Guerrero reencontra rival predileto em estádio inédito

Guerrero reencontra rival predileto em estádio inédito

Por Meu Timão

1.7 mil visualizações 25 comentários Comunicar erro

Guerrero nunca perdeu para o rival Palmeiras

Guerrero nunca perdeu para o rival Palmeiras

Foto: Daniel Augusto/ Agência Corinthians

Além de toda a rivalidade que cerca um Dérbi, o Corinthians tem um motivo a mais para considerar o duelo desta tarde importantíssimo: manter a invencibilidade de sete anos em jogos realizados na capital.

A última derrota do alvinegro para o Palmeiras aconteceu no dia 2 de março de 2008, por 1 a 0, em um jogo realizado no Morumbi. O gol do rival foi marcado pelo chileno Valdivia.

De lá para cá, todos os clássicos entre Corinthians e Palmeiras disputados na capital paulista terminaram sem tristeza para os torcedores alvinegros. Foram 13 jogos com sete vitórias e seis empates. Coincidência ou não, todos disputados no mesmo estádio: Pacaembu. O levantamento foi feito pelo portal Lancenet.

Além disso, se o Corinthians luta para manter esse tabu, Guerrero tem um motivo especial para querer essa vitória: manter o tabu de nunca ter sido derrotado pelo rival. Em três partidas, uma vitória e dois empates.

O último confronto, aliás, pode ter sido o melhor momento. Foi uma vitória no primeiro clássico do novo estádio do Timão e com direito a gol, que abriu o caminho para aquele triunfo no Brasileirão de 2014. Que venha outra vitória!

Veja Mais:

  • Nesta quarta-feira, Corinthians e Flamengo lutam por vaga na final da Copa do Brasil

    Copa do Brasil, treino aberto e decisão no feminino: a semana de compromissos do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians de Jair Ventura está em oitavo lugar no Brasileirão

    Corinthians 'volta uma casa' na classificação do Brasileirão, mas diminui distância para o G6

    ver detalhes
  • Corinthians é prejudicado em Itaquera - Giro de notícias do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians jogou bem, mas não conseguiu sair vitorioso neste domingo

    Corinthians sofre gol impedido, reage no segundo tempo e fica no empate com o Internacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes