Sete mentiras que contam sobre o Corinthians

Sete mentiras que contam sobre o Corinthians

Por Meu Timão

59 mil visualizações 143 comentários Comunicar erro

Amarilla prejudicou muito o Corinthians

Amarilla prejudicou muito o Corinthians

Todos sabem que o Corinthians gera bastante audiência. Por isso, não por acaso, o Timão está na boca de torcedores de outros times que espalham mentiras e ironias que com o tempo se transformam em verdades absolutas para os "antis". De olho nisso, o Meu Timão preparou uma lista com 10 mentiras que envolvem o cotidiano das discussões dos torcedores. Confira:

1 - Mundial de 2000

O Corinthians não precisou ganhar a Libertadores para conquistar o maior título do futebol mundial, assim como Inglaterra, Argentina, França, Uruguai e Itália não precisaram disputar eliminatórias para conquistar a Copa do Mundo. A edição de 2000 do Mundial de Clubes da Fifa deu ao campeão brasileiro de 1998 a oportunidade de representar o Brasil na competição. À época contestou-se se o mais correto não seria o campeão de 1999, que só sairia em dezembro, dias antes da competição. Para ratificar, o Corinthians conquistou mais uma vez o título e menos de um mês depois consagrou-se campeão do mundo pela primeira vez.

2 - Jejum de 11 anos contra o Santos

O campeonato estadual era levado tão a sério nos tempos mais remotos, que a vitória do Corinthians por 2 a 0 sobre o Santos, em 21 de abril de 1968, com gols de Paulo Borges e Flávio, foi considerada uma quebra de tabu - foram 11 anos sem vencer o clube do litoral pela competição. Entretanto, no período o Timão bateu o Santos por outras competições como o Rio-São Paulo e o Torneio Nacional. Pelé sentiu o sabor da derrota algumas vezes durante o período.

3 - 23 anos de jejum

Na verdade, o Corinthians ficou 22 anos e 8 meses sem conquistar o título do Campeonato Paulista, considerado o grande campeonato à época. Entretanto, o Timão não ficou de janeiro de 1955 a outubro de 1977 sem conquistar uma taça. Entre títulos de menor expressão, como a Taça Charles Miller em 1955 e 1958, o Alvinegro foi campeão do Rio-São Paulo de 1966. O último título antes do Paulistão de 1977 foi a Taça Governador do Estado, no mesmo ano. Antes disso, em 1975, o Corinthians conquistou a Copa São Paulo.

4 - Segunda maior torcida, só que não

Há muitos anos permanece o mito que o Flamengo tem a maior torcida do Brasil. Isso acontece, pois nos anos 80, as afiliadas da TV e Rádio Globo no norte e no nordeste recebiam apenas jogos das equipes cariocas. Esses torcedores, então, passaram a adotar o Flamengo como o segundo time, e não o time verdadeiro do coração. Em números absolutos, contando os estados do Rio de Janeiro e São Paulo, além dos torcedores ativos - e números significativos como o do sócio torcedor, o Corinthians está com grande vantagem sobre o rubro-negro carioca.

5 - Arena construída com dinheiro público

A maior das mentiras, talvez, é que o Corinthians ganhou um estádio construído com dinheiro público. A verdade é que o Timão foi beneficiado com incentivos disponibilizados por conta da realização da Copa do Mundo, mas terá que pagar com juros de mercado todos os empréstimos contraídos - uma dívida de 1 bilhão de reais. Além de ver toda sua arrecadação de bilheteria ir para um fundo destinado ao pagamento das contas da nova casa, o clube vem esbarrando na falta de compradores para os CIDs, certificados que podem ser adquiridos por empresas e deduzidos dos impostos, pois os documentos emitidos pela prefeitura de São Paulo estão sob judice.

6 - Crise financeira

O Corinthians pode até estar financeiramente mal (momentaneamente), mas permanece economicamente bem. Com patrocínio renovado com a Caixa, negociando outras propriedades, além da expectativa de faturamento com títulos e negociação de jogadores, o clube espera recuperar-se totalmente da frustrada contratação de Alexandre Pato até o final de 2015. Para isso, apertou os cintos, cortou despesas, mas mantém-se forte como o clube que mais fatura no país.

7 - Apito amigo

Inventado por Milton Neves, o termo "apito amigo" é uma das maiores mentiras do futebol. Repetidamente, o Corinthians é prejudicado pela arbitragem e os erros, muitas vezes grosseiros, não são repercutidos pela mídia que prefere explorar lances nos quais a polêmica é a favor do Timão. Casos recentes, pouco explorados por quem deveria, mostram que o apito muitas vezes é inimigo. Carlos Amarilla e o "roubo" descarado na Libertadores 2013. O triplo impedimento na Vila Belmiro e o gol de Neymar. A expulsão injusta de Guerrero contra o Grêmio, o pênalti inexistente, no Brasileirão 2014. A seguida implicância do STJD. A lista é extensa e mostra que, apesar de Milton Neves querer, o Corinthians é apenas mais uma vítima.

Veja Mais:

  • Arena Corinthians receberá novo treino aberto à Fiel

    Mais de 100 mil torcedores já foram à Arena Corinthians em treinos abertos; veja vídeos de todos

    ver detalhes
  • Torcedor apaixonado pelo Corinthians, Senna é inspiração de novo uniforme

    Nova terceira camisa do Corinthians ganha data de lançamento

    ver detalhes
  • Prejudicado pela arbitragem, Timão empatou com Internacional na Arena Corinthians

    Confira a posição do Corinthians ao fim da 26ª rodada do Brasileirão-18

    ver detalhes
  • VÍDEO: Reforço para 2019 e estreia de nova camisa - Giro de notícias do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes