Sem perder há quase seis anos, volante afirma: 'Vixe... Não lembro!'

Sem perder há quase seis anos, volante afirma: 'Vixe... Não lembro!'

Por Meu Timão

A última derrota de Cristian pelo Corinthians ocorreu em 2009, pelo Brasileirão

A última derrota de Cristian pelo Corinthians ocorreu em 2009, pelo Brasileirão

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Com o resultado positivo em Bragança Paulista, o Timão chegou a sua 19ª partida de invencibilidade. A última derrota ocorreu ainda no Campeonato Brasileiro do ano passado, diante do Fluminense, no Maracanã.

Se a fase é boa para o Timão, imagina para Cristian. Após alguns anos na Europa, o volante retornou ao clube nesta temporada e ainda não sentiu o sabor amargo de uma derrota. Aliás, o último resultado negativo do meio-campista com o manto alvinegro ocorreu há quase seis anos atrás. Na época, Mano Menezes fazia sua primeira passagem à frente do Timão. No dia 12 de julho de 2009, o volante participou da derrota por 3 a 0 para o Grêmio, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro.

Nesta segunda, durante uma ação beneficente no Parque São Jorge, Cristian afirmou recordar da data e enalteceu a grande temporada de 2015. “Última derrota pelo Corinthians? Vixe... Não lembro. Faz tempo que não tenho isso (sensação de derrota)... É bom, né? Jogador quer ganhar, quando está ganhando, está bom. Ruim é quando as coisas não funcionam e começa a perder. Quando está ganhando, as coisas fluem naturalmente, acontecem, e está acontecendo agora para o Corinthians”, analisou o camisa 16.

Contudo, o volante explicou que a equipe está ciente de que enfrentará dificuldades para manter a invencibilidade deste ano. “A gente está preparado, para derrota, empate... Uma hora vai acontecer. Mas a gente trabalha para isso não acontecer. A gente sabe que os jogos são difíceis, a gente luta muito e, às vezes, o que queremos não acontece. Aí vamos na raça, no coração, e conseguimos. Temos jogadores de qualidade que resolvem o jogo em uma bola. Uma derrota virá, empate vai acontecer, mas espero que demore muito tempo”, finalizou.

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes
  • Luidy (boné) conheceu o CT Joaquim Grava na última quinta-feira

    Contratação do Corinthians vai ao CT pela primeira vez

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes