Perto do adeus, Mano ganha apoio do elenco alvinegro

Perto do adeus, Mano ganha apoio do elenco alvinegro

Por Meu Timão

Mano não deve ficar no Coringão em 2015

Mano não deve ficar no Coringão em 2015

A segunda passagem de Mano Menezes pelo Corinthians deve acabar em três dias. Após uma primeira passagem de sucesso pelo clube entre 2008 e 2010, o comandante voltou em 2014 para comandar a reformulação de um grupo que foi campeão de tudo.

Parte do objetivo foi cumprida: o técnico fez profundas mudanças no elenco, mas sofreu para atingir melhores resultados. Os jogadores se 'fecharam' com o técnico após a traumática eliminação na Copa do Brasil, com derrota por 4 a 1 para o Atlético-MG, e engataram uma sequência de bons resultados que culminou na vaga à Libertadores do ano que vem.

Ainda não há conversas sobre a provável despedida. Os jogadores asseguram que esse assunto cabe apenas à diretoria. No entanto, opinam sobre a situação e mostram apoio ao atual comandante. As informações são do portal GloboEsporte.

- Ainda não foi passado nada sobre a saída do treinador, até então o Mano é o treinador, não tem motivo para fazermos despedidas. O grupo inteiro está com o Mano, estamos com ele e o trabalho vai continuar - disse Renato Augusto.

Boa parte da diretoria não pensa da mesma forma, assim como os candidatos à sucessão do presidente Mário Gobbi, que também devem participar da decisão. Oficialmente, a atual diretoria diz não estar negociando com ninguém, mas não garante que os candidatos não estejam conversando com postulantes ao cargo de Mano Menezes.

O clube espera definir a situação do técnico na primeira semana após o fim do campeonato. Com ou sem Mano, o Corinthians quer começar 2015 com as peças no lugar e viajar para a pré-temporada nos Estados Unidos com elenco praticamente completo.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes