Timão tem medo de perder Malcom

Timão tem medo de perder Malcom

Por Meu Timão

Malcom pode sair ano que vem

Malcom pode sair ano que vem

O Coringão vem trabalhando para manter o seu principal jogador, o atacante Paolo Guerrero. Contudo, outro atacante pode deixar o Coringão em 2015. Trata-se da revelação Malcom, jogador da base alvinegra. As informações são do portal GloboEsporte.

Dono de apenas 30% dos direitos econômicos do garoto de 17 anos, o Timão se move nos bastidores para evitar uma transferência precoce da revelação para um clube estrangeiro. Considerado pelo jornal inglês The Guardian como uma das 40 maiores promessas do futebol mundial, o jogador foi promovido da base para a categoria profissional pelo técnico Mano Menezes no início deste ano e vem correspondendo a altura das exigências técnicas da equipe.

Pessoas influentes do clube evitam comentar a possibilidade, mas admitem que a saída pode ocorrer ainda neste ano. O motivo é político. O principal temor é o fato de Fernando Garcia, empresário e conselheiro vitalício do Corinthians, ter 35% dos direitos de Malcom. Um dos entraves aconteceria na eleição presidencial do clube.

No pleito, Paulo Garcia, irmão de Fernando, deve concorrer como presidente ou vice da chapa de oposição. Para não haver conflitos éticos - Malcom se tornaria o 'menino do irmão do presidente' -, uma negociação seria uma saída.

O contrato de Malcom com o Coringão termina em maio de 2016. Após a saída de Romarinho para o El Jaish, do Catar, o jovem atacante virou opção entre os titulares.

Um jornalista escocês que mora em São Paulo chegou a publicar no Twitter parte de uma conversa com a namorada de Malcom, dizendo que a transferência para um time da Inglaterra já estava sacramentada, e que ele partiria para a Europa logo depois do Natal. O clube nega.

Malcom foi o único jogador realmente aproveitado desde a promoção de cinco atletas da base para o time principal em 2014. Resta torcer para o menino ficar e dar muitas alegrias à torcida corinthiana.

Veja Mais:

  • Gaviões da Fiel foi a primeira das torcidas a chegar no Pacaembu neste domingo

    Organizadas chegam ao Pacaembu para ato em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes