinthians: embora aposentado desde 2011, Ronaldo mantém contrato de imagem até dezembro deste ano com o último time de sua carreira. Segundo informações do Diário de S.Paulo, ele ganha R$ 155 mil ao mês para ser embaixador do Timão, ou seja, espalhar o nome do clube mundo afora.

Ronaldo também já influenciou várias contratações do Timão, como Roberto Carlos, Adriano e Alexandre Pato, que atualmente ganha R$ 500 mil por mês. Além de trazê-los, ele auxilia a equipe alvinegra no pagamento do salário deles, atraindo investidores e patrocinadores.

Televisão: o atacante participou, em 2012, do quadro Medida Certa, do Fantástico. A rotina de exercícios o fez perder 17 quilos, e engordar a poupança: segundo o jornal Folha de S.Paulo, ele ganhou R$ 6 milhões de cachê. A emissora negou a quantia. Porém, sabe-se que participação de Ronaldo no quadro substituiu uma concorrida agenda, paga a preço de marca mundial. E, como ícone internacional, Ronaldo não precisa de mais exposição na TV, mas há outros interesses diplomáticos, que supostamente o levaram a ser o comentarista oficial da Copa de 2014.

Comentarista: o artilheiro da seleção em Copas do Mundo foi contratado em março deste ano para ser comentarista televisivo na Copa das Confederações e no Mundial de 2014. Houve muitas especulações sobre o valor do contrato até o diretor-geral da emissora em questão declarar que o Fenômeno não receberia salário. Ronaldo não sai de casa por menos de R$ 3 milhões.

Porém, a contratação do craque foi polêmica e colocou em discussão a sua isenção para comentar as partidas uma vez que há jogadores na seleção agenciados pela 9ine, como é o caso de Neymar. Procurados, jogador e a emissora negaram o conflito de interesses.

Academia: o craque tinha 8% de participação na rede de academias A! Body Tech até se dedicar inteiramente à 9ine. A empresa, que tem 75 mil alunos, 35 unidades pelo País e mensalidades entre R$ 230 e R$ 630, teve um faturamento de R$ 127 milhões em 2010, quando Ronaldo ainda fazia parte dela.

Ensino: Ronaldo é dono de um prédio de seis andares na Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro, desde 2002. Chamado Campus R9-Taquara, o local tem cursos de educação física e administração, entre outros. Em entrevista à revista IstoÉ Dinheiro, o fenômeno revelou que recebe uma porcentagem das matrículas realizadas. A assessoria da Universidade afirmou pagar ao jogador um aluguel pelo uso do edifício, mas não divulgou valores.

Saúde: instalada numa área de 3.600 m², a clínica Fisio R-9, situada no Rio de Janeiro, completou dez anos de funcionamento em 2012. Além do próprio fenômeno, que já se tratou nela, o local já atraiu futeb

Fonte: R7

Veja Mais:

  • Setor Norte da Arena com pisca-piscas no jogo contra o São Paulo

    Setor Norte da Arena Corinthians é interditado pelo STJD mais uma vez

    ver detalhes
  • Tite, Carille e Cássio durante treino no CT Joaquim Grava

    Tite rasga elogios a Fábio Carille e fala da possibilidade de Cássio voltar à Seleção

    ver detalhes
  • Jornal O Globo, do Rio de Janeiro, tenta decifrar o Corinthians de Fábio Carille

    Jornal carioca faz 'manual para os antis' e tenta ensinar como vencer o Corinthians no Brasileirão

    ver detalhes
  • Corinthians na Sul-Americana é destaque da Globo

    TV Globo deixa rivais de canto e transmite jogo do Corinthians na Copa Sul-Americana

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes