Renato Augusto relembra jogo sem torcida e aponta dificuldade

Renato Augusto relembra jogo sem torcida e aponta dificuldade

Por Meu Timão

Em 2013, Corinthians recebeu o Millonarios no Pacaembu sem torcida

Em 2013, Corinthians recebeu o Millonarios no Pacaembu sem torcida

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

No Corinthians desde 2013, ano em que também jogou em partida válida pela Libertadores com os portões fechados, ao chegar à Argentina, o meia Renato Augusto se recorda de algumas decorrências de um jogo sem torcida.

"Vai ser difícil manter a concentração. Na Libertadores de 2013 a gente fez um jogo assim e o maior trabalho do Tite na época foi tentar manter a concentração pra não ficar naquele ritmo de treino. Vamos tentar fazer o nosso jogo, mesmo sem torcida", disse.

Sobre o desfalque de Guerrero e Sheik no ataque do timão, demonstrou confiança no elenco bem preparado pelo técnico Tite.

"Nós temos jogadores de muita qualidade também. O próprio Mendoza entrou muito bem, o Danilo a gente já conhece muito, então temos um elenco grande exatamente pra isso. Está acontecendo um rodízio muito grande, acho que está todo mundo preparado", concluiu.

Veja Mais:

  • Alessandro entrega camisa para Mateus Vital, reforço vindo do Vasco

    Vital é apresentado no Corinthians, vibra com acerto e diz onde prefere aturar

    ver detalhes
  • Tevez recebeu pedido especial após derrota do Boca Juniors

    Em reestreia pelo Boca Juniors, Tevez autografa camisa do Corinthians e ri ao ouvir 'Timão'

    ver detalhes
  • Óscar retornou ao Shanghai Shenhua neste começo de 2018

    Corinthians abriu conversas pela contratação de irmão de Romero; dois fatores inviabilizaram negócio

    ver detalhes
  • Carille comentou treino desta quinta-feira, no CT; domingo tem jogo

    Vital treina pela primeira vez, e Corinthians inicia preparação para enfrentar São Caetano

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes