Empresário de Pato apresentará proposta da Inter de Milão nos próximos dias

Empresário de Pato apresentará proposta da Inter de Milão nos próximos dias

Por Meu Timão

Pato está em baixa no futebol nacional

Pato está em baixa no futebol nacional

Apesar de desconhecer os valores e outros detalhes, o Corinthians receberá nos próximos dias uma oferta de compra da Inter de Milão pelos direitos econômicos de Alexandre Pato. A frente do negócio, Gilmar Veloz, empresário do jogador, espera que o desfecho seja positivo. A informação é do portal Lancenet.

Reserva no São Paulo, Alexandre Pato pode até ser liberado pelo clube com uma oferta menor do que a cláusula exige, 15 milhões de dólares. Com uma compensação financeira, e intermediada por Veloz, o rival parece disposto a negociar, já que em seis meses o valor cai para 10 milhões e o Corinthians venderia mais facilmente.

A economia nos salários do jogador também é vista com bons olhos nos lados do Morumbi. Responsável por metade dos vencimentos do atleta, o São Paulo economizaria quase R$ 4 milhões liberando o atleta.

Desde o início de julho, Gilmar Veloz já havia antecipado o interesse do clube italiano por Alexandre Pato:

- A Inter é uma possibilidade. O jogador quer muito voltar à Itália, mas no momento não programei nenhuma viagem para tratar a negociação. Talvez após a final da Copa do Mundo as coisas possam se resolver - disse o empresário na ocasião.

Veja Mais:

  • Corinthians encerrou preparação contra a Ponte Preta

    Clima bom, susto de Pablo e escalação do Corinthians: o último treino antes da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Casuals foi derrotado nos pênaltis neste sábado; próxima temporada só em agosto

    Nos pênaltis, Corinthian-Casuals perde final e adia sonho de subir de divisão

    ver detalhes
  • Carille contará com 23 jogadores em Campinas neste domingo

    Corinthians relaciona 23 jogadores para final em Campinas

    ver detalhes
  • Pablo não deve ser problema contra a Ponte Preta

    Pablo dá susto em último treino do Corinthians antes de decisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes