Zerados: em jogo ruim, Vitória e Corinthians ficam no empate

Zerados: em jogo ruim, Vitória e Corinthians ficam no empate

Por Meu Timão

6.1 mil visualizações 113 comentários Comunicar erro

Vitória e Corinthians empataram

Vitória e Corinthians empataram

Getty Images

Não foi dessa vez que o Corinthians emendou uma sequência de vitórias. Jogando no Barradão, contra o Vitória, o Timão ficou num empate por 0x0 em jogo de poucas emoções. Com o resultado, a equipe de Mano Menezes foi aos 20 pontos e se mantém na vice-liderança do Brasileirão, porém a quatro pontos do Cruzeiro.

Jogo truncado, primeiro tempo ruim

Sol, tempo bom, gramado razoável. Todos os ingredientes necessários para um jogo de futebol transcorrer da melhor forma. Mas ao invés de tratar bem a bola do jogo, Corinthians e Vitória trataram a protagonista da partida da pior forma. Pelo menos nos primeiros 45 minutos. Sem criatividade, com muita marcação e até certo exagero nas faltas, baianos e paulistas passaram o primeiro tempo sem grandes emoções.

O Timão tomou a iniciativa da partida, mas não transformou a intenção em superioridade, seja ela no placar ou no volume de jogo. Ao final da primeira etapa, o scout apontava apenas 26 minutos de bola rolando. Foram cinco visualizações, duas dela do Vitória e três do Corinthians, e nenhuma chance clara de gol.

Duas das três oportunidades alvinegras saíram do pé de Guerrero. Na melhor delas, aos 31 minutos, Jadson e Fagner tramaram bem, mas na finalização o peruano bateu por cima, sem perigo. 0x0 parcial e uma partida muito abaixo do desejado.

Mesmo ritmo, mudanças para acordar

Os quinze primeiros minutos obedeceram a regra estabelecida na primeira etapa: muitos passes errados e pouco perigo. Com o Vitória mais incisivo na partida, Mano Menezes promoveu duas alterações a fim de chamar o comando do jogo para sua equipe. Renato Augusto e Romarinho ocuparam as vagas de Petros e Luciano. O Timão tentava crescer.

O Corinthians não se acertava e o Vitória crescia. Aos 18 minutos, na primeira chance incisiva do jogo, Dinei bateu de média distância e obrigou Cássio a fazer uma boa defesa em dois tempos.

As alterações não surtiram efeito. Já se passavam 32 minutos da segunda etapa e Renato Augusto não dava ao time qualidade no meio e Romarinho pouco acrescentava ao ataque. O Vitória, com pouca qualidade e muita vontade, não leva grande perigo. O jogo caminhava para o 0x0. Para piorar, em dividida, Jadson tomou o terceiro amarelo e virou desfalque para o clássico de domingo que vem, contra o Palmeiras.

Logo depois da má notícia, a cartada final. Ángel Romero foi para o jogo no lugar de Jadson. O Corinthians tinha pouco mais de 10 minutos para marcar um gol e vencer a partida.

Aos 39 minutos, o paraguaio quase abriu o placar. Renato Augusto cobrou a falta e em ótima cabeçada Romero exigiu grande defesa do goleiro adversário. O Timão tentava crescer.

Não foi suficiente e as equipes realmente não saíram do zero em uma partida que teve pinta de zero a zero do primeiro ao último minuto. Nem mesmo a cabeçada de Guerrero no último lance foi suficiente.

O Timão volta a campo pelo Brasileirão no próximo domingo, 16h, contra o Palmeiras. O clássico será o primeiro da história na Arena Corinthians. Antes disso, porém, o Corinthians encara, também em casa, o Bahia. A partida será válida pela Copa do Brasil.

Veja Mais:

  • Na segunda partida da temporada, Corinthians de Carille já conheceu o sabor da derrota

    Corinthians marca no início, mas leva virada e sofre primeira derrota no Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Ex-camisa 7 do Corinthians, Elias sonha se aposentar pelo clube do Parque São Jorge

    Elias deseja encerrar carreira no Corinthians e fala sobre conselho de Ronaldo

    ver detalhes
  • Carille garantiu Henrique entre os titulares do Corinthians nesse início de temporada

    Carille fala em vagas abertas na equipe titular do Corinthians, mas garante Henrique na defesa

    ver detalhes
  • Gustagol sobe de cabeça contra zaga do Guarani; camisa 19 é ponto alto do Timão

    Gustagol é eleito craque, e trio de defensores decepciona na primeira derrota do Corinthians em 2019

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes