Técnico do Timão se anima com a chegada de Lodeiro

Técnico do Timão se anima com a chegada de Lodeiro

Por Larissa Emanuelle

Mano acredita que o elenco estará ainda mais qualificado após a Copa

Mano acredita que o elenco estará ainda mais qualificado após a Copa

Na última quinta-feira, os dirigentes do Corinthians enviaram uma equipe médica para realizar exames no jogador Lodeiro, que está servindo a seleção uruguaia. O atleta que estava no Botafogo já assinou contrato com o Timão e será mais um reforço pós Copa do Mundo, como o próprio Elias. A chegada do meia-atacante anima o técnico do Timão, que vê com bons olhos as rodadas que acontecerão depois da competição mundial.

"Estou otimista em relação à segunda parte (do Brasileirão) . Se a gente pôde dar uma resposta, saindo de uma dificuldade tão grande como foi no Paulista, que nos coloca entre os primeiros nessa primeira parte, lógico que pensamos que vamos estar melhor depois da parada. Estou otimista", afirmou Mano Menezes, referindo-se à melhora da equipe com Lodeiro e Elias.

O treinador conseguiu encontrar a equipe ideal nas últimas rodadas e deve manter o time titular contra o Botafogo, jogo que acontece neste domingo. Mesmo otimista e acreditando na evolução do Timão, Mano ainda espera a contratação de atacantes.

Veja Mais:

  • Pedro Henrique foi uma das baixas do Corinthians no treino desta sexta

    Com dois desfalques, Corinthians se reapresenta já de olho em duelo contra Grêmio

    ver detalhes
  • Jô pode não viajar até a cidade de Tunja, na Colômbia

    Corinthians deve poupar jogadores e pode ter vários jovens da base na Colômbia

    ver detalhes
  • Guilherme Torres jogará mais quatro anos no Deportivo La Coruña

    Recopa, invasão da Fiel no Japão, Carille, La Coruña... Guilherme Torres fala ao Meu Timão

    ver detalhes
  • Pablo foi tranquilizado mais uma vez pela diretoria do Corinthians, que segue confiante

    Sem pressa e confiante: diretoria do Corinthians nem cogita possibilidade de perder Pablo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes