Renato Augusto relembra jogo sem torcida e aponta dificuldade

Renato Augusto relembra jogo sem torcida e aponta dificuldade

Por Meu Timão

Em 2013, Corinthians recebeu o Millonarios no Pacaembu sem torcida

Em 2013, Corinthians recebeu o Millonarios no Pacaembu sem torcida

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

No Corinthians desde 2013, ano em que também jogou em partida válida pela Libertadores com os portões fechados, ao chegar à Argentina, o meia Renato Augusto se recorda de algumas decorrências de um jogo sem torcida.

"Vai ser difícil manter a concentração. Na Libertadores de 2013 a gente fez um jogo assim e o maior trabalho do Tite na época foi tentar manter a concentração pra não ficar naquele ritmo de treino. Vamos tentar fazer o nosso jogo, mesmo sem torcida", disse.

Sobre o desfalque de Guerrero e Sheik no ataque do timão, demonstrou confiança no elenco bem preparado pelo técnico Tite.

"Nós temos jogadores de muita qualidade também. O próprio Mendoza entrou muito bem, o Danilo a gente já conhece muito, então temos um elenco grande exatamente pra isso. Está acontecendo um rodízio muito grande, acho que está todo mundo preparado", concluiu.

Veja Mais:

  • Centroavante Jô, 'Rei dos Clássicos', voltou a deixar o dele neste domingo

    Corinthians despacha São Paulo e vai à final do Paulistão contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Clayson, de 22 anos, interessa ao Corinthians

    Dirigentes do Corinthians confirmam interesse em atacante da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Sem ser relacionado há seis partidas no Timão, Guilherme tem acerto encaminhado com o Atlético-PR

    Presidente confirma: Corinthians encaminha empréstimo do meia Guilherme

    ver detalhes
  • Jô foi eleito o melhor em campo no clássico deste domingo

    Jô, Pablo e Jadson brigam pela melhor avaliação nas notas da torcida

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes