Felipe descarta novo mortal e comemora sequência invicta: 'É maravilhoso!'

Felipe descarta novo mortal e comemora sequência invicta: 'É maravilhoso!'

Felipe marcou o gol do Corinthians no empate contra o Santos, nesse domingo

Felipe marcou o gol do Corinthians no empate contra o Santos, nesse domingo

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O zagueiro Felipe foi o dono do único gol do Corinthians no clássico contra o Santos nesse domingo. E a comemoração chamou a atenção de todos. Ao contrário dos saltos mortais, contra Once Caldas e Danubio, dessa vez, ele optou por uma cambalhota no gramado. Como já havia sido advertido pelo técnico Tite anteriormente, a comemoração ganhou ainda mais destaque. O zagueiro garantiu que os mortais são passado.

"Conversei com o professor Tite e ele me colocou para não dar esse mortal. Aí fui na brincadeira e dei só uma roladinha para ele não ficar preocupado, porque não tem jeito de machucar nessa", respondeu o zagueiro, bem humorado na coletiva de imprensa dessa segunda-feira.

Em boa fase, Felipe é titular absoluto da equipe do Corinthians ao lado de Gil. Por isso, deve ser poupado na próxima quarta-feira, contra o XV de Piracicaba. O zagueiro não confirma e diz que, no banco ou não, ele espera sempre o melhor resultado.

"Independente do adversário, a equipe se comporta do mesmo jeito. Não sei se vou estar no jogo ou no banco, depende do professor, mas vamos atrás da vitória", declarou.

Com o gol, o zagueiro assegurou mais um jogo invicto da equipe corinthiana. Com 22 jogos sem perder, já é a quinta maior invencibilidade da história do Timão. Para Felipe, isso não tem explicação.

"É maravilhoso! Eu já estou no clube há três anos e sempre comento com meu pai, já estou na história do clube. A importância disso não tem explicação", finalizou.

Veja Mais:

  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes
  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes