Mário Gobbi freia contratação de Danilo, goleiro da Chapecoense

Mário Gobbi freia contratação de Danilo, goleiro da Chapecoense

Por Meu Timão

12 mil visualizações 162 comentários Comunicar erro

Danilo não deve mais assinar com o Corinthians

Danilo não deve mais assinar com o Corinthians

O atual presidente do Corinthians, Mário Gobbi, afirmou a interlocutores que não pretende assinar a contratação de Danilo, goleiro da Chapecoense. Gobbi e outros de seus colaboradores próximos estão contrariados com o que no clube já se convencionou chamar de "poder paralelo". As informações são da coluna Bastidores F.C., do portal Globo Esporte.

A contratação de Danilo - assim como as de Edilson e Cristian - foram encaminhadas por Roberto de Andrade, ex-diretor de futebol e candidato a presidente nas eleições de fevereiro, e Edu Gaspar, gerente de futebol.

Embora sejam do mesmo grupo político, os dois há tempos não falam a mesma língua.

O atual diretor de futebol, Ronaldo Ximenes, confirmou a desistência da negociação:

- Nesta gestão, ele (Danilo) não será contratado. Se o Roberto ganhar a eleição, e torço para que ele vença, aí ele poderá contratar. Eu falei com o Edu Gaspar e existia essa intenção (de contratar), mas já foi abortada.

Veja Mais:

  • Tem clássico! Timão e São Paulo decidem na terça vaga à semifinal da Copa RS

    Corinthians faz clássico contra São Paulo nas quartas da Copa RS

    ver detalhes
  • Rosenberg chamou Leila Pereira de 'imperadora' do Palmeiras e ironizou Allianz: 'Pneu deitado'

    Diretor do Corinthians ironiza Palmeiras e diz que 'Fiel não aceitaria imperadora'

    ver detalhes
  • Corinthians e Internacional se enfrentaram pela liderança do Grupo B da Copa RS

    Corinthians vai bem, mas cede empate para Internacional e deixa escapar liderança na Copa RS

    ver detalhes
  • 'Não sei por que fazem tanto romance em torno disso', declarou Rosenberg sobre dívida pela Arena

    Rosenberg atualiza dívida do Corinthians pela Arena: 'Na pior das hipóteses, deve R$ 650 milhões'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes