Elias explica gesto na comemoração do gol

Elias explica gesto na comemoração do gol

Por Meu Timão

Elias mandou o torcedor ficar em silêncio

Elias mandou o torcedor ficar em silêncio

O volante Elias, autor do primeiro gol do Corinthians no empate contra o Coritiba, explicou o gesto de "mandar calar a boca" que fez na hora de comemorar o gol no começo do segundo tempo. Segundo o atleta, o pedido de silêncio foi direcionado pra apenas um torcedor:

- É o mesmo idiota que já me xingou outra vez, e está aqui de novo. É um só. Ele não representa o torcedor do Corinthians. O cara paga ingresso para xingar. Deveria ficar em casa - disse Elias.

Duas semanas atrás, o volante já tinha se envolvido em outra discussão com torcedores, que segundo o atleta, teria sido a mesma pessoa. O fato aconteceu na partida entre Corinthians x Vitória na Arena Pantanal, o vídeo da discussão caiu na internet e mostrou Elias descontrolado xingando o torcedor.

Além do torcedor mala, Elias também lamentou o empate. Segundo o volante, o Timão merecia ter vencido:

- Na hora em que a gente soube marcar, conseguiu criar inúmeras chances. Dava para ter vencido. O time sai daqui com a cabeça erguida, mas com um gostinho amargo. Se tivesse jogado o primeiro tempo como o segundo, a vitória teria vindo - finalizou Elias.

Veja Mais:

  • Torcida do Corinthians marcou presença na Fonte Nova; 'presente' veio nesta segunda

    Rival tropeça no Pacaembu, e Corinthians encerra rodada com boa vantagem na liderança

    ver detalhes
  • Corinthians/UNIP faz final da Liga Paulista nesta semana

    Decisões na base, futsal, vôlei e futebol feminino: a semana do Corinthians em outras modalidades

    ver detalhes
  • Quarta-feira deve ser noite de Arena Corinthians lotada

    Corinthians confirma 25 mil ingressos vendidos para duelo contra o Grêmio em Itaquera

    ver detalhes
  • Gabriel deve ser reforço do Corinthians para jogo desta quarta-feira

    Pendurados ilesos e volante de volta: Corinthians 'junta cacos' para encarar Grêmio

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes