São Paulo teria oferecido Cañete ao Corinthians

São Paulo teria oferecido Cañete ao Corinthians

Por Larissa Emanuelle

Cañete foi oferecido ao Corinthians

Cañete foi oferecido ao Corinthians

Segundo o jornalista Jorge Nicola, o presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, após o sucesso da troca de Jadson por Pato, ofereceu o jogador Cañete ao Corinthians. Hoje encostado no clube, o jogador não consegue oportunidades e não tem demonstrado o seu bom futebol. Aidar ainda sugeriu trocar o meia por algum jogador do Timão, negócio completamente descartado por Mario Gobbi.

O ex jogador do Boca Juniors não conseguiu sucesso com os treinadores que passaram pelo rival tricolor. Mesmo com Muricy afirmando que usaria mais o atleta, o jogador não apresentou um futebol positivo e chegou a ser emprestado para a portuguesa, onde também não conseguiu ser titular. Tentando "se livrar" de Cañete, o São Paulo o ofereceu ao Timão por um empréstimo simples, negócio que também não avançou.

Na publicação do jornalista esta conversa teria sido entres os presidentes do clube, que poderia ter envolvido também o fim do acordo que proíbe Jadson e pato de jogar o majestoso. Entretanto, na última segunda-feira, a conta do Twitter oficial do Corinthians disse que Mario Gobbi ainda não teve nenhuma conversa com o atual presidente do São Paulo.

Veja Mais:

  • Sub-20 comemorando título do Corinthians/UNIP no futsal

    Sub-20 conquista título estadual e Corinthians fica perto de fim de ano perfeito no futsal

    ver detalhes
  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes