Cadeiras do setor de visitante do estádio do Palmeiras são quebradas

Cadeiras do setor de visitante do estádio do Palmeiras são quebradas

Por Meu Timão

10 mil visualizações 215 comentários Comunicar erro

Cadeiras foram quebradas no Allianz Arena

Cadeiras foram quebradas no Allianz Arena

Foto: Reprodução

Após a saída dos corinthianos do estádio do Palmeiras, aproximadamente uma hora após o término da partida em que o Timão venceu o rival por 1 a 0, os danos sofridos no Allianz Parque puderam ser registrados. Algumas cadeiras do setor de visitantes foram destruídas, onde sentava a torcida do Corinthians, enquanto portas dos banheiros foram riscadas com provocações..

Antes mesmo do dia do jogo já a preocupação, inclusive da presidência da Gaviões da Fiel, em não revidar o estrago feito pelos palmeirenses na Arena Corinthians. Durante o Brasileirão de 2014, no primeiro clássico entre os dois clubes no novo estádio do Timão, palmeirenses destruíram 282 cadeiras no setor de visitantes, gerando um prejuízo acima de 50 mil reais, pago pela diretoria do Palmeiras.

Ainda não foi contabilizado o total do estrago no Allianz Parque, mas seja lá quanto for, vai sair do bolso do Timão, já que entre as diretorias dos clubes, existe um"acordo de cavalheiros em que o clube visitante pague pelo estrago da torcida visitante.

Veja Mais:

  • Timão viu Internacional ser superior e vencer com gol aos 46 minutos do segundo tempo

    Corinthians perde colocações no Brasileirão após revés para Internacional; veja tabela

    ver detalhes
  • Zaga de Loss bateu cabeça no Sul e perdeu a segunda seguida

    Defesa falha, Corinthians cede virada ao Internacional e perde a segunda com Loss

    ver detalhes
  • Em tarde ruim, Timão decepcionou no Sul e levou virada por 2 a 1

    Torcida do Corinthians elege 'vilões' de derrota para Internacional; Vital se salva

    ver detalhes
  • Mantuan chorou bastante após o término do jogo

    Nas redes sociais, colegas e Loss dão força a Mantuan; irmão manda recado emotivo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes