Após evitar queda do São Bento, meia quer voltar para o Timão

Após evitar queda do São Bento, meia quer voltar para o Timão

Por Meu Timão

Meia, que foi campeão mundial com o Timão, quer retornar ao clube

Meia, que foi campeão mundial com o Timão, quer retornar ao clube

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O meia Giovanni já tem motivos para comemorar mesmo antes do final do Campeonato Paulista: com a vitória por 2 a 1 contra o Capivariano, o São Bento, clube que ele está emprestado, se garantiu na Série A1 do Estadual.

"O objetivo era deixar o São Bento na primeira divisão e isso foi alcançado. Eu quis vir jogar aqui e tenho orgulho da campanha que fizemos e da manutenção do clube na primeira divisão. Ainda temos o jogo contra o Penapolense e esperamos vencer para terminar ainda melhor classificado", declarou, na saída do gramado.

Após conquistar o primeiro objetivo do ano, o meia já sabe qual é o seu desejo após o fim do Estadual.

"Meu objetivo é voltar e permanecer no Corinthians. Vou conversar com o Edu para resolver meu futuro. Já conversei com o Roberto e com o Andrés e vamos aguardar o que o futuro reserva", declarou.

O meia, que tem bom relacionamento com o gerente de futebol Edu Gaspar e com o presidente Roberto de Andrade, tem contrato com o Corinthians até junho de 2016. Giovanni foi campeão Mundial de Clubes com o Timão em 2012.

Se retornasse ao Corinthians hoje, Giovanni teria uma briga e tanto pela frente. Sua posição é um das mais concorridas na equipe de Tite, com: Jadson, Renato Augusto, Danilo, Petros e o jovem Matheus Pereira.

Veja Mais:

  • Treino com torcida na Arena Corinthians não é novidade

    Organizadas pedem e último treino antes do Dérbi terá presença da torcida na Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, à direita, deve retornar ao time; Léo Jabá é dúvida

    Corinthians terá ao menos uma mudança na escalação para encarar Palmeiras

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes