Atacante morre após ser atingido por uma pedra

Atacante morre após ser atingido por uma pedra

Por Meu Timão

Albert  Ebossé morreu após ser atingido por uma pedra que veio da própria torcida do clube que ele defendia

Albert Ebossé morreu após ser atingido por uma pedra que veio da própria torcida do clube que ele defendia

Infelizmente não é só no Brasil ou na América do Sul que há violência em partidas de futebol e neste final de semana, mais especificamente no último sábado, um triste episódio ficará marcado pra sempre.

Aconteceu na Argélia, durante o jogo entre JS-Kabylia e USM Alger, um "torcedor" revoltado com a derrota do JS-Kabylia por 2x1, atacou uma pedra num dos jogadores da própria equipe pela qual foi ao estádio torcer.

A pedra atingiu a cabeça de Albert Dominique Ebossé Bodjongo Dika, um atacante camaronês de 26 anos que inclusive havia feito o gol de honra do time. O ferimento foi grave, o atleta foi transferido às pressas para um hospital, mas não resistiu.

O talentoso atacante Albert Ebossé tinha sido o artilheiro da última temporada do Campeonato Argelino. Habilidoso, o atleta também tinha passagem pela seleção de Camarões.

Em respeito ao jogador, a Argélia suspendeu todos os jogos restantes do final de semana e avisou que deve considerar novas punições, incluindo a exclusão do JS Kabylie da competição.

Veja Mais:

  • Del'Amore é um dos destaques do Corinthians na Copinha-2017

    Zagueiro do Corinthians com ascendência italiana é sondado pela Lazio

    ver detalhes
  • Walter, em fase final de recuperação. Cássio iniciou a temporada como titular

    Walter recebe visita de médico para voltar a treinar com bola no CT do Corinthians

    ver detalhes
  • Coelho vem sendo auxiliar de Osmar Loss na categoria Sub-20 do Timão há duas temporadas

    Corinthians promove velho conhecido da Fiel como substituto de Loss no Sub-20

    ver detalhes
  • Drogba e Roberto de Andrade conversaram por telefone

    Drogba e Roberto de Andrade conversam por telefone sobre transferência ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes