Andrés retorna de Abu-Dhabi e negociação do naming rights segue aberta

Andrés retorna de Abu-Dhabi e negociação do naming rights segue aberta

Por Meu Timão

Andres viaja há dois anos tentando fechar o negócio

Andres viaja há dois anos tentando fechar o negócio

Vender pelo preço que vale. Segundo Andrés Sanchez, prefeito da Arena Corinthians, essa lição ele aprendeu com Luis Paulo Rosemberg, ex-diretor de marketing do clube. E é nesse tom que o dirigente vem tratando as negociações de aquisição do naming rights do novo estádio corinthiano: com calma, sabendo o que vale e sem desvalorizar o produto.

Sanchez está de volta ao Brasil após mais uma rodada de reuniões em Abu-Dhabi. Ao contrário do previamente divulgado, o responsável pela Arena já estará no novo estádio hoje, e não apenas no próximo domingo. Aliás, especulou-se que um príncipe árabe, suposto líder do fundo, viria para o jogo. Contudo, a informação não foi confirmada por ninguém do clube e a inconstância nas informações demonstram que tudo não deve passar de um boato.

Por R$ 450 milhões, o naming rights do estádio corinthiano deve mesmo ser adquirido pelo grupo ADIA (Abu Dhabi Investiment Authority). Especula-se que o grupo controlador do Citibank tenha a ideia de batizar o estádio como Arena Etihad. O anúncio só deve acontecer após a Copa.

Veja Mais:

  • Timão conquistou Paulistão sobre a Ponte Preta; times voltam a se enfrentar logo na abertura de 2018

    Corinthians e Ponte Preta reeditam final na abertura do Paulistão 2018; veja a tabela

    ver detalhes
  • Alessandro Nunes e Roberto de Andrade são responsáveis por formar elenco de 2018

    Presidente do Corinthians estabelece número ideal de contratações para 2018 e promete time forte

    ver detalhes
  • Carille deve ajudar Jô na missão do atacante pela artilharia

    Reta final do Corinthians terá titulares contra Flamengo e Atlético-MG e reservas diante do Sport

    ver detalhes
  • Sem 'canetadas', Corinthians é maior campeão nacional com sete títulos brasileiros

    'Corinthians é o maior campeão brasileiro', diz historiador palmeirense da USP

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes