Cássio fala sobre momento de 'bobeira' e valoriza desempenho do Timão

Cássio fala sobre momento de 'bobeira' e valoriza desempenho do Timão

Por Meu Timão

Após a vitória desta quinta-feira, Cássio foi o escolhido para dar entrevista na sala de imprensa do CT

Após a vitória desta quinta-feira, Cássio foi o escolhido para dar entrevista na sala de imprensa do CT

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Um dos responsáveis pela invencibilidade do Corinthians até aqui é, sem dúvidas, Cássio. Remanescente do elenco campeão mundial em 2012, o goleiro tem feito uma grande temporada como titular no Timão. Não por acaso, o time dirigido pelo técnico Tite tinha, até a vitória desta quinta-feira, a melhor defesa do Campeonato Paulista.

Em 12 jogos no Estadual, o Corinthians venceu dez e empatou duas, sofrendo apenas sete gols. Já pela Libertadores, conquistou nove pontos em três jogos e viu sua rede ser balançada apenas uma vez, no duelo contra o Danubio (URU).

Nesta semana, o elenco corinthiano teve sua qualidade colocada à prova. Em sete dias, o Timão jogou três vezes pelo Campeonato Paulista - Capivariano, Portuguesa e Penapolense – e venceu todos.

Nesta tarde, o camisa 12 analisou o momento de ‘bobeira’ desta quinta-feira, durante a vitória sobre o time de Penápolis, e o próximo compromisso do Alvinegro pela Copa Libertadores da América.

Confira trechos da coletiva de Cássio:

Maratona

Tem um desgaste grande, com certeza. Porque a gente jogou domingo, na terça e depois na quinta. É impossível não ter um desgaste. A gente já vem jogando bastante, teve a pré-Libertadores e os outros jogos. Mas, passando essa semana, jogando dois jogos na semana, já estará tudo normal.

'Frango'

Já quase aconteceu um no jogo contra o São Bernardo. São erros que vai evoluindo, vai melhorando. Dificilmente, isso no treino vai acontecer. A gente tira de exemplo do que acontece nos jogos. Então, a gente precisa tirar as coisas boas e coisas ruins, evoluir e melhorar com erros e com acertos. Quanto mais joga, acredito que acontecem mais repetições e tu vai evoluindo, tanto com defesas, como psicologicamente também, estar bem concentrado e bem focado.

5x3

Primeiro que goleiro nenhum gosta de tomar gol. Tomou três, não é uma coisa normal, a gente não vinha tomando gol. Fiquei um pouco chateado sim, fiquei frustrado, mas é do momento. Até saí e não dei entrevista com ninguém. O Penapolense, nos 15 minutos finais, teve um volume grande de jogo no nosso campo, dominou a nossa equipe nesses minutos. Mas o importante é vencer, o importante é o coletivo e a gente conseguiu isso.

Consistência defensiva

Acho que, nem questão de segurar, a gente vem treinando muito e, às vezes, são momentos de bobeira que acontece isso. A gente não conseguiu encaixar, tocar a bola como a gente vinha tocando. Mas a gente vem treinando muito, quando acontecem essas coisas a gente fica um pouco chateado, porque a gente vem treinando bastante repetição, bola parada, toda véspera de jogo. Então, quando acontece isso a gente fica um pouco frustrado. Acredito que estou mais tranqüilo, esse ano a gente não pode pensar que tomar três gols é uma coisa anormal. A gente está invicto, tem que valorizar as vitórias, a gente vem ganhando.

Bom início

Com certeza, acho que se for ver o primeiro semestre, a gente está classificado já no Paulista. Agora tem a Libertadores, são jogos decisivos, temos dois jogos em casa, a gente não pode vacilar. A gente não pode não pensar nos seis pontos. Se for ver o jogo contra o San Lorenzo, o time deles teve mais volume, teve mais chances de gol. A gente teve pouca chance no jogo, foi e fez. Conseguimos nos defender, mas acabamos tomando o gol no fim do jogo. Então serve como exemplo para a gente ficar ligado o jogo todo e não acontecer mais esse erro que aconteceu nas duas partidas.

Taça Libertadores

A gente já deve receber alguma coisa sobre o Danubio no domingo, até para ir vendo como eles jogam, já pensando no jogo da quarta-feira. Acho que segunda, vamos estar bem focados, bem concentrados já pensando no jogo da quarta.

Campeonato Paulista

Melhor campeonato estadual do Brasil, na minha opinião, é mais competitivo. Ano passado, teve um time do interior que foi campeão. Times investem, jogadores que tiveram sucesso em equipes grandes vão para equipes pequenas. Então é um ponto de vista meu, é o melhor estadual do Brasil.

Não importa o rival

É mata-mata. Não tem como escolher adversário se a gente tem o objetivo de ser campeão. A equipe que a gente enfrentar, nós temos que pensar sempre em vencer e passar de fase até chegar à final e tentar buscar o título.

Veja Mais:

  • Oswaldo divulgou lista de relacionados do Corinthians

    Com apenas um desfalque, Corinthians divulga lista de relacionados para enfrentar Cruzeiro

    ver detalhes
  • Corinthians imagina que receberá propostas por Yago e Balbuena

    Corinthians estuda vender zagueiro e intensifica busca por contratação defensiva

    ver detalhes
  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Sub-20 comemorando título do Corinthians/UNIP no futsal

    Sub-20 conquista título estadual e Corinthians fica perto de fim de ano perfeito no futsal

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes